SRZD


03/03/2014 06h34

Vídeo: avaliação das baterias do Grupo Especial (domingo)
Redação SRZD

Tudo sobre o primeiro dia de desfiles do Grupo Especial do Rio:

 

Beija-Flor:

- Vídeo: análise do desfile da Beija-Flor

- Vídeo: compacto do desfile da Beija-Flor

- Com o prestígio dos amigos, Boni é homenageado pela Beija-Flor

- Galeria de fotos da Beija-Flor

- Integrantes comentam desfile da Beija-Flor

- 'É um prazer sair por essa escola', disse Edson Celulari

 

Salgueiro:

- Vídeo: avaliação do desfile do Salgueiro

- Vídeo: compacto do desfile do Salgueiro

- Salgueirenses comentam próprio desfile

- Galeria de fotos do Salgueiro

- Detalhes separam Salgueiro de um desfile arrebatador

- 'Primeira de muitas', diz Xande de Pilares sobre compor samba do Salgueiro

 

Mangueira:

- Vídeo: compacto do desfile da Mangueira

- Vídeo: blogueiro do SRZD avalia desfile da Mangueira

- Mangueirenses avaliam performance do próprio desfile

- Galeria de fotos da Mangueira

- Galeria de fotos da concentração da Mangueira

- Mangueira anima público, inova na bateria, mas falha no final 

- 'Trabalho difícil devido a dívidas', conta Chiquinho da Mangueira

 

São Clemente:

- Vídeo: blogueiro do SRZD comenta desfile da São Clemente

- Vídeo: compacto do desfile da São Clemente

- Galeria de fotos do desfile da São Clemente

- Galeria de fotos da concentração da São Clemente

- São Clemente comenta desempenho do próprio desfile

- São Clemente desce o morro e leva favela para Sapucaí

- Max Lopes: 'Samba no pé, sem excesso de tecnologia'

 

Grande Rio:

- Vídeo: compacto do desfile da Grande Rio

- Vídeo: avaliação do desfile da Grande Rio

- Componentes da Grande Rio analisam desfile

- Galeria de fotos do desfile da Grande Rio

- Galeria de fotos da concentração da Grande Rio

- Atrizes desfilam como destaque da Grande Rio

- Com bom rendimento do samba, Grande Rio faz desfile empolgante 

 

Império da Tijuca:

- Vídeo: análise do desfile do Império da Tijuca

- Vídeo: compacto do desfile da Império da Tijuca

- Integrantes do Império da Tijuca avaliam desfile

- Império da Tijuca treme a Sapucaí e mostra garra para permanecer no Especial

- Veja a galeria de fotos do desfile do Império da Tijuca

- Veja a galeria de fotos da concentração do Império da Tijuca

- Voltando para elite do Carnaval, Peixinho promete garra e vontade



Comentários
  • Avatar
    05/03/2014 13:19:26Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    Complementando, parabéns ao blogueiro e músico-sambista Cláudio Francioni pela qualidade de suas análises, sempre técnicas e abrilhantadas por terem passado a ser também didáticas e pedagógicas. Almir de Macaé.

  • Avatar
    05/03/2014 13:13:57Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    Mais do que se respeitar deve-se elogiar e ou enaltecer as análises do quesito Bateria feitas pelo blogueiro do site, o ex-diretor desta Ala e quesito de uma escola de samba, o músico Cláudio Francioni que é vilaisabelense. Parabéns, sobretudo, quando ele revela sensibilidade, transparência e justeza ao reconhecer a qualidade geral dos trabalhos dos mestres de bateria. Parabenizo-o também, quando o blogueiro-músico-sambista correta, corajosa e brilhantemente critica as heresias praticadas por alguns julgadores e algumas julgadoras da LIESA em relação às suas equivocadas â??justificativasâ? no quesito Bateria. Parabéns igualmente pelo apelo aos carnavalescos das agremiações no sentido de deixarem de impor indumentárias e adornos inapropriados para os componentes das Alas de instrumentos de percussão complementadas por instrumentos de cordas, as chamadas baterias. Aqui, eu penso que o apelo deve ser feito mais às diretorias das agremiações, especialmente às diretorias de Carnaval/Harmonia. A despeito disto - o espaço é exatamente para tal - eu reafirmo que dele divirjo filosófica e democraticamente, quando em função da excelência na qualidade e mesmo da autodenominação marketing de algumas, ele não distingue as baterias das orquestras entre tais Alas de instrumentos de percussão complementadas por instrumentos de cordas. Por exemplo, eu considero que as orquestras são comandadas por chamados mestres de baterias que na realidade são verdadeiros maestros regentes. Assim como os sambistas-músicos dado suas destrezas se tratam de instrumentistas ou especialistas em mais de um instrumento. Já nas baterias, quem as comandam são mesmo mestres e quem as compõem são ritmistas, ou seja, são sambistas músicos que executam não mais que um instrumento e não necessariamente enquanto especialista. Por fim, parabéns ao blogueiro e músico-sambista pela qualidade de suas análises, sempre técnicas e abrilhantadas por terem passado a ser ta

Comentar