SRZD


16/11/2011 16h41

Dirigente do Botafogo não garante permanência de Caio Junior em 2012
Redação SRZD

Após a derrota por 2 a 1 no clássico do último domingo, contra o Vasco, o Botafogo viu os líderes abrirem uma vantagem de 6 pontos, diminuindo consideravelmente as chances botafoguenses de título. Entretanto, a vaga na Libertadores é vista como obrigação no clube e para isso a diretoria já começou a se mover para planejar o ano de 2012.

O primeiro assunto da pauta parece ser a permanência, ou não, do técnico Caio Júnior. Apesar de ocupar o quinto lugar no Brasileirão, com 55 pontos, o treinador está longe de ser unanimidade no clube e constantemente sai vaiado dos jogos pela torcida alvinegra. Porém, segundo o gerente de futebol do Botafogo, Anderson Barros, a intenção do clube é dar continuidade ao trabalho do técnico. Entretanto, o dirigente ressaltou que nenhum funcionário do clube é insubstituível.

Anderson ainda destacou a qualidade de Caio Júnior e disse considerar o comandante alvinegro um dos melhores técnicos em atividade no Brasil, achando injustas as vais da torcida.

O próximo compromisso do Botafogo será nesta quarta-feira, às 20h30, contra o América-MG, na Arena do Jacaré. Em quinto lugar, o alvinegro precisa da vitória sobre os mineiros para continuar sonhando com a vaga na Libertadores.


Veja mais sobre:BotafogoCaio Junior

Comentários
  • Avatar
    17/11/2011 07:54:52diego benicioMembro SRZD desde 18/03/2014

    duvido: a diretoria do Bota não tem culhão pra isso se a vaga da liberta custasse a reeleição do merda do assumpção...

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.