SRZD


20/08/2013 09h32

Carnaval/SC: confirmados desfiles de Florianópolis em 2014
Jorge Lautert*

Carnaval/SC: Representantes da Liesf. Foto: Jorge Lautert / Na Avenida

Os desfiles das escolas de samba de Florianópolis para 2014 foram confirmados pelo prefeito Cesar Souza Junior, na tarde desta segunda feira, diferentemente do que aconteceu em 2013, onde a capital dos catarinenses ficou sem os desfiles das escolas de samba, o mesmo cancelado por falta de planejamento entre gestões municipais. Com medo de repetir o ocorrido, presidentes das agremiações vêm cobrando da gestão municipal a confirmação do evento para o retorno dos trabalhos nos barracões.

Muitas questões ainda estão pendentes para a realização dos festejos Momescos de Florianópolis. A principal delas é o valor exato destinado para as escolas de samba, blocos e grandes sociedades, que a prefeitura e o governo do Estado deverão repassar via convênio. A falta desta informação implica diretamente no planejamento artístico e orçamentário das escolas.

Já o presidente da Liga das Escolas de Samba de Florianópolis (LIESF), Sr. Zeca Machado, confirmou que um projeto de captação de recursos via Lei Rouanet está previsto. Os valores deverão ser repassados para as escolas assim que forem captados.

O prefeito Cesar Junior está com a viagem marcada para São Paulo, onde encontrará com empresários. Cesar pretende atrair financiamento privado para as escolas, diminuindo, assim, o aporte financeiro repassado via verba pública. Uma de suas reuniões confirmadas é com o empresário Ivan Fábio Zurita, presidente do Conselho Consultivo da Nestlé Brasil.

Outras duas empresas, ainda não divulgadas, devem patrocinar parte dos valores do Carnaval de Florianópolis. O patrocínio privado dessas três empresas, o repasse financeiro da prefeitura e do governo do Estado e o projeto de Lei Rouanet da Liga das escolas de Samba terão a missão de sanar as dívidas obtidas em 2013, e apresentar um belo espetáculo em 2014.

Tudo tende a mudar daqui para frente, principalmente após a afirmação do prefeito, que solicitou uma nova gestão administrativa do Carnaval de Florianópolis, sendo que a mesma não poderá mais depender financeiramente só dos cofres públicos, tendo que criar alternativas para as futuras realizações.

O Carnaval de Florianópolis precisou de uma crise para começar a crescer.

 

*Fonte: Na Avenida


Veja mais sobre:Carnaval/SC

Comentários
  • Avatar
    20/08/2013 13:27:13ervalAnônimo

    é,como dizem:a necessidade faz o sapo pular,então,diante do cofre com poucos recursos,os dirigente com apoio da autoridade,mt importante,estão buscando financiamentos;tomara que consigam,acho,que deve haver interesse de todos pq passa a ser uma forma de cultura,que é certo vai atrair turistas e curiosos para assistir,talvez até conseguir uma tv prá transmitir,e no final a prefeitura vai sair com arrecadação de impostos e a ilha e seus moradores vão ganhar,tomara que haja transmissão pela tv aberta,é isso aí uma boa,é o que penso,mesmo ñ sendo conhecedor de carnaval.

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.