SRZD



Marcos Moura

Marcos Moura

Jornalista, nascido no Rio de Janeiro e vivendo hoje em Brasília, onde gerencia projetos de Comunicação Digital. Nos últimos 15 anos, trabalhou na cobertura esportiva em importantes portais da Internet Brasileira e no atendimento a grandes empresas de diversos segmentos. Acompanha o Botafogo, nos estádios e pela imprensa, desde 1978. Twitter: @marcosmoura21.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



19/03/2014 08h47

Torcida, goleiro e artilheiro

Olá, torcida botafoguense!

Foi isso aí que o Botafogo teve ontem à noite no Maracanã, na vitória magra e sofrida, por 1 a 0, sobre o Independiente del Valle, do Equador.

A torcida, em número, foi menor do que poderia ser, cerca de 27 mil pessoas. Mas em participação foi decisiva, principalmente nos minutos de acréscimo, quando o gol do empate parecia cada vez mais próximo.

Jefferson foi mais uma vez decisivo. Fez ao menos três grandes defesas, uma delas cinematográfica.

E Tanque Ferreyra fez dele o que se espera: um gol logo no início, usou sua experiência para segurar a bola e cavar faltas - ao contrário de outros 'experientes' do time - e mostrou raça o tempo todo, o que foi reconhecido pela torcida.

O time no geral está mal fisicamente. O adversário passava voando em cada jogada. E isso acarreta erros de passes, cruzamentos imprecisos e outros problemas.

Parte da torcida já começa a questionar o Húngaro. A gente não consegue ver a marca do treinador na equipe.

A classificação está encaminhada, mas o time vai ter que melhorar muito. Não sei se a entrada do Zeballos no meio vai melhorar tanto assim.

Saudações aivinegras!!


Veja mais sobre:Botafogo

Comentários
  • Avatar
    19/03/2014 15:13:18Marcos MouraAnônimo

    Carlão. Bondade sua. Grande abraço!

  • Avatar
    19/03/2014 09:08:40Carlão - São Cristóvão/SEAnônimo

    Marcos, Seus três últimos textos foram excelentes.

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.