SRZD


13/09/2010 20h49

Escola Politécnica da UFRJ oferece cursos de Engenharia em Macaé, a partir de 2011
Redação SRZD

A UFRJ, a partir de 2011, vai oferecer cursos de Engenharia no campus de Macaé (RJ). Por decisão do Conselho Universitário (Consuni), no próximo semestre serão disponibilizadas 120 vagas para as habilitações em Engenharia (Civil, Mecânica e de Produção). Os cursos foram escolhidos seguindo uma pesquisa realizada por especialistas da Poli/UFRJ, que analisaram as principais demandas do Rio.

O curso tem o tempo mínimo de cinco anos. Primeiro os alunos cumprem o Ciclo Básico que tem a duração de dois anos e meio. Após este período, os estudantes deverão escolher a habilitação que desejam cursar. Serão pelo menos cinco módulos, totalizando mais dois anos e meio de estudo.

O diretor da Escola Politécnica da UFRJ, professor Ericksson Almendra, explica que a grande inovação dos cursos oferecidos em Macaé é a forma como se aplicará os módulos, conjunto de disciplinas, no Ensino Profissional. Geotecnia, Fabricação Mecânica e Estruturas são algumas das especializações disponíveis no novo curso.

Segundo o diretor, os alunos escolhem disciplinas optativas que não tem a ver com a habilitação que cursam, tendo como critério apenas o preenchimento da grade de horários. Com o novo módulo, os alunos optam por módulos que contêm disciplinas da habilitação, ampliando a qualificação profissional dos estudantes.

As aulas serão realizadas no Núcleo de Pesquisas Ecológicas de Macaé (NUPEM), uma unidade da UFRJ. O curso será em tempo integral, com possibilidade de aulas noturnas. O período de estágios está previsto apenas para o final da graduação.  

O professor afirma que essa proposta foi feita pela própria Escola Politécnica, que assumirá toda a responsabilidade pela implantação dos cursos, até que a universidade estabeleça uma estrutura em Macaé.

 

 

 


Veja mais sobre:UFRJ

Comentários
  • Avatar
    06/08/2012 03:00:57CGDzlfDqRHzHpJQRzgUAnônimo

    "A Parque Escolar foi uma festa para o Paeds, para os alunos, a enrhenagia, a arquitectura, o emprego, a economia. Fizemos escolas robustas, aptas para o futuro. Conseguimos cre9dito com juros de menos de 3% a 30 anos. Deixe1mos uma dedvida boa", disse, na Comisse3o de Educae7e3o e Cieancia."Nem e9 por vir de quem veio. Este fante1stico pedae7o de histf3ria de Portugal poderia ter sido produzido por Cavaco Silva, Paulo Portas, Santana Lopes, etc. Dea-se o me9rito e0 senhora de mostrar ao que anda a maioria dos poledticos portugueses. Estou certo que se isto fosse sujeito a voto secreto no parlamento tinha 95% de apoios.

  • Avatar
    21/02/2012 11:42:06Misael PortoAnônimo

    Comparando o ciclo básico da UFRJ Rio com a de Macaé, observei na distribuição curricular uma diferença muito grande, disciplinas que fazem parte na formação de engenheiros como de Cálculo (I,II,III, IV) e Física (I,II,III,IV) não aparecem em Macaé. Esta diferença na distribuição curricular não atrapalhará o aluno no caso de uma transferência para uma outra Universidade ou para a própria UFRJ Rio? No site da UFRJ não aparece o ciclo profissional em Macaé, como ficará a situação dos alunos após o 3. período? Quais as especialidades em Engenharia Mecânica? Agradeço desde já pelas informações.

  • Avatar
    03/10/2011 06:25:06CfPFMGSHUDPJtAnônimo

    Hey, that post leaves me feeling fooslih. Kudos to you!

  • Avatar
    06/04/2011 16:14:55ROSILENE THURLER BORGESAnônimo

    POR FAVOR, ENTRE EM CONTATO COMIGO. PRECISA SABER SE CONSIGO UMA VAGA PARA VITOR THURLER BORGES( INCRIÃ?Ã?O 0454703 UFRJ). ELE PASSOU PARA A UERJ NOVA FRIBURGO ENGENHARIA MECÃ?NICA. , GOSTARIA DE SABER SE CONSIGO TRANSFERÃ?NCIA. OU SE CONSIGO DE OUTRA FORMA. MESMO QUE SEJA PARA O SEGUNDO SEMESTRE. OBRIGADA. FICO NO AGUARDO DE RESPOSTA. ATENCIOSAMENTE, ROSILENE

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.