SRZD



Claudio Russo

Claudio Russo

Formação em História pela Uerj e pós em História da África. Há 22 anos compõe sambas-enredo, conseguindo algumas vitórias neste espaço de tempo. Desde 2009, faz sambas para Nenê da Vila Matilde, em São Paulo.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



19/08/2013 13h22

Que vença o melhor, sempre! Velhos sambistas, novos compositores...
Cláudio Russo

Que vença o melhor, sempre! Velhos sambistas, novos compositores...

Foto: DivulgaçãoEscutando meus velhos Lps perco-me na melodia e na voz que invadem todo o ambiente: Oh musa dos heróis, oh brisa do Brasil, nesta passarela a Portela, faz você melhor mulher que já se viu... É a inconfundível interpretação de Agepê a um dos seus sambas enredos que não foram aproveitados no desfile oficial, mas não deixaram de desfilar na discografia deste grande sambista. Este é somente um dos vários exemplos de sambistas que habitaram e passearam pelo samba enredo e a música "de meio de ano", tarefas das mais difíceis e que ganha novo fôlego nas eliminatórias para o carnaval de 2014.

Quando cheguei à Portela havia inúmeros valores que transitavam por este universo: David Correa, Neném, Noca da Portela, Ari do Cavaco, Carlito Cavalcante, Jair do Cavaquinho, Monarco, Norival Reís e Luis Ayrão entre outros, antes disso Evaldo Gouveia e Jair Amorim protagonizaram disputas polêmicas na Águia de Madureira e depois muito depois disso Mauro Diniz e Diogo Nogueira marcaram seus nomes no rol dos campeões portelenses, mas que posso dizer de Antonio Candeia Filho, não posso: Não! Não basta ter inspiração, não basta fazer uma linda, pra fazer samba é preciso muito mais...

Na Tradição, João, pai do Diogo, e Paulo Cesar Pinheiro deram o tom talentoso de tantos carnavais: Um grito de guerra ecoou, calando o uirapuru lá no alto da serra, a nação Xingu retumbou mostrando que ainda é o índio o dono da terra...

Continuando em Madureira, o Império Serrano mostra sua nobreza neste aspecto Silas de Oliveira, Roberto Ribeiro, Dona Ivone Lara e Jorginho do Império, filho do Mano Décio, formam uma constelação de valores do samba verdadeiro. Beto sem braço e Aluisio Machado vão de Bum Bum Paticumbum Prugurundun a Irene ou quem sabe a melhor filosofia de Água demais Mata Planta... Sem perde a inquestionável qualidade.

Na Beija Flor de Cabana, o gênio do Preço da Traição, Neguinho marca seu nome no rol dos grandes com a Deusa da Passarela, Angela e Campeão, Marcelo Guimarães também viaja pelas duas vertentes; Dominguinhos do Estácio brinca de cantar e fazer samba e por muito tempo Leopoldinense, também marcante naquela safra de sambistas que ecoaram desde meados dos anos 80 na Radio Tropical, se não me engano 104,5 FM.

Que saudades de Romildo, Toco, Franco e Guará... Oh Saudade!

Na Estação Primeira do samba parece covardia: O Mestre Cartola, Nelson Sargento, Padeirinho, Zagaia e As Rosas Não Falam... O que seria se falassem... E dizer que em 1998 tivemos uma final de samba na velha manga colocando de um lado Leci Brandão e de outro Paulinho Tapajós e Moacyr Luz, e não foram os lados campeões, porém marcaram feito tatuagem esta disputa.
Pelas bandas da Vila, Luis Carlos fez nome; Claudio Jorge, Tião Grande, Paulo Brasão e Martinália passado e presente de uma grande ala, Mas o ícone da terra de Noel é chamado por Martinho tão bem chegado no samba enredo, samba de roda, partido alto, no miudinho Devagar, Devagarinho... Sonhei que estava sonhando um sonho sonhado...

Foto: DivulgaçãoArlindo é Arlindo e se estabelece com muita inspiração, faz tempo, neste universo; Warderley Monteiro, Toninho Nascimento e Luis Carlos Máximo trazem a modernidade de um samba da antiga, o próprio presidente da Águia de Madureira Serginho Procópio visita com propriedade os dois estilos; Xande de Pilares compõe à Academia com a Revelação de seu estilo, o mesmo palco que Toninho Geraes, o gênio de Mulheres, bem se aventurou.

E para 2014 novos e velhos amigos do samba enredo engrossam a legião de compositores. A primeira audição parece trazer uma safra muito equilibrada, escuto surgir novos acordes, a busca por fórmulas, as mais diversificadas, longe das receitas mágicas da mesmice. Agora é a vez de Dudu Nobre se enveredar por um caminho, que poucos sabem ser coroado pelas vitórias que obteve na Estrelinha da Mocidade, Herdeiros da Vila, Alegria da Passarela, Aprendizes do Salgueiro e no Império do Futuro. É grata surpresa a vinda de Fred Camacho para este seleto grupo, compositor da nova geração, revelado por gravações com Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Maria Rita, Beth Carvalho e Alcione entre outros, o jovem compositor que fez um dia o poeta Nei Lopes afirmar: Considero o Fred o maior expoente do Salgueiro depois do Almir Guineto, ainda lembra de seus tempos na bateria furiosa ou no carro de som de tantos desfiles e como mais um destes compositores aqui citados ou de tantos outros que a memória falha e estas poucas linha não podem caber, sonha com a vitória do samba.

Zico, o Galinho de Quintino, que algumas más línguas vociferavam não dar samba parece ter presenteado a Imperatriz Leopoldinense como a melhor safra de 2014 e Elimar Santos chega a emocionar na introdução de seu samba concorrente, show! Em Caxias a novidade é a dupla estreante de veteranos Jorge Aragão e Péricles.

Passa o samba enredo por uma fase de transformação, se é boa ou não só o tempo vai dizer, mas para aqueles que reclamavam da sonolência das melodias e a falta de inspiração das letras posso afirmar que temos algumas excelentes opções de mudança, nomes famosos, ilustres desconhecidos, nova geração, velhos sambistas, humildes compositores, na esperança que o talento e o dom sejam as melhores opções de escolha e na certeza que compor samba enredo não é apenas mais uma vertente na arte de compor, é sim a arte de compor entre a liberdade da imaginação e as obrigações que a sinopse e o enredo nos oferecem, Que vença o melhor sempre!

Foto: Divulgação

Mestre Thiago Diogo (primeiro da direita para a esquerda) e Fred Camacho (terceiro ritmista)


Veja mais sobre:Carnaval

Comentários
  • Avatar
    02/09/2013 11:39:49Suburbanus de FéMembro SRZD desde 26/08/2013

    Obrigado André foi muito especial esta lembrança de vocês. Queria ouvir também a melodia.Quem sabe algum dia não nos encontramos para trocar essa figurinha. Um forte abraço. Se tiver mais coisa posta ai.

  • Avatar
    01/09/2013 21:13:01André MalheirosMembro SRZD desde 21/11/2012

    Portela 1995, Neném, Isac e Bira do Aço Pra seu governo vou gostar e me enroscar Estou feliz da vida Amor não da pra ficar Portela me espera na avenida E a Portela hoje é sonho e fantasia A Portela e carnaval e poesia Zé Pereira és tradição nessa folia Onde tudo termina ao meio dia Amor, Amor Amorrrr Sem que o arlequim não vai chorar BIS Amor, Amor Amorrrrr Ver colombina se entregar E não me pergunte com que roupa Com que roupa eu vou amor Hoje tudo é miscigenação é folclore e sedução Meu amor não ligue não Tem confete e serpentina colorido que fascina Tomar agua de cheiro é bom também Poder jogar perfume na menina Más vendo se ela não esta com ninguém Na avenida iluminada, lá vou eu lá vou eu. Encontrar com minha amada, lá vou eu lá vou eu BIS Tanto tempo nessa estrada, lá vou eu lá vou eu Hoje o samba não morreu e nem morrerá

  • Avatar
    28/08/2013 10:44:18Suburbanus de FéMembro SRZD desde 26/08/2013

    Vou aguardar então ansiosamente André. rsrs. Eu queria reaver esses materiais mas não sei onde nem como. Depois também o nosso querido Claudio e você deem uma passada na página dos sambas concorrentes da Portela e ouça o samba concorrente de Léo Henriques, Natinho X, Jorge da Lyra(este irmão do Neném), Roberto Marilhal(eu filho) e Thiago Baptista(sobrinho) e comentem, nem precisa ser lá pode ser aqui mesmo. Como vocês conheceram muito bem meu pai suas opiniões e críticas serão muito importantes pra mim.Um forte abraço.

  • Avatar
    27/08/2013 20:15:51André MalheirosMembro SRZD desde 21/11/2012

    Rapaz, esse eu sei a letra de cor, lembro que nosso samba caiu na semifinal e mesmo assim fomos para a final torcer para seu pai, depois coloco a letra completa. Um abraço,

  • Avatar
    27/08/2013 11:21:25Suburbanus de FéMembro SRZD desde 26/08/2013

    Ã? grande Cláudio, o amigo André está com a memória tinindo rsrss. EU me lembro como se fosse hoje. Meu pai virou-se pra mim e perguntou após o resultado da disputa."Poxa meu filho diz pro papai esse samba é melhor que o meu?"E eu olhando com cara de tipo: nossa que injustiça.Depois disso sentamos do lado da bateria da Portela os dois no chão, quando ainda ele tocava lá na parte de cima em frente ao palanque que era ainda uma torre...Porque ele dizia que ali ao lado da bateria nós pegaríamos e renovaríamos nossas energias. EU queria se possível com a ajuda de vocês resgatar os sambas concorrentes de dele que não foram para avenida. Existe alguma fonte onde podemos resgatar isso? Um grande abraço a todos e muito obrigado.

  • Avatar
    27/08/2013 09:30:09Claudio RussoMembro SRZD desde 25/05/2011

    Meu amigo seu pai,o Nenem, é uma grande referência para mim, aprendi muito com ele; Dé tá com a memória boa, abraço a todos. Claudio Russo.

  • Avatar
    26/08/2013 21:31:12André MalheirosMembro SRZD desde 21/11/2012

    "Na avenida iluminada, La vou eu lá vou eu Encontrar com minha amada, lá vou eu lá vou eu Tanto tempo nessa estrada, lá vou eu lá vou eu Hoje o samba não morreu, nem morrerá" Compositor Neném e Cia. Portela 1995 Samba lindo que não foi para avenida e que não esqueço até hoje, David do Pandeiro com sua voz potente cantando esse samba fantástico, ficou na memória.

  • Avatar
    26/08/2013 11:48:06Suburbanus de FéMembro SRZD desde 26/08/2013

    Olá Cláudio, é com grande prazer que deixo aqui meus agradecimentos pela lembrança e citação com louvor ao nome do meu querido e saudoso pai José Roberto Batista, conhecido como Neném. Estou iniciando minha caminha no GRES Portela com o intuito de dar continuidade ao seu legado. Com um samba humilde pretendo com o tempo chegar pelo menos em uns 50% do que ele era capaz de realizar. Deixo aqui os meus sinceros agradecimentos. Saudações Portelenses. Portela Querida! és tudo na vida!

  • Avatar
    24/08/2013 17:02:19Claudio RussoMembro SRZD desde 25/05/2011

    Estamos na luta Rogerio, grande abraço amigos. Claudio Russo.

  • Avatar
    23/08/2013 22:00:40RogérioMembro SRZD desde 26/05/2009

    E que vença o melhor de cada escola, na minha vai dar 13 se for justa a escolha.

  • Avatar
    21/08/2013 15:08:39Fabio de CarvalhoMembro SRZD desde 30/05/2009

    Ã?timo texto! Pegando um gancho em Radio Tropical... Naquela época não tínhamos internet e minha única forma de acompanhar era pela rádio. Como não lembrar: " A Tropical está em todas"...

Comentar