SRZD



Hélio Ricardo Rainho/Carnaval

Hélio Ricardo Rainho/Carnaval

CARNAVAL. Profissional de Comunicação e Marketing, Hélio Rainho veio do teatro, sendo ator e diretor profissional. Autor da biografia do jogador Mauro Galvão e de várias peças teatrais. Nascido na Praça XI, chegou à Portela como jovem compositor nos anos 80 e passou a pesquisar escolas de samba e Carnaval. Idealizador do projeto "Quem És Tu, Passista?", um manifesto pela preservação do segmento, é padrinho dos passistas do Império Serrano e comentarista dos desfiles na Sapucaí. Twitter/Instagram: @hrainho.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



06/03/2014 13h14

Apuração: quesitos esquisitos
Hélio Ricardo Rainho

O carnaval acabou e muita gente vai tirar o seu da reta. Sim, é isso mesmo. Para ficarem "bem na fita" com seus pares políticos, artísticos etc, renderão loas e homenagens ao resultado final. E mais uma vez farão mau uso de seus "poderes" de imprensa, ajudando a corroborar o erro e a confusão. Não é o "resultado pelo resultado", porque se respeita e se louva o esforço e a graça da Tijuca campeã. O problema é se ater aos critérios de pontuação que, afinal, acabam definindo um resultado.

O Brasil é vergonhoso quando o assunto é "julgar"! Somos um país que não sabe julgar nada! Nossos mensaleiros ladrões ordinários são absolvidos, nossos juízes de futebol inventam pênaltis e anulam gols estando ao lado do lance. E nossos jurados de escola de samba - com todo respeito e sem nenhum respeito - parecem alucinados! Estão ensandecidos. Se reclamamos de alguma coisa, dizem que é "choro". O termo foi cunhado na ditadura, quando, quem denunciava ou se indignava com alguma injustiça, era torturado e "chorava". Vê-se que carregamos uma herança maldita da repressão militar, que hipocritamente derrubamos, mas fazemos questão de viver em nosso dia-a-dia.

Foto: SRZD - Tatiana Perrota

Não sei como a LIESA tentaria resolver esse problema. Ano após ano erram, fazem justificativas ridículas e voltam a ocupar vergonhosamente as cadeiras no ano seguinte. É proibido demitir jurado incoerente?!

Está instituído que a primeira escola a desfilar deve cair e pronto! Cala a boca todo mundo: quem passa primeiro sofre a "economia de notas" da pão-durice dos jurados insanos. Mais vale uma fantasia de cueca, sem chapéu e sem complemento na avenida, do que um trabalho sério de quem abre o carnaval! O Império da Tijuca foi covardemente agredido pelas canetas dos jurados...quer dizer que o samba do Morro da Formiga não era nota 10?!?! Isso não é subjetividade, é mau trato: senhores jurados, peguem suas canetas e escrevam, agora, um samba melhor do que aquele! Seria despeito?! Foi ridículo pra carreira de todos vocês.

As fantasias mais luxuosas e bem acabadas em requinte deste ano - as da Portela, um trabalho de Alexandre Louzada que a todos surpreendeu desde os protótipos - não atendeu às exigências dos senhores que gostam de macacão, cueca preta e plástico de forro de bombom. O jurado está ficando parecido com a televisão e alguns jornais, que se esmeram em fazer anticarnaval numa cobertura pífia e patética a destacar efeitos especiais, personalidades alheias às tradições do samba e outros oba-obas por aí.

Está ficando muito difícil fazer carnaval quando não se sabe que quesitos serão julgados. Sim, porque os jurados não julgam quesitos, julgam bandeiras, julgam posições em que as escolas desfilam, julgam superficialidades. Como é que alguém pode preparar um barracão de escola de samba que não seja em função dos quesitos, mas sim dos "esquisitos"???

Houve, sim, alguma justiça no âmbito final da apuração. Três gigantes da Sapucaí foram excluídas do hall das campeãs com desfiles quase lamentáveis. Vimos uma Estação Primeira de Mangueira num trabalho irreconhecível de Rosa Magalhães, talvez a pior execução de sua brilhante carreira. A poderosa Beija-Flor decidiu homenagear o amigo Boni (que sempre foi declaradamente Mocidade) e exibiu na avenida provavelmente o pior rendimento de um samba enredo da história do Sambódromo: foi quase um cortejo fúnebre. A escola de Nillópolis precisa repensar a ideia de que pode fazer qualquer coisa: expor gênios como Selminha e Claudinho, fundindo comissão de frente com casal de MS&PB, não fez o menor sentido, bem como um enredo cheio de costuras e que nada contou sobre o homenageado. Foi duro ver a Beija-Flor tão perdida na avenida. E a Vila, querida Vila dos Poetas do Boulevard, susteve-se na bravura do "povo do samba" e na "sorte" de algumas notas boas francamente imerecidas. Uma campeã não pode voltar à Passarela depenada e irregular daquele jeito. Alerta vermelho a essas três!

Louvável a ressurreição da Portela, aposta prometida e cumprida pela excelência de seus dirigentes, que em menos de um ano tiraram a águia do caos administrativo a um desfile de autêntica campeã! Desmentiram a falácia da maioria dos dirigentes que só sabem falar de patrocínio: a Portela não se vendeu a enredo de produto, o patrocínio passou por fora do tema escolhido, e fez seu carnaval como quis, pagando contas, pagando funcionários, com barracão de luxo e samba de verdade. Tudo bem: jurado prefere outra coisa, mas a Portela foi digna até dizer chega. A avenida vai dizer o que achou no desfile das campeãs...

Louvável a Grande Rio, escola vitimada pelo preconceito que o vírus da emissora de televisão causa a todos. É como fazer pacto com o diabo: a princípio parece dar certo, depois vem a maldição. Para os "telespectadores de samba", os que não frequentam quadras e veem desfile na TV: a Grande Rio é Caxias, não é Projac nem Jardim Botânico! Essa turma toda vai passar, podem crer. Este ano ficou bem claro tudo isso na avenida. O carnavalesco Fabinho mostrou um belíssimo painel de Maricá, carnavalizou com excelência um enredo abstrato, fez as alegorias mais inventivas e originais do Especial. O samba não ajudou muito, mas essa escola foi extraordinariamente autêntica. Só precisa eliminar aquele bloco bizarro de camisaria que vem à sua frente e no seu encerramento: um comitê feio de presunção, onde não se vê um negro e um caxiense presentes!

Louváveis o renascimento do canto e da graça da Mocidade, orgulhosa de si na avenida; a alegre brincadeira da União da Ilha, consagrando Alex de Souza como nosso melhor carnavalesco; o canto em oração de escola de samba verdadeira que é o Salgueiro; a vibração da valente Imperatriz.

Meu respeito e meu carinho a todas as pessoas que fazem o carnaval. Pra mim, como comentarista, carnaval na Sapucaí é assim: escola de samba é digna de TODO respeito, está acima de tudo e de todos. Bandeira, instituição! E as pessoas sérias, devotadas, que vivem em função da escola, não de suas vaidades, também terão esse respeito.

Por respeito à bandeira, parabenizo a Unidos da Tijuca, uma escola encantadora, que ressurgiu de seu matiz histórico e engrandeceu-se: de escola considerada pequena, virou grande em uma década, caso único na história dos desfiles!

Mas acho que uma discussão séria e uma profunda reflexão se fazem necessárias. Chega de jurados "especialistas" vindos de outras áreas: tem que ter gente ligada a samba, estudiosos de samba, pesquisadores de samba analisando as escolas na avenida. Cansamos da reincidência de jurados preconceituosos, com vícios de julgamento e justificativas de sanatório. Como todo mau profissional, eles não merecem a avenida, mas simplesmente "o olho da rua" em 2015!!!

Facebook Hélio Ricardo Rainho
Twitter @hrainho



Comentários
  • Avatar
    17/03/2014 21:36:42CLAUDIO MAURICIOMembro SRZD desde 17/03/2014

    Quando vi o resultado da apuração, tive a impressão que os jurados viram um outro desfile, e cheguei a duvidar da minha sanidade. Ninguém tiraria o título do Salgueiro ou Portela, estas fizeram um desfile de emocionar, irrepreensíveis, e por sorte atenderam a todos os quesitos que inventaram para justificarem uma Campeã. Fiquei feliz porque estava certo que a Império da Tijuca mais do que não não "descer", estaria no desfile das Campeãs. Lamentei a Vila Isabel com tantos problemas, injustificáveis para uma Campeã, e por fim, triste com a Unidos da Tijuca com a pífia homenagem ao Senna, um carnaval pasteurizado, repleto de ícones estrangeiros. A homenagem era para o Grupo Hanna Barbera? Agora fazer o que? desistir de ir a maior festa do planeta? Ainda não tenho essa resposta, por enquanto vou engrossando a fila dos descontentes. Parabéns ao Salgueiro, parabéns a Portela, parabéns a Império da Tijuca e parabéns pra você Rainho.

  • Avatar
    12/03/2014 14:27:29Luiz ClaudioMembro SRZD desde 22/11/2010

    Roberto, você é maluco? Você acha que alguém teria coragem de dar o título à Beija-Flor mesmo depois de um desfile patético? Ninguém em sua razoável condição mental faria isso. Mas admito que a sua escola é bastante temida. A ponto de colocarem a Beija dentre as favoritas. Medo, respeito, receito, sei lá. O que a escola nilopolitana proporcionou foi tudo, menos um desfile. Achei que fosse um funeral!!!

  • Avatar
    12/03/2014 11:13:20Andre MachadoMembro SRZD desde 22/12/2012

    MUITO BOAS OBSERVAÃ?Ã?ES, HELIO, COMO SEMPRE !!!

  • Avatar
    12/03/2014 10:11:31Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    ATENÃ?Ã?O! AVISO AOS NAVEGANTES: Mais adiante, eu faço questão de repetir (entre aspas) o comentário postado na última 2ª feira, dia 10/03/2014, pelo leitor deste prestigioso site que se identifica apenas pelo nome composto André Luiz. Com quem, se não me equivoco, já divergimos duramente em opiniões, conceitos e ideias. Tudo, de forma democrática e respeitosa. Haja vista, tratar-se de uma questão de justiça acerca de digamos regras, que aqui todos e todas nós devemos seguir. â??Prendendo-me ao assunto proposto "Conjunto da Obra", coloco Salgueiro e/ou Portela em 1º lugar, pois foram Escolas de SAMBA e emocionaram pelos desfiles e sambas-enredo. Em 2º U. da Tijuca, pela correção e técnica do desfile. Colocaria a Mocidade no lugar da Grande Rio. E não rebaixaria a Império da Tijuca. Ponto final!!! No mais, passadas as alegrias, as tristezas e emoções da competição; espero que os colegas leitores do SRZD, valorizem este espaço democrático prendendo-se as matérias propostas, respeitando os colunistas, e principalmente, os outros leitores e agremiações!â?. Almir de Macaé.

  • Avatar
    09/03/2014 20:25:12ROBERTOMembro SRZD desde 11/04/2009

    Não amigo Almir de macaé,não fico pu to com as provocações que é o que mais tem aqui, fico lendo e rindo,e nem porque ficamos em 7ª lugar,isso faz parte,fico pu to sim com certos VIDENTES BUN DA SUJA que antes do carnaval falam um monte de mer da e agora some todo mundo,imagine você se a Beija Flor fosse campeã o que não estariam falando aqui agora? então quem deita e rola agora sou eu. MOSTRA A CARA MONTE DE VIDENTES DE MER DA,BANDO DE MÃ?E DINÁda.

  • Avatar
    09/03/2014 17:01:19Rodrigo DarlanMembro SRZD desde 24/06/2009

    Rainho, Rainho... como você é inocente!!!!! rsrsrsrsrsr

  • Avatar
    09/03/2014 13:59:31Davi MarcellosMembro SRZD desde 09/03/2014

    Hélio....parabéns pelas palavras. De fato o juri não está à altura do espetáculo. No final das contas, felizmente, alguma justiça é feita. Tijuca, Salgueiro e Portela eram as favoritas do público. As notas é que são bastante questionáveis. De fato a maior prejudicada foi a Portela, que fez um desfile de campeã. As notas em alegorias e fantasias são bem aquém do que se viu e - pasme! - quase iguais a da Vila, que veio com carros sofríveis e componentes de cueca e sem chapéus. Como explicar as notas de enredo e conjunto de uma escola que não desfila com 10 alas?! Pra mim, que sou Portelense, tanto faz. Minha escola me encheu de orgulho e não preciso de jurados pra gostar do que vi. Mas imagino que um Imperiano (da Tijuca) deve ficar bem humilhado com o desrespeito com a qual foi julgada. Lamentável.

  • Avatar
    09/03/2014 11:54:44Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    ROBERTO, tá no esquema da Democracia que você, nilopolitano parceiro de mundo do samba, seja totalmente contrário às minhas ideias. Assim, dentro deste esquema eu tenho certeza que você não ficou â??p-u-t-oâ? com as provocações feitas por equivocadas/equivocados inimigos/inimigas da Deusa da Passarela, pela falsa denúncia de que a Beija Flor tinha armado tudo com a LIESA e a Globo através de Boni para se garantir como campeã em 2014. Então, nilopolitanto parceiro, até por eu respeitar o seu amor pela Beija Flor e, sem ser dono da â??verdadeâ?, eu lhe sugiro que você reflita sobre o seguinte. Eu considero correto que você reaja aos inimigos/inimigas da Beija Flor. Porém, faça isto com o mínimo possível (rsrsrs) de palavrões (rsrsrs). Não é por moralismo, não. Ã? que fica parecendo que você ficou â??p-u-t-oâ? sem razão alguma. Afinal, as provocações, as baixarias e as falsas denúncias, infelizmente fazem parte da Democracia. Quer dizer, no fundo o que os inimigos e as inimigas sentem pela Beija Flor é despeito por ela ser a Deusa da Passarela a agremiação da maravilhosa comunidade nilopolitana, que por isto tornou-se a mais vitoriosa da era sambódromo. Agora, cá entre nós, parece que está vindo por aí uma crise mesmo que passageira na Beija Flor. Os fatos estão ou estariam aí: Além da 7ª colocação, em 2014 a Deusa da Passarela teria estourado o orçamento em 20%. Para piorar as coisas em entrevista a O Globo mestre Laíla declarou: â??Se a LIESA não mudar os jurados, eu defendo que a Beija Flor não desfile em 2015â?. Por fim, ao meu fã disfarçado de detrator LEANDRO: Obrigado pela propaganda & marketing da citação de meu nome e tudo o mais... Rsrsrs... Saudações carnavalescas, Almir de Macaé.

  • Avatar
    09/03/2014 09:09:35LeandroMembro SRZD desde 20/10/2013

    Seguindo o ritual do ridículo: com adeptos/adeptas do mundo do samba que pratique idolatria da nossa agremiação do coração e fanáticos petencostais e com muita felicidade e inspirados que iremos carnavalisar a cidade de macae e iremos usar como fio condutor elétrico a personalidade de almir de macae e já estamos recebendo ideias para sinopse que divulgaremos em breve, nos a comunidade nilopolitana pentecostal estamos felizes que com este enredo ganharemos o carnaval de 2015. Leandro lima de João Pessoa. Almir serás o astro petencostal e seras o enredo colossal, vem a leitura e sua, a leitura e nossa e de quem quizer e mostra que idolatria e essa de samba no pé. Kkkkkkkkkkk

  • Avatar
    09/03/2014 03:05:49KezinhoMembro SRZD desde 09/03/2014

    Achei uma pena a colocação da beija flor era mereceia o 12 lugar com louvor pq não mudam estes jurados há cada ano... Todo ano a mesma M... Canetam uma escola e dão notas altíssimas para as que os integrantes desfilam de cuecas!!!!!!!

  • Avatar
    09/03/2014 02:58:17KezinhoMembro SRZD desde 09/03/2014

    Falou e disse tudo hélio

  • Avatar
    08/03/2014 20:55:48LeandroMembro SRZD desde 20/10/2013

    Eita como a beija flor da ibope. Realmente a língua ta enterrada no teu ...... Entendeu né

  • Avatar
    08/03/2014 20:51:05LeandroMembro SRZD desde 20/10/2013

    Seguindo o ritual do ridículo: com adeptos/adeptas do mundo do samba que pratique idolatria da nossa agremiação do coração e fanáticos petencostais e com muita felicidade e inspirados que iremos carnavalisar a cidade de macae e iremos usar como fio condutor elétrico a personalidade de almir de macae e já estamos recebendo ideias para sinopse que divulgaremos em breve, nos a comunidade nilopolitana pentecostal estamos felizes que com este enredo ganharemos o carnaval de 2015. Leandro lima de João Pessoa. Almir serás o astro petencostal e seras o enredo colossal, vem a leitura e sua, a leitura e nossa e de quem quizer e mostra que idolatria e essa de samba no pé. Kkkkkkkkkkk

  • Avatar
    08/03/2014 20:35:50ROBERTOMembro SRZD desde 11/04/2009

    GENTE EU SOU TOTALMENTE AO CONTRÁRIO DO MEU AMIGO PORTELENSE ALMIR DE MACAÃ?, COMIGO NÃ?O TEM RODEIO, EU SOU CURTO E GROSSO E VOU DIRETO AO ASSUNTO: eu continuo procurando os contorcionistas que essa hora estão todos com a língua infincada no c u, por afirmar antes do, eles carnaval que a Rede Globo o Boni e a LIESA já tinha ajeitado tudo na boca miúda pra Beija Flor ser campeã do carnaval, agora depois dos resultados sumiram todos, ninguém fala mais nada, mais eu entendo, eles não podem falar mesmo POIS ESTÃ?O TODOS COM A LÍNGUA ENTERRADA POR DENTRO DO C U A DENTRO.

  • Avatar
    08/03/2014 20:35:19LeandroMembro SRZD desde 20/10/2013

    Esse almir e outro sem noção, passa o ano inteiro falando coco e outra coisa, parte foi texto dele, vcs podem observar que e praticamente a mesma coisa, tem um ritual ridículo. Olhe seu almir de macae vai plantar coquinho que vc vai longe.deixe eu imitar pelo menos o finalzinho do ritual dele ... Ok! Vamos lá: Leandro lima de João Pessoa e neo petencostal.

Comentar