SRZD



Alemão do Cavaco

Alemão do Cavaco

CARNAVAL/RJ. Formado pela Faculdade de Música Carlos Gomes em São Paulo, é compositor, arranjador, produtor musical e multi-instrumentista (cavaquinho, bandolim e violão). Como compositor, é autor de diversas obras em escolas de samba, sendo 8 na Gaviões da Fiel, uma na X-9 Paulistana, duas na Estação Primeira de Mangueira, agremiação em que foi diretor de harmonia e musical no Carnaval de 2013.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



23/08/2013 16h38

Eliminatórias: quem faz o julgamento dos sambas?
Alemão do Cavaco

Nota musical. Foto: DiuvlgaçãoAinda em época de eliminatórias e concursos de samba-enredo, vem um outro assunto em minha mente que está ligado ao momento, no entanto visto por outro prisma: o julgamento das obras.

Tudo bem que, como dizem os compositores Álvaro Maciel e meu querido parceiro Wanderley Monteiro, samba-enredo, só ganha um. Esta é a máxima real. "Doa a quem doer", tem que ser aceita.

Os caminhos de como ganha este "um", é uma incógnita e às vezes, traz a este importante momento do processo de Carnaval de uma escola de samba, a sensação de covardia, dúvida e impotência.

Claro que todo autor, principalmente quando tem uma auto-crítica e uma certa qualidade, espera que sua obra seja finalista ou ganhe prêmio máximo, mas precisa se preparar para a perda pois existem outros concorrentes com a mesma qualidade ou até superior no que diz respeito a criação da música e vontade de vencer.

Tudo bem! Falar nisso é chover no molhado, mas estou voltando ao assunto por qual motivo?

Para deixar bem claro que esta "qualidade" tem que ser analisada por quem entende o mínimo do assunto.

Sempre me perguntei:

Como um cidadão que em muitas vezes tem um poder na agremiação, seja ele por competência em sua área, ou por indicação, influência, ou seja qual for o motivo, está apto a julgar uma obra que tem uma letra, melodia, e em muitas vezes, "sacadas" geniais de melodia?

Animação reunião. Foto: DivulgaçãoAcho um absurdo! Quais os quesitos em julgamento nas disputas? Quais os critérios e quem este apto para avaliar?

Como pessoas que na maioria das vezes mal conseguem compreender o próprio enredo, tem o poder de julgar as obras concorrentes de uma agremiação em concursos cada vez mais disputados e cheio de regras?

O futuro de um Carnaval de sucesso passa pela escolha correta do samba-enredo. Uma definição equivocada compromete um trabalho de centenas de pessoas.

Os nomes dos autores das parcerias, interesses pessoais e as chamadas "firmas de samba-enredo" estão prevalecendo e o resultado são concursos fracos, questionamentos por todos os lados e muitas obras de gosto duvidoso.

Depois das escolhas, as escolas fazem aqueles "ajustes" fantásticos nas letra para acertar erros grosseiros de português, e muitas vezes perdendo sentido e a forca da obra pois quando se arruma uma linha, a melodia é comprometida pela métrica da letra.

Mas é assim que tem sido...

Pobres "juízes" que aos poucos vão matando suas escolas e suas comunidades com obras quase que incantáveis, em razão de questões internas e interesses ocultos.

Vamos torcer para que isso mude, e que realmente quando um for vencedor, no mínimo, tenha qualidade para ser interpretado, para emocionar e eternizar o Carnaval da escola na avenida.

Cédula de julgamento Carnaval 2013 SP. Foto: Divulgação

Salve o samba, Salve o nosso Carnaval!


Comentários
  • Avatar
    09/09/2013 17:52:45Ricardo LeiteMembro SRZD desde 09/09/2013

    Boa Colocação Alemao... o resultado disso tudo estamos vendo... sambas fracos.. que muitas vezes ficam esquecidos na quarta feira de cinzas, pq mesmo quem gosta de samba de enredo durante o ano inteiro nao tem a menor paciência de ouvir essas safras cada vez piores.. onde em 20 sambas por ano nao salvam nem 2... é uma pena.. quem perde com isso somos nós sambistas....

  • Avatar
    08/09/2013 12:03:15Anderson MonksMembro SRZD desde 28/08/2009

    Concordo plenamente com os amigos que opinaram antes,e venho ressaltar que em alguns casos,em especial em escolas pequenas,primeiro julgam os compositores por nome,depois o interprete,a torcida e só por ultimo a letra e a melodia,e mesmo assim de forma errônea. O que leva uma pessoa a dar nota 8 de letra e na justificativa colocar "letra boa"? As pessoas precisam entender antes de tudo duas coisas básicas: se perde um decimo por cada erro ou falta de "ingrediente" no samba e não é pelo fato de você gostar de samba-enredo,que você entende de samba-enredo.

  • Avatar
    07/09/2013 04:48:30VeniciusMembro SRZD desde 17/09/2012

    Hoje, 7 de setembro de 2013 escutei na rádio livre gaviões o Ernesto Teixeira, após ganhar mais uma eliminatória de samba enredo, enaltecer a sua pessoa... Salve Alemão do Cavaco... DO CAVACO...

  • Avatar
    03/09/2013 12:45:32Leni CamargoMembro SRZD desde 02/10/2012

    CONCORDO COM O ALEMÃ?O,COMO NADA SE CRIA E TD SE COPIA,EM SÃ?O PAULO SURGIRAM ALGUMAS FIRMAS IMITANDO O RIO,COMO SEMPRE,MAS ESTAS FIRMAS TINHAM QUE ESTAR REALMENTE PREPARADAS,A CADA ANO OS SAMBAS SÃ?O CADA VEZ MAIS FRACOS,E COITADOS DOS QUE SE ARRISCAM A ESCREVER,ELE NÃ?O TERA CHANCES,POIS AS ESCOLAS PRIMAM PELOS ESPETACULOS DE FINAIS DE SAMBAS ENREDOS,ENFIM QUADRAS CHEIAS,E BILHETRIAS GARANTIDAS,TORCIDAS CONTRATADAS,ENFIM VALE TD P/ENCHER OS OLHOS, DOS PATROCINADORES DOS ENREDOS, DAS ESCOLAS,E O SAMBA VISUAL,VIROU QUESITO,POBRE DE LETRAS,SEM SACADAS,RITMOS QUE MAIS PARECEM ALGUMA BANDA DE FACULDADE,QUE DIGA-SE DE PASSAGEM QUE AS BATERIAS DE FACULDADES,ESTÃ?O SUPERANDO ALGUMAS BATERIAS DE ESCOLAS DE PONTA,INFELIZMENTE O PRAZER DE ESCREVER FICOU OBSOLETO,NOVOS TEMPOS.

  • Avatar
    24/08/2013 16:05:19Roberto GarciaMembro SRZD desde 11/09/2012

    Realmente muitas escolas de samba julgam o samba pelo nome dos compositores.As faladas firmas de samba enredo prosperam em são Paulo,Sambas com letras sem conteúdo,um festival de rimas pobres com terminação em ão para tudo que é lado,frases feitas copiadas de outros textos,letras de musicas,ditos populares,etc...Compositores vão estudar um pouco de Literatura de Cordel e apreender a rimar certo os versos de suas obras.Parabéns ao Alemão do Cavaco pelos seus comentários,fica aqui uma mensagem: " Músico é Músico ". " Poeta é Poeta ".Um abraço á todos os sambistas do nosso Brasil....!

  • Avatar
    24/08/2013 01:31:09Vinicius DalanesiMembro SRZD desde 15/07/2013

    Ã? triste isso, tomara q um dia mude, pois para mim o bom samba de enredo é o jeito mais barato e bonito de uma escola entrar pra eternidade, vide leandro e colorado do bras; duas agremiações que ainda não ganharam o titulo do especial, porém babalotin e catopês são obras eternas e por tabela deixam estas escolas sempre em condição de respeito e tradição. O duro q esse ano começou mal, tatuapé e tom maior vão com sambas comuns pra avenida, x9 é um pouco melhor é mais "encoorpado", espero q na nene de adriano bejar e acabe com a dinastia claudio russo e na vai vai de juninho berin ou joao osasco e acabe com o imperio zeca do cavaco.

  • Avatar
    23/08/2013 21:46:45Luiz PinhoMembro SRZD desde 11/02/2012

    Ã? LAMENTÁVEL QUE ALGUÃ?M NÃ?O CONHECEDOR DO ENREDO PROPOSTO PALA ESCOLA DE SAMBA, FAÃ?A PARTE DO CORPO DE AVALIADORES DE SAMBAS ENREDO, POIS ACABAM MUITAS VEZES ESCOLHENDO PELA SIMPATIA A FULANO OU BELTRANO DESSA OU DE OUTRA PARCERIA E COMO COLOCOU AQUI ALEMÃ?O DO CAVACO, QUEM ACABA PAGANDO O PREÃ?O AFINAL Ã? A PRÃ?PRIA ESCOLA DE SAMBA QUE MUITAS VEZES TÃ?EM QUE AJUSTAR LETRA e/ou MELODIA OU AS VEZES ATÃ? O PRÃ?PRIO TEXTO DO ENREDO PROPOSTO Ã? (CADA QUAL NO SEU RISCADO)

Comentar