SRZD


22/05/2014 12h57

Conheça a história de Empezão, cavalo salvo pela Suipa
Redação SRZD

Maio de 2014. A Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa) recebe mais uma das inúmeras ligações que denunciam animais maltratados. Moradores de São João de Meriti pediam ajuda para um cavalo que estava "jurado de morte". A equipe partiu em busca do animal, o resgatou e o acolheu. Antes abandonado, o cavalo agora tem nome: Empezão.

- Dívidas e superpopulação: os problemas da Suipa aos 71 anos

Empezão. Foto: Divulgação

Os moradores de São João de Meriti avisaram que o cavalo era de um carroceiro. Muito magro e com algumas escoriações pelo corpo, o animal foi abandonado pelo homem perto de um valão. Esfomeado, ele rasgava sacos de lixo e acabou levando um tiro na pata.

Ao saber da história, a Suipa entrou em contato com o 21º BPM (São João de Meriti) para resgatá-lo. O órgão informou que não poderia ir, pois naquele valão funcionava uma "boca de fumo" e colocaria a vida de pessoas em risco. Após outras ligações, a solução foi a própria Suipa ir em busca do cavalo.

- Sidney Rezende: Salvar a Suipa é moral

Segundo a diretora presidente da instituição, Izabel Cristina Nascimento, a Suipa gastou R$ 1.800 pela contratação de um caminhão e de um veterinário especializado em equino. O veículo, porém, só poderia ir no dia seguinte e o cavalo ficou sendo cuidado pelos moradores da redondeza.

Quando chegou na Suipa, a avaliação dos veterinários era de eles precisariam recorrer à eutanásia, o que não foi aceito. "Não aceitamos essa prática, porque sentimos que Empezão, ao ver a alfafa, cenoura e maçã, ficou entusiasmado e caiu dentro", disse Izabel.

- Presidente da Suipa entrega carta para Dilma: 'Tenho certeza que vai abraçar a causa'

Vendo o animal fraco e querendo ficar deitado, o coordenador veterinário da Suipa, João Gustavo Wassita Nogueira, montou uma tenda improvisada para que o cavalo ficasse. Ele estava com a perna completamente destruída e com uma hemorragia constante, já que teve fratura exposta da tíbia.

O apelido surgiu quando o cavalo levantou dias depois. "Ele está 'em pezão'", disse Dr. João. O veterinário improvisou uma tala e começou a dar antibióticos diariamente. Empezão já circula pela Suipa a espera de uma prótese e até arranca suspiros de outros animais, como a égua Pacífica. Mas isso fica para uma próxima história.

Confira a saga de Empezão até o encontro com Pacífica (algumas fotos são fortes- e o SRZD preferiu não mostrá-las para não chocar os leitores):


Veja mais sobre:Suipa

Comentários
  • Avatar
    30/10/2015 00:03:20RoseAnônimo

    Sueli Kolling fez um comentário perfeito! Parabéns a todos os funcionários que cuidaram desde do momento do resgate até o restabelecimento do animal e parabéns pela matéria.

  • Avatar
    29/01/2015 12:26:28sueli kollingAnônimo

    Parabéns pelo lindo trabalho de resgate e tratamento desse animal, que foi abandonado após anos de escravidão!

  • Avatar
    07/07/2014 16:04:24VanessaAnônimo

    Parabéns pela dedicação de vocês cuidarem dos animais que recebem maus tratos, que tudo de certo para vocês continuarem ajudando e que Deus lhes recompensem muito bem por isso que vocês fazem.

  • Avatar
    24/05/2014 17:03:12Ana GamaAnônimo

    Ã? impressionante como mesmo sem entender nada de cavalos, até eu percebo que a cara dele desde quando foi resgatado, saindo do caminhão, mudou para muito melhor. Parabéns mais uma vez à voces, Bel e companhia.

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.