SRZD


15/05/2013 01h23

Uesp elege Kaxitu para mais quatro anos de mandato
Redação SRZD

Foto: DivulgaçãoFesta, celebração, batucada e fogos de artifício. Não, desta vez não se tratava de nenhuma festa, ou melhor, em termos.

Na noite desta terça-feira, dia 14, os presidentes e representantes legais das cinquenta e cinco agremiações filiadas a União das Escolas de Samba Paulistanas, Uesp, participaram da assembleia geral que elegeu a diretoria executiva que irá comandar a entidade nos próximos quatro anos.

Em clima de confraternização e democracia, a eleição ocorreu na sede da "Matriz do Samba", na Bela Vista, zona sul da cidade e contou com a presença de integrantes de diversas agremiações. Na recepção, ritmistas da escola de samba Unidos de Santa Bárbara deram as boas vindas aos sambistas que prestigiaram o processo eleitoral.

No comando da Uesp desde 2009, Kaxitu Ricardo Campos, que liderou a única chapa inscrita para a votação, foi aclamado como vencedor.

A diretoria que atuará a seu lado, será formada por Rogério Antônio Gonçalves como vice-presidente, Luiz Pinho de secretário, Raquel Castro na direção financeira e Alexandre Magno como diretor de Carnaval.

Foto: Assessoria - Uesp

O comandante reeleito tem 42 anos, é solteiro e "prata da casa" da Uesp. Atuante na "Matriz do Samba" desde 1986, passou por quase todas as funções até chegar a presidência.

Para o segundo mandato, Kaxitu revela com exclusividade ao SRZD-Carnaval/SP, algumas prioridades e ações que pretende colocar em prática.

"Vamos regularizar o nome da Uesp, verificar regulamentos, acesso e descenso e locais de desfiles, além de aumentar a assistência jurídica e o serviço de contabilidade para as nossas filiadas", afirma.

Segundo o presidente, sua diretoria esta engajada na criação dos "Polos de Carnaval", espaços para criação de alegorias de forma comunitária nas regiões onde ocorrem os desfiles nos bairros para ocupação das entidades, projeto que já está sendo discutido com o poder público.

"Vamos dar continuidade as reuniões trimestrais de prestação de contas, investir em uma cooperativa de compra de materiais para confecção de fantasias e lançar um novo site", relata Kaxitu que festejou a vitória prometendo implementar o projeto "Carnaval do Povo".

A posse da nova diretoria acontecerá em sessão solene no dia 1 de junho, às 11h na Câmara Municipal de São Paulo.

Saiba mais sobre a Uesp

Foto: DivulgaçãoFundada em 10 de setembro de 1973 com o objetivo de unir as escolas de samba e blocos carnavalescos da cidade de São Paulo e representá-los junto ao poder público, a Uesp é membro do Conselho Municipal de Cultura e filiada à Confederação Brasileira de Escolas de Samba.

Apelidada pelos sambistas como "Matriz do Samba", é responsável pelos desfiles oficiais das escolas de samba paulistanas no sambódromo do Anhembi, e em diversos bairros da cidade de São Paulo, atraindo um público de cerca de um milhão de pessoas.

Além de organizar os desfiles dos grupos 1,2,3,4 e blocos especiais, a Uesp desenvolve projetos em conjunto com suas filiadas, visando à construção e o fortalecimento das comunidades e a valorização da cultura popular brasileira através de diversas atividades e ações sociais.


Comentários
Comentar