SRZD



Julio César

Julio César

Ganhou projeção ao descobrir beldades e formatar um grande espetáculo de Carnaval. Após anos de dedicação na formação de grandes musas, se tornou um dos principais empresários de shows ligados ao Carnaval e recebeu título de mulatólogo (descobridor de passistas).

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



18/01/2013 15h55

'Temos uma corte renovada', diz blogueiro do SRZD-Carnaval/SP
Júlio César

Foto: Raul Machado - SRZD

Para quem esteve no Anhembi e achava que ia ver veteranas do samba disputando o título de rainha do Carnaval de São Paulo de 2013, se enganou.

A disputa foi marcada pela renovação. É isso mesmo. Caras novas e um perfil mais alto e magro surpreenderam o grande público.

Mas o que teria espantado as renomadas mulatas da disputa? Em conversa informal com algumas das beldades, ouvi argumentos de que o resultado da ultima eleição indicou que o concurso está em nova fase, buscando caras novas.

Outras passistas alegaram stress, outras prioridades e até mesmo a opção por concorrer em 2014, ano de copa, o que poderá trazer mais visibilidade a corte.

É fato que a falta de algumas virou notícia entre o público, mas não comprometeu a eleição que mesmo com muitas candidatas estreantes, conseguiu proporcionar ao público presente um bom espetáculo.

- Confira a galeria de fotos do evento

- Sobre a produção

As candidatas estavam bem niveladas quanto a escolha dos vestidos de noite, porém, Ariellen, foi mais feliz na escolha e se saiu melhor neste quesito com um vestido todo bordado em pedrarias, dando um tom de verde bem especial. Brilhantemente, jogou os cabelos para alto e acertou na maquiagem, fatores que a deixaram com um rosto de boneca. Na hora de se comunicar, demonstrou segurança e tranqüilidade.

- Fantasia

No quesito fantasia que não conta ponto, o faisão albino na cabeça foi à pena da vez e acabou deixando tudo muito parecido entre as concorrentes, fazendo com que o samba no pé, indispensável para a garantia de uma boa nota no quesito.

Estética corporal e samba no pé

No quesito estética corporal, me chamou bastante atenção o perfil da maioria das candidatas. A maioria adeptas a malhação, mas sem exageros.

Um dos pontos mais baixos do concurso talvez tenha sido a falta de samba no pé da maioria das candidatas, exceção a representante da Nenê de Vila Matilde, Kimberlyn , que mesmo faltando um pouco de postura em sua entrada e com os braços não tão alinhados, conseguiu sambar rasgado e garantiu o segundo melhor samba da noite.

Já a candidata Ariellen, da Camisa Verde e Branco, não teve nenhuma dificuldade para mostrar seu talento com samba. Com uma postura impecável, soube fazer uma entrada forte, expressando postura de rainha ao saudar bateria e jurados. Sempre com leveza nos braços, manteve os mesmos muito bem alinhados, exibindo algumas gingas
tradicionais do samba. Ovacionada pela plateia e torcida, garantiu a melhor apresentação da noite.

- Da coroação

O titulo de segunda princesa ficou Jéssica Silva, de 19 anos, representante da Leandro de Itaquera. O que mais me chamou atenção na candidata, foi a beleza facial e corporal. Mesmo demonstrando um pouco de nervosismo em sua apresentação, mereceu integrar a corte.

Kimberlyn Muriel Adabe Santos, representante da Nenê de Vila Matilde, ficou com a faixa de primeira princesa. Sua apresentação sem dúvida alguma foi a segunda melhor da noite, mesmo com toda tensão por estar concorrendo pela primeira vez. Na hora do samba no pé, mostrou um sincronismo perfeito.

O título de rainha ficou com a representante do Camisa verde e branco, Ariellen de 24 anos. Impecável, ela acertou em tudo. Sempre muito segura, manteve a postura e elegância em todos os momentos.

Ariellen conquista a coroa maior no mesmo ano em que irá reinar a frente da bateria "Furiosa" do Camisa. Em seu currículo, contabiliza
passagens pelas cortes dos Carnavais de Santos e Cubatão.

Gledson Fonseca, integrante da escola de samba Pérola Negra e o mais magro entre os concorrentes, com 101 kg, foi eleito o Rei Momo do Carnaval paulistano de 2013.

- Vídeo: anúncio do resultado e entrevista com a nova corte

Foto: Raul Machado - SRZD

- Análise final

Não dá para negar que o concurso está realmente em nova fase. Antigamente para ser rainha era necessário ter muita experiência.

Com este processo de renovação, passistas em início de carreira estão se candidatando sem o mínimo de preparação, enquanto as mais experientes estão deixando o sonho de lado ou optando por outros caminhos.

O nível de produção também caiu um pouco. As fórmulas começam a ficar repetidas, os vestidos são os mesmos já vistos em concursos anteriores e as fantasias já não causam impacto como anteriormente.

O samba no pé rasgado foi executado com perfeição somente pela rainha e pela primeira princesa, fato que preocupa, pois as outras candidatas não demonstraram técnica neste importante quesito.

A organização do concurso que chegou a sua 56ª edição está de parabéns. Tudo muito rápido, objetivo, terminando antes da meia noite e deixando a nítida impressão quanto a transparência e credibilidade na escolha dos vencedores.

Só me resta dizer a meninas o que eu sempre disse e aproveito para reafirmar aqui, através do SRZD-Carnaval/SP.

"Cada uma tem o seu momento. Veterana ou novata, se sua estrela tiver que  brilhar, ela irá brilhar."

Desejo toda sorte do mundo a nova corte de 2013 e deixo os meus parabéns a todos os candidatos e candidatas as que participaram. Todos são vencedores.


Comentários
  • Avatar
    20/01/2013 11:56:37brunoMembro SRZD desde 25/08/2012

    Tirando a rainha as outras fraquinhas demais, a da Leandro não sabe nem sambar afff...

  • Avatar
    18/01/2013 21:37:12Gabriela LuizMembro SRZD desde 18/01/2013

    Ontem estava no evento e ficou evidente o quanto as candidatas estavam mais magras achei bem interessante as mulatas se destacam pelo fato de não estarem exageradas o que deu leveza e elegância no concurso. No quesito samba no pé novamente a rainha esteve a frente com uma postura perfeita. O mais preocupa é o quesito samba no pé apenas duas candidatas sobressaíram para próximas edições este item é de maior importância e as futuras candidatas precisam se atentar.

  • Avatar
    18/01/2013 21:33:00Gabriela LuizMembro SRZD desde 18/01/2013

    Ontem estava no evento e ficou evidente o quanto as candidatas estavam mais magras achei bem interessante as mulatas se destacam pelo fato de não estarem exageradas o que deu leveza e elegância no concurso. No quesito samba no pé novamente a rainha esteve a frente com uma postura perfeita. O mais preocupa é o quesito samba no pé apenas duas candidatas sobressaíram para próximas edições este item é de maior importância e as futuras candidatas precisam se atentar.

  • Avatar
    18/01/2013 21:20:05Gabriela LuizMembro SRZD desde 18/01/2013

    Ontem estive no evento e ficou evidente

Comentar