SRZD


10/10/2010 17h08

Vibrador é mais usado por mulheres brasileiras, diz pesquisa
Redação SRZD

No que diz respeito ao sexo e a relacionamentos amorosos, a pesquisa realizada pelo instituto Tendências Digitales, mostra que os latino-americanos entendem do assunto.

O Brasil é o país em que homens e mulheres mais trocam de parceiros sexuais ao longo da vida, em uma média de 12 contra 10 da América Latina.

O sexo geralmente é associado ao amor e ao prazer , mas segundo informações tiradas do O Globo, apenas 35,6% associam a relação sexual ao prazer carnal, nos demais países, a média é de 27,6%.

Segundo a sexóloga Carla Cecarello , presidente da Associação Brasileira de Sexualidade,os brasileiros são mais livres para se aproximar, conquistar. O latino, em geral, é machista, a mulher é mais submissa, a questão do pecado é muito forte.

Se levarmos em conta o machismo dos homens veremos que a posição sexual preferida do brasilerios ainda evidencia isso. A posição ideal para 29,1% da população é aquela em que a mulher fica ajoelhada e o homem fica por trás. Em segundo lugar na preferência nacional, com 22,7%, vem o tradicional papai-mamãe.

A pesquisa ainda revela que  as brasileiras são as que mais usam vibradores para se masturbar (13,5%) e as que mais chegam ao orgasmo pelo sexo oral (33,9%). Embora muitas ainda finjam gozar, uma parcela considerável diz ter orgasmos múltiplos regularmente (19,3%) e às vezes (54,3%).


Veja mais sobre:Sexo

Comentários
Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.