SRZD



Laíla

Laíla

CARNAVAL. Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, o Laíla, nasceu em 1943, no Morro do Salgueiro, situado na Tijuca, no Rio. Foi lá que o hoje renomado Diretor de Carnaval e Harmonia teve seu primeiro contato com o samba e o Carnaval, e onde criou, nos anos 50, uma Escola de Samba Mirim, chamada Independentes da Ladeira, que foi um grande sucesso na época, funcionando como espécie de trampolim para o convite feito pelo Acadêmicos do Salgueiro. Líder nato e apaixonado por seu trabalho, Laíla acumulou profundos conhecimentos harmônicos e melódicos ao longo dos seus 54 anos de atividade; tendo trabalhado, ainda, como cantor, músico e compositor. A primeira junção de sambas-enredo foi feita por Laíla, em 1975, em "As Minas do Rei Salomão"; e de lá para cá, todas as junções de sambas-enredo feitas por ele, nas diversas escolas por onde passou, foram sucesso. Há 45 anos trabalha como produtor do CD de sambas-enredo das Escolas de Samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro, e há 26 é o Diretor Geral de Carnaval e Harmonia da Beija-Flor de Nilópolis, onde criou, em 1997, a vitoriosa Comissão de Carnaval da Agremiação.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



03/06/2014 19h39

Videoblog: Laíla fala sobre a espiritualidade no Carnaval
Luciano Olivieri

Laíla fala sobre o respeito às crenças, a importância da fé e sobre a dificuldade de levar a Igreja para a Sapucaí. Confira:

 


Comentários
  • Avatar
    04/06/2014 16:03:16Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    Conforme mestre Laíla diz, ele foi católico, ainda vai às igrejas e reza, tendo se convertido em umbandista através do sincretismo religioso. Assim, é correta a sua crítica filosófica à hipocrisia da estrutura de poder da Igreja Católica sem confundi-la com as comunidades de base. Quanto à 7ª colocação da Deusa da Passarela no Carnaval 2014, ele não faz autocrítica, mas sabe que â??ajudouâ? a tirá-la das campeãs ao se equivocar na escolha do samba-enredo agravado pela incoerência de mudar e piorar a parte prepotente da letra do sofrível samba que dizia â??Lá, lá , iá... A Campeã voltouâ?. Duvido que o quadro de julgadores/julgadoras da LIESA ousasse não dar nota 10 ao samba concorrente da parceria dos compositores Marcão Mangaratiba, João Lima, Rogério da Mata, Angelino Cartola, Fernando Portuga e Jadir Zanardi, cuja íntegra da letra é: â??Não mude o canal... Chegou Beija Flor/Fazendo um enlace de amor/Tem Samba na rede, tecnologia!/Vai dar IBOPE esse babado da Folia (REFRÃ?O). Está no ar meu Beija Flor/No picadeiro da emoção/Trazendo a trajetória da Comunicação/Quando os Sumérios notaram/A importância de se Comunicar/A evolução da humanidade/Deixou a fumaça na Antiguidade/O povo Fenício deu voz à História/Da Arte do papiro à invenção do papel/Ouçam a lira tocar/Hermes vai enviar a mensagem que diz/Que os Deuses mostraram uma nova diretriz/A arquitetura seduz o olhar/Chega a era do rádio/Ã? tempo de ser feliz! A magia da televisão/Embala meus sonhos, a vida é mais bela/Eu vou curtir esse plim-plim/O mundo inteiro tá ligado nesta tela (REFRÃ?O). Boni o show da vida é você/O povo vem agradecer/Por seu talento, seus ideais/O sentimento em tudo que faz/Vivendo esta alegria/A Deusa canta e anuncia/O Astro Iluminado, padrão de qualidade/Um vencedor!/Nos braços da nossa comunidadeâ?. Saudações carnavalescas, Almir de Macaé.

  • Avatar
    04/06/2014 13:46:54Phelippe Beija FlorMembro SRZD desde 22/02/2012

    isso eu acho q indica mto q a beija flor trara um enredo de fe e espiritualidade para avenida partindo da africa

  • Avatar
    04/06/2014 11:51:42RogérioMembro SRZD desde 26/05/2009

    Mestre Laíla está muito chateado ainda com o acontecimento que ocorreu esse ano na entrada da escola, Torcendo pra Beija-flor trazer um enredo que de o troco.

Comentar