SRZD


05/02/2008 12h05

Prêmio SRZD-Carnaval 2008: Desfile do ano é do Salgueiro
SRZD-Redação

Os jurados do prêmio Estrela do Carnaval, do site SRZD-Carnavalesco, escolheram a apresentação do Salgueiro, como o desfile do ano. A escola foi a terceira a se apresentar no domingo de carnaval e falou sobre as belezas do Rio de Janeiro. A entrega do prêmio Estrela do Carnaval acontece no dia 17 de fevereiro, a partir das 13h, com uma feijoada para premiados e convidados no Hotel Intercontinental, em São Conrado. Confira análise do desfile do Salgueiro: O Salgueiro não pôde contar com seu presidente, Luiz Augusto Duran, para entoar o grito de guerra, devido à problemas de saúde. Terceira escola a entrar na avenida, embaixo de muita chuva que só deu uma trégua no fim do desfile, o Salgueiro apostou no enredo sobre a cidade do Rio de Janeiro, "O Rio de Janeiro continua sendo...", de autoria dos carnavalescos Renato Lage e Márcia Lavia, para o carnaval de 2008. Após um belo desfile no ano passado que rendeu apenas uma sétima colocação, considerada injusta por muitos, a escola quis exaltar todas as belezas da cidade, deixando de lado os crimes e problemas de segurança pública e a crise na saúde e na educação. No desfile da agremiação houve, também, referências aos antigos carnavais, à boemia da Lapa e ao Jardim Botânico. O Salgueiro retratou o Rio de Janeiro através do sol, do calçadão da praia de Copacabana, do Maracanã e dos arcos da Lapa. Tudo em um clima contagiante, típico do carioca e do salgueirense. Segundo a carnavalesca Márcia Lavia, a escola preparou uma apresentação mais leve, mas nem por isso menos grandiosa. Coreografada por Hélio Bejani, a comissão de frente desembarcou no Sambódromo de banana-boat. Os 15 integrantes (apenas uma mulher) representaram a idéia de como seria se os portugueses desembarcassem, hoje, no Rio de Janeiro. Cansados da viagem, mas seduzidos pelas belezas nativas, os gringos se deparam com uma visão encantadora. Cada um vinha com um guarda sol florescente e vermelho interagindo com uma índia. Havia ainda uma espécie de tripé, que era uma grande banana, de onde surgia o calçadão de Copacabana. E não foi só a paisagem natural que deslumbrou o grupo lusitano nessa praia ensolarada, mas a sensualidade da nativa carioca. Eles passaram muito bem pelos jurados. Em uma visão paradisíaca, o Salgueiro revelou seu carro abre-alas. A alegoria reproduzia a luminosidade do Sol de uma terra que recebeu os navegadores com uma visão deslumbrante, pedaço do paraíso cravado entre as montanhas e o mar. O carro vinha com muito neon, em amarelo e laranja. Os diretores e presidentes das alas saíram no chão, vestidos de guardas municipais. A bateria, comandada pelo mestre Marcão, veio representando o "bom malandro". Os 270 ritmistas engomaram os cabelos e usaram sapato bicolor e chapéu panamá. A rainha de bateria, Viviane Araújo, veio à frente com a fantasia "maladragem da lapa", uma espécie de faisão com 300 penas, representando a madame satã. A bateria apresentou uma coreografia ensaiada para os jurados. Com cores cítricas, a segunda alegoria do Salgueiro, uma das mais bonitas da escola, era um navio pirata. Um tripé simbolizava um grupo de bonecas em uma visão alegórica e caricata de D. João VI e sua esposa, Carlota Joaquina, enquanto excursionam pelo Rio de Janeiro. É frente do carro e no chão, o jogador Edmundo e o ato Eri Johnson entoavam o samba da escola. A mistura do sagrado e profano foi o tema da agitação da Praça Mauá, terceira alegoria do Salgueiro. No local, a riqueza das formas barrocas do Mosteiro de São Bento contrastava com o vai e vem no porto da cidade. Cenário para personagens de um Rio que segue seu curso entre as orações dos monges beneditinos e o burburinho de sua vida noturna. O quarto carro alegórico da escola, que retratava o bairro da Lapa, teve um princípio de incêndio, logo controlado. A alegoria trazia fotos dos cartões postais da cidade na parte de trás. Do Leme ao Pontal foi o nome do quinto carro alegórico. Nele, as barracas e pipas, que enfeitavam o cenário despojado das praias e o calçadão, além de uma homenagem à beleza da mulher carioca. O carro trazia homens e mulheres com corpos esculturais e um casal de banhistas se beijando. Ronaldinho e Gleice Simpatia, primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, representaram o mar da Baía de Guanabara, que testemunhou chegada dos navegadores portugueses. Ave típica da Mata Atlântica, as araras vermelhas foram as baianas do Salgueiro. Elas fizeram uma bela apresentação em frente à terceira cabine de jurados. O sexto carro alegórico veio como uma réplica do estádio do Maracanã. Com fantasias fazendo referência a Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo e América. A alegoria teve ainda a estátua do ex-jogador Belini, capitão da seleção brasileira, que ergueu a primeira Copa do Mundo vencida pelo Brasil, em 1958. Os jogadores Jairzinho, campeão da Copa do Mundo de 70 e Júnior foram alguns dos destaques. Na frente do carro, um copo de cerveja que pode tirar alguns pontos da escola, já que era de verdade. Em uma homenagem ao seu desfile do ano de 1965, quando fez o enredo sobre a comemoração dos quatrocentos anos de fundação da cidade do Rio, o Salgueiro traz sua última alegoria fazendo referência ao ano que deu o título de campeã do carnaval para escola. Essa é a inspiração; o carnaval em vermelho e branco para mostrar que, acima de tudo, a alegria do carioca (e do salgueirense) continua sendo. O carro, também, foi considerado um dos mais bonitos da escola. As ex-BBBs Sabrina Sato e Carol Honório, o cantor Latino e a dançarina Mirela Santos, foram algumas das celebridades que desfilaram pela escola. Apesar do belo desfile, a escola enfrentou alguns problemas: a segunda alegoria apresentou um princípio de incêndio, mas foi logo controlado. O carro de som, também, sofreu um acidente, felizmente sem maiores problemas, a não ser alguns vidros quebrados.

 

* O nome do prêmio foi Estrela do Carnaval da edição de 2008 até 2011. A partir de 2012, passou a se chamar Prêmio SRZD-Carnaval



Comentários
  • Avatar
    05/02/2008 17:06:44admilsonMembro SRZD desde 07/04/2009

    Gosto do salgueiro, gosto do samba, mas na minha opinião não merece este premio. A melhor escola a se apresentar foi mesmo a Beija Flor. Fez um belo desfile, apresentou m belo trabalho de pesquisa, merece todos os premios este ano.

  • Avatar
    05/02/2008 17:04:42Roberto CorrêaMembro SRZD desde 07/04/2009

    Desculpem-me, mas a melhor escola foi a Beija-flor! O Salgueiro estava bonito.Espero vê-la nas campeãs!

  • Avatar
    05/02/2008 15:59:12BiantevezMembro SRZD desde 07/04/2009

    Mercecido? mais acho que a Beija-Flor será bicampeã amanhã !!!

  • Avatar
    05/02/2008 15:49:10ClovisAnônimo

    Os torcedores da Mocidades são muitos recalcados mesmo. A escola veio muito feia, a pior bateria do

  • Avatar
    05/02/2008 15:46:37Santos Membro SRZD desde 07/04/2009

    Mercecido? acho que sim, mas acho que Beija-Flor e Grande Rio mereciamm mais. Parabéns, Salgueiro!!!

  • Avatar
    05/02/2008 15:27:29PORTELENSEMembro SRZD desde 10/01/2010

    Quero deixar um recado pra aa presidência da PORTELA (Porque acho que elese nem Lêem sites assim): foi a mais vonta e agradavel de 2008), parabéns Cahê!)porèm... quabndo que a PORTELA vai sacar qu

  • Avatar
    05/02/2008 14:20:58Léo BFAnônimo

    Esperava muito mais do Sal, o Renato Lage me decepcionou. Como disse abaixo o Thiago Citelli, o prêmio justifica a injustiça do ano passado. Abraço!

  • Avatar
    05/02/2008 13:10:34Thiago CitelliAnônimo

    Nossa!!! que surpreen

  • Avatar
    05/02/2008 13:03:44PauloMembro SRZD desde 07/04/2009

    Fala sério! Salgueiro foi uma das decepções deste carnaval. Se bobear não volta entre as seis melhores no sábado. Se voltar é porque houve compensação pela injustiça do ano passado.

  • Avatar
    05/02/2008 12:50:02Fabiana FreitasAnônimo

    Achei o prêmio justo, mas entendo que não tenha achado. A análise (apesar de ser feita em grupo) é subjetiva. O engraçado Ã

  • Avatar
    05/02/2008 12:17:26marcelezaAnônimo

    so uma ressalva:MOCIDADE é a mais votada na maioria dos sites de pesquisa e especializados em samba..fora q no estandarte levou 5 estandartes..pessoas q entendem e o grande publico afirmam...sao destacados tb:tijuca e bf...vai entender né?!

  • Avatar
    05/02/2008 11:49:29DuduMembro SRZD desde 31/07/2009

    Justo. Isso que e carnaval de verdade e nao showzinho que apenas satizfaz o ego apenas dos carnavalescos das escolas de samba.

  • Avatar
    05/02/2008 11:48:30FredocaAnônimo

    Se é só pra não repremiar a Beija-flor... Mas discordo dos nobres jurados! Houve pelo menos 4 escolas melhores que o Sal, em minha opinião: Beija, Tijuca, Mocidade e Portela.

  • Avatar
    05/02/2008 11:39:45marcelezaAnônimo

    meu pai amado..é cegueira ou torcedores..vcs sao péssimos julgadores...pior q os oficiais da liga...heuehuehue...avaliação tem q ser pelo todo..o q parece nao ter sido...as melhores foram :BF E MOCIDADE..E TENHO DITO..

Comentar