SRZD


20/06/2011 15h11

Sérgio Cabral pede licença para acompanhar buscas no sul da Bahia
Redação SRZD

O governador do Rio, Sergio Cabral, está de licença do cargo até o próximo domingo para acompanhar o trabalho de resgate das vítimas de um acidente de helicóptero na última sexta-feira em Porto Seguro, na Bahia. 

O Corpo de Bombeiros e a Marinha ainda procuram os corpos do empresário Marcelo Mattoso Almeira, que pilotava o helicóptero, e Jordana Kfuri Cavendesh. No fim da noite de domingo, foi encontrado o corpo de Mariana Noleto, namorada de Marco Antonio Cabral, filho do governador.

Em nota divulgada nesta segunda, Cabral afirmou que "a família está triste e presta os mais profundos sentimentos à família da para sempre querida Mariana". Segundo o governador, "Mariana Noleto fez parte da nossa família durante sete anos. Namorada de um dos meus filhos, Marco Antônio, ela contagiou a todos nós com a sua leveza e alegria. Estudante aplicada, filha cercada de amor e de amigos, Mariana trará sempre à lembrança todo o seu encantamento".

O enterro de Mariana está marcada para às 17h, no Cemitério São João Batista, em Botafogo, Zona Sul do Rio. No sábado e domingo, foram enterrados os corpos de Luca Kfuri Magalhães Lins, de dois anos, Gabriel Kfuri Gouveia, de três anos, Fernanda Kfuri, de 35 anos, e Norma Batista de Assunção.

Veja também

- Buscas por mais 2 pessoas continuam

- Marinha encontra os destroços

- Habilitação de piloto estava vencida



Comentários
  • Avatar
    21/06/2011 16:54:59AnneAnônimo

    Por que meu bom DEUS! Cabral não aproveita e tira licença pra sempre? VÁ EMBORA COISA RUIM! XÃ? ENCOSTO!

  • Avatar
    21/06/2011 16:16:22AndreAnônimo

    O acidente com um helicóptero em Porto Seguro, que ganhou dimensões nacionais, não entristeceu e cobriu apenas de luto a família do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e do mega empresário Fernando Cavendish, dono da Delta Construções, além de amigos. Cabral e Cavendish foram salvos pelo destino, porque embarcariam num segundo vôo da aeronave. Mas o luto trouxe também sérias complicações para o governador do Rio e seu envolvimento com o empresário, cuja empresa já recebeu, em negócios com a Delta, algo em torno de R$1 bilhão do governo do Rio, e estariam firmando contratos para mais dois empreendimentos que somariam em torno de R$2 bilhões. Além disso, a Delta é fortíssima em negócios envolvendo o PAC. O acidente e a morte acabaram por revelar o relacionamento que teria sequência numa semana em que as duas famílias ficariam hospedadas â?? Cabral a convite â?? no Jacumã Resort Clube. Para completar, o governador desceu em Porto Seguro a bordo de um jatinho do maior bilionário brasileiro, Eike Batista. Está na imprensa nacional a revelação que chegou com a morte. Trouxe tristeza e estranhos negócios supostamente suspeitos.

  • Avatar
    20/06/2011 22:46:31Márcio AlexMembro SRZD desde 08/07/2011

    Essa passou perto hein Cabral!!!!

  • Avatar
    20/06/2011 16:29:42vida que segue.Anônimo

    seria uma ótima idéia.

  • Avatar
    20/06/2011 16:22:51RENATINHOMembro SRZD desde 22/02/2012

    QUERIA Q ELE SE LICENCIASSE PRA SEMPRE!!

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.