SRZD

'Este Carnaval será muito importante na história da cidade', afirma Paes

Bernardo Moura | Carnaval | 05/01/2012 16h28

Foto: Bernardo Moura - SRZDA 45 dias do Carnaval, a Cidade do Samba recebeu um visitante ilustre na manhã desta quinta-feira, 5 de janeiro. O prefeito Eduardo Paes e sua comitiva fez uma visita por todos os barracões das escolas de samba do Grupo Especial para conferir como está o andamento dos preparativos rumo à folia. O SRZD-Carnaval acompanhou a visita.

Paes, que teve ao seu lado o tempo todo o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba, Jorge Castanheira, e o secretário de Turismo, Antônio Pedro Figueira de Mello, gostou muito do que viu e saiu impressionado em alguns barracões. O prefeito foi recebido pelos presidentes das escolas ou pelos diretores de Carnaval.

No barracão da Unidos da Tijuca, ele ouviu atentamente o alerta do carnavalesco Paulo Barros sobre o desnível da pista no novo Sambódromo. O carnavalesco disse ao prefeito que terá uma alegoria parecida com os 'Jardins em Segredo', do Carnaval de 2010.

No barracão da Beija Flor de Nilópolis, ele levantou a hipótese com o diretor de Carnaval da escola, Laíla, de fazer uma cerimônia em homenagem ao carnavalesco recém-falecido, Joãosinho Trinta, na inauguração do novo Sambódromo, no dia 12 de fevereiro.

Os presidentes Paulo Vianna, da Mocidade, e Regina Celi, do Salgueiro, e o carnavalesco Jaime Cezário, da Porto da Pedra, tiveram a ideia de presentear o prefeito com uma camisa da escola. Já no barracão da escola de Paes, Portela, ele foi abraçado pelo presidente, Nilo Figueiredo e ouviu o samba.

Antes de entrar no barracão da União da Ilha, Eduardo Paes quis conhecer o novo sistema contra-incêndio dos novos barracões da Cidade do Samba. Castanheira apontou que os canos são mais fortes e dão o escoamento de água mais rápido, através de uma alavanca. Quando chegou dentro, foi recebido pelo presidente Ney Fillardi e ficou bastante impressionado com a iluminação do carro abre-alas, que já está pronto.

Na Vila Isabel, o diretor de Carnaval Junior Schall afirmou para Paes que a escola dentro de 20 dias já terá seu processo de decoração começado. Assim como Regina Celi que afirmou que o carnaval do Salgueiro já está pronto, basta encaixar as esculturas.

Ao final do passeio, Paes relatou o que viu e disse que neste ano o Carnaval será diferente, pois as escolas tem se preparado profissionalmente melhor.

"Eu acho que este vai ser um Carnaval muito importante na história da cidade. Eu estou muito surpreso. Primeiro este ano, os sambas todos estão muito bons. E a preparação das escolas mostra que será um grande espetáculo. Isso é um grande atrativo para a cidade e teremos o Carnaval que a cidade merece", afirmou.

Sobre o andamento das obras, Eduardo Paes contou que anteontem foi fazer uma vistoria na Sapucaí.

"A gente fez as obras do Sambodromo em menos de um ano. O fantástico do Carnaval é isso, a capacidade de se adaptar. É igual a preparar Carnaval de escola de samba: vai tudo na hora mesmo. No dia 12 de fevereiro, a gente inaugura o novo Sambódromo. Vai ser uma nova experiência", contou.

Quanto aos ensaios técnicos que começam dia 8 de janeiro, no próximo domingo, o prefeito disse que a população vai encontrar tudo igual como era antes.

"Em vez de ter um prédio, agora vai ter um tapume. O público irá encontrar arquibancadas que já existiam, avenidas que já existiam, frisas que já existiam. A unica coisa que nao vai ter será a praça de alimentação que ficava ali atrás do setor 2. Mas vai ter um bom cachorro quente em volta, uma boa cerveja gelada", declarou.