SRZD



Valdeci

Valdeci

POLÍTICA. Jornalista da área de política com atuação em jornais, rádios, assessorias de imprensa e produção de TV. Já trabalhou para "O Popular", de Goiânia, e para "Correio Braziliense", "Jornal de Brasília" e "JB". Foi repórter de rádios como "CBN", "BandNews FM" e "Jovem Pan", em Brasília, e noticiarista das rádios "Araguaia FM", "Executiva FM", "Anhaguera AM" e "Terra FM", de Goiânia.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



26/02/2013 21h07

Fim de uma vergonha no Congresso Nacional
Valdeci Rodrigues

O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), anunciou que colocaria em votação nessa quarta-feira o projeto de decreto legislativo que acaba com os 14º e 15º salários para deputados e senadores.

Trata-se de um escárnio sem fim diante do contribuinte brasileiro. O tal projeto já foi aprovado pelo Senado, mas o deputados deram um jeito de empurrá-lo e ganharem, mais uma vez, dois salários extras sem motivo algum para isso.

Aliás, leitor, esse anúncio do presidente da Câmara é devido à opinião pública. Henrique Eduardo Alves não está tão encrencado quanto o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), mas tem também muita coisa debaixo do tapete.

Então, como Renan, ele tenta criar a tal da "agenda positiva" para aliviar o um pouco a desgastadíssima imagem do Congresso Nacional.

Um lembrete incômodo: com ou sem esse privilégio com o dinheiro do contribuinte, Câmara e Senado custam muito caro ao contribuinte.

No mês passado, o Correio Braziliense calculou que em 2012 o parlamento custou R$ 14,5 mil por minuto! Isso mesmo, esse valor a cada minuto!

Para sustentar o Congresso, o contribuinte brasileiro gastou R$ 7,75 bilhões em 2012. O orçamento do Congresso é maior do que o de 90% dos municípios brasileiros.

Não tenha dúvida, leitor, logo, logo suas excelências os deputados e senadores acharão uma maneira de repor essa "mamadeira" gigante em suas bocas.

Se um indivíduo acostuma-se com o que é ruim --- veja a situação nas regiões paupérrimas do Brasil e do mundo inteiro ---, imagine a comodidade com o assalto institucionalizado ao dinheiro do contribuinte.

A única sinalização boa dessa história é que pelo menos esta mamata acaba pela pressão da opinião pública depois do trabalho da imprensa ainda livre neste país.


Comentários
  • Avatar
    01/03/2013 13:50:12CAPIROTOAnônimo

    O Deputado Federal Eduardo Azeredo é honesto, eu sou fã dele(S,S.Maciel) rsrsrsrsrsrsrs

  • Avatar
    27/02/2013 21:57:51PauloAnônimo

    Ainda existe muita gente inocente; logo, logo, eles vão aumentar outras verbas, na calada da noite, e vai ficar tudo como antes.

  • Avatar
    27/02/2013 02:12:12carlos albertoAnônimo

    O Deputado Federal Eduardo Azeredo é honesto, eu sou fã dele.

  • Avatar
    27/02/2013 00:39:32CLEBER NEIVA DE OLIVEIRAAnônimo

    e o salario dos aposentados e dos pensionistas heim uma miseria

  • Avatar
    26/02/2013 23:28:30Nidia Jussara FdasilvaMembro SRZD desde 25/06/2012

    Viva a imprensa livre!

  • Avatar
    26/02/2013 22:20:21erisbaldoAnônimo

    em que pé esta o piso salarial dos agentes de saúde? mim responda por favor, dilma abra o olho presidenta.e a mão também fui.

  • Avatar
    26/02/2013 21:40:38SILVIOAnônimo

    Será !

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.