SRZD


26/03/2014 17h18

Justificativas não justificadas
Hélio Ricardo Rainho

Saíram as justificativas dos jurados da LIESA para as notas atribuídas aos desfiles de escolas de samba de 2014. Fui convidado a avaliar as justificativas dos quesitos plásticos, que são "alegorias e adereços" e "fantasias". Inevitavelmente, nós, tidos como "comentaristas", somos abordados para opinar a esse respeito.

Considero esse um dos chamados "ossos do ofício". Não vejo filé nisso. Trata-se de julgar quem julga. Tarefa árdua. Enquanto para muitos, até mesmo não sendo "de ofício", é fácil pontuar essas coisas, a mim vem um profundo senso de responsabilidade, porque não posso ser injurioso nem tampouco complacente com o que estou lendo.

Se fosse dissertar sobre todos os critérios de todos os juízos pontuados, o trabalho soaria matemático. Confesso, não me dou a esse ofício. Então, ative minhas observações concentradamente à escola que considerei mais injustiçada e penalizada no resultado final, que foi inegavelmente o Império da Tijuca. Ainda assim, havia mais panaceia no cômputo geral.

- Carnaval 2014: Liesa divulga justificativas dos julgadores

Foto: Riotur

A primeira coisa de que me ressinto é um conceito mais claro do que significa, para essa gente, a palavra "criatividade". A meu ver, a função da justificativa é (ao pé da letra) justificar as notas concedidas. A maior recorrência dos julgadores é, no entanto, chafurdar na abstração da palavra "criatividade" para, com isso, não dizerem nada e parecerem dizer alguma coisa.

O que significa, por exemplo, um jurado dizer que uma escola não atendeu a proposta de criatividade "da LIESA"? Poderia, por gentileza, a LIESA nos explicar o que é a sua "solicitação de criatividade"? Porque, ao que me parece, o jurado entendeu, mas ninguém mais conseguiu. O diabo é que ele também não sabe explicar. Ou seja: isso pra mim, embora recorrente, é vazio.

Leio coisas de um grau de incoerência gritante. Apontam, por exemplo, uma série de repetições temáticas nas composições alegóricas, que eles chamam de "soluções monótonas", em várias escolas. A argumentação nos sugere, no entanto, que o que eles consideraram monotonia nessas escolas penalizadas teria sobrado, por exemplo, numa outra que, logo adiante, tirou sua nota máxima. Se isso não é incoerência, o que será? Embriaguez?!

Penalizar uma alegoria da São Clemente porque "abdicou de explorar o humor, o que daria um cunho mais festivo e alegre"...é justificativa de alguma coisa ou vontade de fazer o carnaval da escola no lugar de seu carnavalesco?! Pombas, diz que tava feio e mal feito...jurado não pode sugerir, dentro do julgamento, aquilo que quer ver como justificativa pra penalizar o que viu!

O rigor com que consideraram as alegorias do Império da Tijuca "pouco expressivas" não se repete em escolas que sabidamente usaram a repetição quase como mantra para conceberem seu desfile. No Imperinho, isso foi um crime. Na campeã, por exemplo, parece ter sido "virtude". E aí? Como fica a coerência?

No quesito "fantasias", novamente acontece uma coisa estranha. As justificativas para as perdas de pontos são muito parecidas pra todo mundo...mas o Império da Tijuca segue sempre perdendo mais do que as outras. O erro dos outros é "4.9", o do Império da Tijuca é "4.7". Dois décimos de diferença como "castigo' pra quem abre a noite de desfiles! É isso mesmo???

Estávamos todos ávidos por entender por que algumas notas de alegorias e de fantasias para a gloriosa escola do bairro de Noel não consideraram os problemas técnicos apresentados na avenida. Não entendemos, porque ninguém explicou isso direito. Enquanto isso, os jurados, em coro, continuaram afirmando que os carros do Império da Tijuca não preenchiam a avenida, que eram pequenos, que não expressavam claramente o enredo etc. Fico me perguntando: será que havia dois Sambódromos, dois Impérios da Tijuca e eles falam de um desfile a que só eles assistiram? Como conseguem ter opinião tão parecida, escrever tão parecido e pensar tão parecido ao pontuarem sobre a mesma coisa? Parecido - é claro - com eles mesmos. No mais, diferentes de todo mundo. Alguém é ET nessa história. O que eu faço? Me candidato???

Sei lá. Não gostei de nada do que li. Continuo achando que esse modelo atual de julgamento é um atropelo. Um atropelo conceitual, um atropelo da coerência, um atropelo do bom senso. E muito retrógrado, com o disfarce da transparência que tão somente evidencia fragilidade e, grosso modo, incompetência. Antes isso, até, do que má intenção. Mas também dói.

Com toda sinceridade, considero uma perda de tempo exigir do jurado uma justificativa para as notas que ele dá, partindo do ponto de vista de que não é permitido recurso, nem reversão, nem retomada de decisão. Sequer existe uma avaliação do próprio jurado, visto que, independente da chacota a que muitas vezes ele é exposto publicamente após se justificar, mantém-se no cargo no ano seguinte. Então, que sentido faz eu saber por que alguém deu uma nota equivocada, quando ele tão somente explica seu gosto pelo equívoco, sem nenhuma possibilidade de retratação?

Para a história, sigo com meu relato: o Império da Tijuca foi injustiçado, flagrantemente prejudicado no carnaval 2014. Não foi o pior desfile, não foi a pior escola, não foi o merecedor do descenso. Guardem, pois, a minha coluna. Que pouca valia tem, admito. Mas ao menos registra o que uma pessoa que assistiu a todos os desfiles e tem senso crítico para esse ofício - sem ser dono da verdade, mas sem precisar de "curso", porque acompanhou e estudou carnaval por uma vida - afirma: o Império da Tijuca não deveria ser rebaixado este ano!

Respeito todas as escolas, todos os pavilhões e bandeiras. Não milito em favor de uma para desonrar a outra, porque não conheço desonra em pavihão de escola. Tenho amigos por todos os lados no samba, rabo preso em lugar nenhum. Se assim falo, falo por respeito, amor ao ofício. E falo porque já fui de ala de compositores, já colei chapéu em barracão, já suei lágrima de emoção riscando a avenida:, já levei criança de mão dada pra passar na Sapucaí sei o que é e o que leva uma escola de samba a estar ali, naquele momento mágico.

E falo, lendo essas justificativas, que passou ali muita coisa boa e ruim, porque nem tudo dá certo na avenida. E que todo juízo é arbitrário, subjetivo, pessoal. Mas que existe má vontade nesta terra de Nosso Senhor, sim, existe. E este ano, a má vontade direcionou seus canhões para a escola do Morro da Formiga.

Sabe-se lá por quê.

Não tem justificativa!

Facebook Hélio Ricardo Rainho

Twitter @hrainho


Veja mais sobre:Carnaval 2014

Comentários
  • Avatar
    01/04/2014 23:46:21niltonMembro SRZD desde 25/10/2009

    Vamos assumir que o samba da beija flor era fraco, assim como outros, são clemente... E que os melhores eram império da Tijuca, salgueiro, Portela e mocidade. Imperatriz tinha um samba comunicativo e que ilustrava com propriedade e beleza o enrEdo em homenagem ao zico. Tijuca tinha um samba mediano, mas que serviu ao seu desfile. Grande rio rendeu muito na avenida, e mesmo não sendo brilhante, contou com correção o enredo sobre maricá. Mangueira tinha um samba correto de boa melodia. Vila tinha um samba médio e ilha um samba que aconteceu no desfile oficial.

  • Avatar
    01/04/2014 23:42:00niltonMembro SRZD desde 25/10/2009

    Vou de mar a mar, mareia Vou de mar a mar, Mareia , mareou Olha como esse jogo de palavras poeticamente leva ao ritmo das ondas do mar que vem e vão, Do enredo de mar a mar...da Portela 2014. Lindo, lindo, lindo. Já os versos um lado a comunicar, o outro comunicou e Desejo divino, divino desejo me leva Realmente não encanta nem pela melodia nem pela poesia. Parece pobre. Não ilustra em nada o enredo sobre comunicação, e muito menos o homenageado central, que sempre foi muito feliz em criar slogans.

  • Avatar
    29/03/2014 21:05:11cristiano de lucena pedrosoMembro SRZD desde 20/03/2014

    ainda digo mais e também em atenção ao senhor ou senhora beija sempre. a questão da troca de jurados é estranha mas ao mesmo tempo requer ,no mínimo,uma atenção.Mas não pelo simples ufanismo da comunidade da beija-flor ,e sim pelo detalhe técnico e questionável.vejam a incoerência das senhoras MARIA AMÃ?LIA MARTINS E DA SENHORA MARTA MACEDO em seus julgados de samba enredo.a senhora maria teria dito na sua justificativa o seguinte:UM LADO A COMUNICAR O OUTRO COMUNICOU ? PORQUE USAR OS MESMOS VERSOS INVERTIDOS.... a senhora marta teria dito LEVA DESEJO DIVINO DIVINO DESEJO ME LEVA NÃ?O TEM SENTIDO NA ESTROFE A REPETIÃ?Ã?O DE PALAVRAS...pois bem senhores vejam o que diz o samba da portela VOU DE MAR A MAR MAREIA ...VOU DE MAR A MAR MAREIA MAREOU...ISSO NÃ?O Ã? REPETIÃ?Ã?O DE PALAVRAS?????ESSE Ã? O SAMBA 40 DO CARNAVAL 2014.ORÁ PARA MIM UM HUMILDE OBSERVADOR, Ã? SIM...MAS ENTÃ?O EU VOU ACHAR QUE OS JURADOS SÃ?O INCOERENTES E QUE NÃ?O ROUBARAM DA BEIJA -FLOR E AÍ SIM QUESTIONÁ-LOS COM MENOS UFANISMO E MAIS ATENÃ?Ã?O as falhas que eles cometem.ok?abç.

  • Avatar
    29/03/2014 20:07:17cristiano de lucena pedrosoMembro SRZD desde 20/03/2014

    (faltou a parte final).eu dizia, no julgamento dado ao império da tijuca.abç.

  • Avatar
    29/03/2014 20:00:12cristiano de lucena pedrosoMembro SRZD desde 20/03/2014

    olá senhor hélio.a questão dos jurados parece ser diferente dos julgamentos que eles descrevem.veja que ,parece que a justificativa tem sua importância ,pois claramente produz indicativos de como a escola deve proceder nos quesitos.exemplo claro é o do senhor bruno rodrigues que este ano não julgou(não sei porque),mas o senhor sabe que ele foi o polêmico jurado que tirou 0,1 décimos,salvo engano seja 0,2,da letra do samba da vila isabel em 2014 penalizando os compositores pelo excesso de verbos no infinitivo.ora! será que esse excesso de verbos não tirou o campeonato do salgueiro em 2015??veja que mesmo não sendo o senhor bruno, o jurado alexandre wanderlei penalizou o salgueiro pelo excesso de verbos no final do samba.talvez,talvez sendo um compositor experiente ou um conselheiro da escola eu observaria essa falta má vontade do jurado e procuraria não repeti-la nos versos do meu samba para o ano seguinte,pois trata-se de indicativo claro de que alguns deles não gostam de versos com excesso de verbos no infinitivo.além disso,as escolas estão tão parelhas que os jurados parecem alegar para uma espécie de literatura parnasiana para se embasarem nos seus julgamentos.não sei se isso é certo ou errado, pois não conheço o regulamento da liesa,mas é claro que ,parece, que as escolas e os compositores,não todos,não estão atentos para esses detalhes.não estou dizendo que o senhor é o desatento.veja,por fim que ,no meu entendimento eu pergunto ao senhor o que é a liga? a liga é a beija-flor,mangueira,mocidade,imperatriz ,grande rio,portela,salgueiro,vila que construíram,mesmo sem querer, uma zona de conforto para se manterem no grupo especial.infelizmente para as escolas que sobem do acesso,tem que enteder que a força que terão que fazer para que se mantenham no grupo especial é 10 vezes maior que um desfila normal,posso estar enganado no meu entendimento mas é assim.e isso parece se refletir na má vontade dita com propiedade pelo senhor co

  • Avatar
    29/03/2014 15:44:23odenir silva macedoMembro SRZD desde 22/07/2011

    Engraçado , li vários posts de torcedores da Beija Flor revoltados com os jurados da LIESA, porém, esquecem-se que a Beija Flor sempre foi beneficiada por esses mesmos jurados. Não que eu concorde com os jurados, porém não esqueço-me das várias vezes que tivemos que engolir a Beija Flor Campeã ou Vice injustamente, e estes mesmos torcedores aclamarem os jurados por suas notas e justificativas, acredito que pela primeira vez em muitos anos a Beija Flor foi realmente julgada e para o bem de todos nem no desfile das campeãs voltou. Enfim, parabenizo ás verdadeiras escolas de samba que nos encheram de emoção com seus desfiles: Salgueiro - CAMPEÃ?O MORAL, Portela e União da Ilha. E me solidarizo com o Imperio da Tijuca que fez a Sapucaí tremer, uma pena que não o suficiente para que as cabines dos jurados tivessem desmoronado, eliminando estes do maior espetaculo da terra com os piores julgadores da história. Pronto falei....

  • Avatar
    28/03/2014 13:28:26EddieMembro SRZD desde 13/02/2013

    Marcos Paulo S Freitas, você entende de enredo para jugar alguma coisa sobre a Império de Tijuca? O que você gostaria de ver, carros luxuosos tipo Salgueiro, Beija Flor e por aí vai. Quando a Vila Isabel veio com enredo Kizomba, a escola toda veio com palhas, e foi campeã do carnaval de 1988. No caso da Império da Tijuca, todas as alegorias estavam no enredo, claro que são fantasias mais simples, não com muito luxo mais dentro do enredo. Eu posso dizer isso, pois estou no meio do samba a mais de 40 anos, na minha opinião a escola que deveria descer era a São Clemente, mesmo que a Vila Isabel viesse com componentes sem fantasias e carros mal acabado, não merecia ser rebaixada. Vila Isabel tem uma coisa muito importante, que poucas escolas tem, que se chama chão, isso não se pode negar. Um abraço, meu amigo. Não fique chateado com os meus comentários.

  • Avatar
    27/03/2014 19:21:29Nidia Jussara FdasilvaMembro SRZD desde 25/06/2012

    Acho muito estranho que nenhum presidente,diretor ou seja lá quem for das escolas da samba se manifestem contrários a esse tipo de situação vergonhosa.Creio que os componentes,o público presente que paga pra ver o desfile e os telespectadores estamos sendo feito de palhaços.

  • Avatar
    27/03/2014 18:53:21Beija SempreMembro SRZD desde 20/01/2013

    Ã? como eu venho repetindo há anos... Pior que as â??percepçõesâ?(?) e â??consideraçõesâ? desses jurados, são as aberrações que praticam. Nota-se, claramente, que existe descaso, falta de conhecimento, nenhuma boa vontade e, principalmente, escassez de comprometimento. Muitos jurados estão ali somente pelas mordomias que dispõem e pela grana que recebem. Afinal, fazer o â??sacrifícioâ?(?) de virar noite por dois dias assistindo de graça ao maior espetáculo da terra e ainda receber por isso, somente para escrever algumas obscenidades sem ter que se preocupar por qualquer responsabilidade jurídica e/ou de qualquer outra ordem, é muito fácil e cômodo. Pra mim, o maior culpado desses absurdos anuais não são eles, os jurados, mas, sim, a própria Liesa que respalda ano após ano a essas barbaridades. Assim, toda é qualquer reclamação, demonstração de indignação, são inúteis.

  • Avatar
    27/03/2014 16:46:31Phelippe Beija FlorMembro SRZD desde 22/02/2012

    o pior e saber q td essa nossa revolta vai dar em nada afinal tds as escolas q poderiam lutar contra o sistema nada vai fazer vai ser trocado no maximo tres jurados pra calar a boca do laila essa trocas vcs ja sabem vai tirar um estilista e colocar um pintor pra alegorias um maestro de sinfonica deve vim pra julgar bateria e um compositor de musica classica pra julgar samba enrendo e ano q vem vamos ter as mesmas justificativas q nao justifica nada so vai mudar os mosquitos mais a bosta vai ser a mesma

  • Avatar
    27/03/2014 15:12:57Nidia Jussara FdasilvaMembro SRZD desde 25/06/2012

    Já passou da hora da Liesa e desses jurados vestirem a vestimenta da vergonha na cara!!!

  • Avatar
    27/03/2014 12:48:22André LuizMembro SRZD desde 11/02/2014

    Ontem o Salgueiro ganhou quase todos os prêmios do "Tamborim de Ouro", do jornal o Dia. Assim como, ganhou os princípais no "Estandarte de Ouro", do Jornal o Glogo. Fora prêmios em outros veículos, como neste querido SRZD. Enfim: a L.I.E.S.A, e seus jurados, são quem menos entendem de desfile! Mas tem o poder. Que pena!!!

  • Avatar
    27/03/2014 10:15:10Marcos Paulo S FreitasMembro SRZD desde 02/08/2011

    Que não há coerência em várias notas e justificativas acho que ninguém discorda. Que a ITijuca não merecia descer, também acho que poucos discordam. Porém nos quesitos visuais, tratados aqui, a escola foi uma das mais fracas do ano sim. Não sei se merecia as notas recebidas. Pode ter havido excesso de punição por parte dos jurados, mas esse ano como ano passado a escola fez um grande desfile em vários aspectos, apenas ficou devendo muito no visual. Muito.

  • Avatar
    27/03/2014 09:52:40Marcos JoséMembro SRZD desde 23/12/2010

    Rainho, PARABÃ?NS! Este seu comentário é o melhor do que se pode ser dito a esse respeito. Muito bem escrito, sem palavras intelectualoides e com muita clareza. E entro no coro: "O Imperinho fez um desfile digno de ficar MUITO LONGE do rebaixamento"!!!

  • Avatar
    27/03/2014 01:48:13TedyMembro SRZD desde 12/04/2012

    Uma coisa que não pode deixar de ser citada o jurado do quesito "CONJUNTO" Ricardo RIZZO. Ele no rodapé do Mapa de Justificativas da Liesa, disse: "Por que não não ter uma CARROCINHA DE CACHORRO QUENTE nos módulos de jurados?". .... "Parabéns" ao Ricardo Rizzo, primeiro que ele honrou o sobrenome dele: RIZZO. Segundo porque ele ao escrachar suas besteiras no Mapa de Justificativas que serve pra avaliar as escolas de samba, escrachou logo tudo de uma vez. Isso me lembra quando Tirica disse pérolas como: "Pior que tá não fica" e que se não votasse nele, ele ia "mooooooorreeer" (kkkk), e assim escrachando ganhou a eleição. / Tudo que o jurado RIZZO fez, os demais também fazem, só que o jurado Rizzo assumiu e escrachou tudo. Assim como o Tirica escrachou com o sistema do país, o jurado Rizzo escrachou com o sistema da Liesa. Ri muito, fazia muito tempo que não ria tanto, kkkkk. O jurado tem todo direito a ter a CARROCINHA DE CACHORRO QUENTE pra lhe servir, afinal não é pra isso que os jurados estão ali; pra comer cachorro quente?!...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

Comentar