SRZD


07/09/2014 05h36

Claudia Leitte é coroada na Mocidade
Joice Hurtado e Wellington Andrade*

Lá vem a bateria da Mocidade Independente, e em 2015, ela promete incendiar a Sapucaí. Com toda pompa e sendo recebida por aproximadamente 5 mil pessoas na quadra da verde e branco, a cantora Claudia Leitte foi coroada, na madrugada deste domingo, como nova rainha da bateria de mestre Beréco.

- Clique aqui e veja galeria de fotos

Parte da bateria da verde e branco. Foto: SRZD

Promovida pela escola, a festa de coroação da cantora teve presença de vips e show com o Grupo Clareou, que abriu a noite. Apresentada em uma coletiva de imprensa, Cláudia se mostrou bastante emocionada com o novo momento e com a responsabilidade em estar à frente dos ritmistas independentes, posto por onde já passaram Monique Evans, que coroou a nova rainha, e Elza Soares, que fez história na verde e branco.

"Estou perdidamente apaixonada. Deus já me deu coisas maravilhosas e uma delas é ser rainha de vocês, que é uma das melhores coisas que podia acontecer na minha vida. Eu vou puxar a melhor bateria do mundo e vou registrar o meu nome como Claudinha Leitte de Padre Miguel", disse Cláudia, que atendeu os jornalistas por cerca de 1 hora antes da coroação.

Durante a entrevista coletiva, não faltaram perguntas sobre a paixão pelo Carnaval carioca e o desejo em se tornar rainha de bateria. A cantora aproveitou para ressaltar sua admiração pelo carnavalesco da escola, Paulo Barros.

Cláudia e Paulo Barros. Foto: SRZD

"Este homem é um fenômeno. É um presente estar desfilando pela primeira vez no Carnaval carioca, à frente da bateria da Mocidade e tendo Paulo Barros como carnavalesco. Sou uma mulher que gosta do surpreendente, da inovação e ele é tudo isso. Não poderia ser melhor", declarou a nova rainha.

Paulo também falou sobre a chegada de Cláudia à escola de Padre Miguel. "A Claudia vem para alavancar uma escola que quer retomar o seu lugar. A Mocidade sempre foi uma escola importante. E será muito importante a Elza Soares coroar a Claudia, porque Elza faz parte da escola e a escolha dela para esta função foi sensacional e nos emociona muito. A comunidade de Padre Miguel vai se encher de orgulho, porque é um grande resgate que estamos fazendo. O gigante acordou", disse o carnavalesco.

Momentos antes de ser oficialmente apresentada à comunidade, o presidente de honra da agremiação, Rogério de Andrade, falou aos torcedores da escola. "No início deste ano, eu estive aqui para apresentar o Paulo Barros e prometi a vocês fazer a Mocidade voltar às origens e ser uma escola campeã. Venho hoje reforçar isso trazendo uma cantora extraordinária, humilde e do povo para ser a rainha da nossa bateria, que é um fato inédito no Carnaval", disse Rogério.

Feliz e visivelmente emocionada, Cláudia recebeu a benção de um dos maiores nomes da história da escola, Elza Soares. Recém operada da coluna, Elza fez questão de participar da festa da coroação, puxando o samba esquenta da escola para dar as boas-vindas à nova rainha da "Não Existe Mais Quente".

Elza Soares. Foto: SRZD

"Eu nasci na Vila Vintém e frequento essa casa como se fosse o meu mundo. Eu fico muito feliz em dizer 'Salve a Mocidade'. Eu acho incrível sair da favela para me tornar a cantora do milênio. Eu operei a coluna, mas não podia ficar de fora de um momento tão especial como esse. Eu não quero mais chorar. A Mocidade vai pras cabeças este ano", disse Elza.

Cláudia Leitte recebeu de Monique Evans, que reinou por três anos consecutivos à frente da bateria da escola, a coroa. Das mãos da mulher de Rogério, a cantora recebeu a faixa de madrinha da bateria. Bastante à vontade, Cláudia sambou, esbanjou simpatia e fez questão de estar próxima à comunidade distribuindo flores e fotografando.

Segundo Márcio Pedreira, marido de Cláudia, a cantora está planejando um show na quadra da agremiação, além de levar parte da bateria para se apresentar em seu trio elétrico em Salvador na sexta-feira de Carnaval.

"A Cláudia está vivendo um momento de expectativa muito grande. É um sonho de menina que ela está realizando e recebendo apoio e muito carinho da escola. O convite encaixou perfeitamente na agenda de Carnaval dela, já que sexta ela estará em Salvador, sábado em Minas e domingo na Sapucaí. Estamos programando um show para agradecer toda essa receptividade da comunidade de Padre Miguel que, com certeza, terá uma rainha dedicada e o mais presente possível na escola."

Na opinião de Monique Evans, Cláudia vai ajudar a Mocidade a retomar o glamour dos anos 80 e 90. "Acho que a Claudia vai brilhar muito, porque já tem todos os ingredientes que uma rainha deve ter e, por si só, já chama a atenção. A Mocidade virá como antigamente, ganhávamos todos os campeonatos e nesse novo momento, a Claudia chega para trazer todo o glamour para a escola. E tem novidade: farei videos de Carnaval todos relacionados somente à Mocidade, através de canais pela internet", disse ela.

Cláudia Leitte Foto: SRZD

Perguntada se opinaria sobre a escolha do samba de 2015, Cláudia foi taxativa. "Essa foi uma exigência que fiz. Na minha opinião, o samba tem que contar de maneira clara e simples a história do enredo, além de ter um refrão forte, com pegada. Faço questão de estar na bancada para ouvir todos os concorrentes deste ano. Quero participar ativamente deste processo, porque sei que é importante e é assim que levo a minha rotina profissional. E a escola pode estar certa que terá de mim o máximo que eu puder", contou Cláudia.

Bastante motivada, Cláudia cantou um dos hinos principais da escola, ao lado do intérprete Bruno Ribas. Feliz com a chegada da rainha, Bruno definiu Cláudia como uma estrela.

Bateria da Mocidade. Foto: SRZD

"Cláudia é um ser de luz, mais uma estrela que vai aumentar a constelação da Mocidade. Dizem que baiano não nasce, estreia, e nós esperamos que ela debute na verde e branco trazendo o campeonato para Padre Miguel".

Já o primeiro casal da agremiação, Diogo Jesus e Lucinha Nobre, apostam no carisma de Cláudia para promover o Carnaval da escola.

"A Claudia Leitte é uma cantora internacional e vem pra somar e será uma troca de energia muito grande, porque será bem pra ela e para nos também. Ela já está acostumada com o trio elétrico, mas acho que aqui ela sentirá uma emoção diferente. Estamos muito felizes em vivenciar isso."

Fã da artista, Tia Nilda acredita que a Mocidade está na trilha da vitória e lutará pelo título que não vem há quase duas décadas.

"Para mim, a Claudia está sendo muito bem recebida e eu, particularmente, sou fã do trabalho dela como cantora. Estou muito feliz com tudo o que está acontecendo e o que quero é ver a Mocidade campeã do Carnaval com a garra e o empenho, alegria e amor de todos em prol da nossa escola."

Em 2015, a Mocidade será a terceira agremiação a desfilar no domingo de Carnaval, com o tema: "Se o mundo fosse acabar, me diz o que você faria se só lhe restasse um dia?", do carnavalesco Paulo Barros.

Curta nossa página no Facebook:

 

 

 



Comentários
  • Avatar
    11/09/2014 16:39:10Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    Ã? impressionante como não há consenso entre adeptos independentes, unanimidade seria burrice, sobre identidade-perfil digamos ideal dos enredos & temas da agremiação da estrela-guia de Padre Miguel. Ainda mais agora com a contratação a peso de ouro de um vitorioso carnavalesco em uma só agremiação, Paulo Barros, o qual para agravar é estigmatizado como broadwayano & estadunidencizado. Ou seja, não há consenso se o perfil ideal de identidade da Mocidade em relação a enredo & tema nem mesmo em sua vitoriosa época. Haja vista, sendo uma agremiação detentora de cinco títulos (1979, 1985, 1990, 1991 e 1996) os conquistou através de enredos & tema desenvolvidos por três carnavalescos diferentes. Em 1979 o enredo & tema apresentado foi (O descobrimento do Brasil) desenvolvido pelo carnavalesco Arlindo Rodrigues. Em 1985 o enredo & tema apresentado foi (Ziriguidum 2001, Carnaval nas estrelas) desenvolvido pelo carnavalesco Fernando Pinto. Em 1990 (Vira , virou, a Mocidade chegou), 1991 (Chuê... Chuá... As águas vão rolar) e 1996 (Criador e criatura) foram desenvolvidos pelo carnavalesco Renato Lage. O fato é que este site ao inaugurar o quadro `Voz da Arquibancada´ dia 16/08/2014 às 11h o fez postando uma entrevista-depoimento com um torcedor independente o paulista radicado no Rio, o jornalista Rica Perrone. O qual, dentre outras, afirmou que considera o Carnaval 1994 apresentado pela Mocidade Independente como grandioso e nota 10 o samba-enredo `Avenida Brasil: tudo passa, quem não viu?´. O jornalista esclareceu, por fim, que considerou tal desfile grandioso e o samba-enredo nota 10, apesar da Mocidade Independente ter ficado em uma colocação intermediária, 8ª. A íntegra da letra deste samba-enredo pode ser vista em meu comentário junto ao mencionado quadro de entrevista-depoimento intitulado `Voz da Arquibancada´. Saudações carnavalescas, Almir de Macaé.

  • Avatar
    10/09/2014 13:04:59Cláudia BauerMembro SRZD desde 19/01/2013

    Minha escola nunca foi boa em homenagens. A exceção foi Vila Lobos e, em proporção bem menor, Portinari. E nunca foi boa em enredos CEP. Prova disso foi o enredo que o próprio Renato fez em 94, Avenida Brasil, que rendeu a minha escola uma oitava colocação merecida.

  • Avatar
    10/09/2014 09:47:39João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    Mocidade não tem know how em fazer enredos homenagens. Na era Lage, somente 1 foi feito, como foi elaborado pelo mestre, ficou show. Depois um segundo, por Cebola, que foi um desastre. Quase levou a escola ao rebaixamento. Padre Miguel é bom de abstratos. Essa é a praia Independente. Esse é o DNA de sucesso dessa escola vanguardista. Fora disso ela se mutila, como se mutilou por 10 anos na era Vianna. Mocidade já foi salva. Espera, confia e verás sua ressurreição em fevereiro.

  • Avatar
    10/09/2014 09:13:47BoadSambaMembro SRZD desde 10/01/2010

    KKKKKKKK ainda existe um ponto de lucidez diante de tantos pés pelas mãos que está acontecendo na Mocidade, vão reapresentar nova safra de sambas.Viram que a coisa tá feia de cara, com esse lote aí nem por um baralho macumbado a escola anda!Eu vou cantando meu samba-"Salvem a Mocidade, salvem a Mocidade"! Querem ver um enredo massa para a mocidade que cairia no estrelato :Elza Soares, se a mocidade olhasse pro seu proprio umbigo viria que teria a faca e o queijo na mão para fazer um desfile a altura da comunidade homenageando Elzinha, perderam a chance "profissionais do carnaval independente"!

  • Avatar
    10/09/2014 07:22:49Cláudia BauerMembro SRZD desde 19/01/2013

    A virada já foi em 2014, Gean. Pode ter certeza disso. Ah, e detalhe: esse ano a Mocidade vem melhor que esses 2 anos que você disse. Eu conheço o projeto e posso te garantir de olhos fechados.

  • Avatar
    09/09/2014 23:04:35GeanMembro SRZD desde 22/02/2016

    Claro que não Cláudia. Entendo o seu amor pela pioneira Estrela-Guia de Padre Miguel, mas vamos ser mais realista né?! O desfile que pode representar a virada da Mocidade é o de 2015. Politicamente, a Mocidade já melhorou e muito(aí ela já virou o jogo), mas nos desfiles ainda não, e se vai melhorar, isso veremos no dia 15 pra 16 de fevereiro tá fia. E torço pra Mocidade vir tão bela como em PADRE MIGUEL OLHAI POR NÃ?S & DE CORPO E ALMA NA AVENIDA. Desfiles que representam as mais belas estéticas que Padre Miguel levou pra Avenida até hoje.

  • Avatar
    09/09/2014 22:06:19Amor verde e brancoMembro SRZD desde 17/01/2012

    SALVE A MOCIDADE!!!

  • Avatar
    09/09/2014 19:50:10Cláudia BauerMembro SRZD desde 19/01/2013

    Ora, e não disputou, Gean? E sinceramente, minha escola foi a campeã moral junto com a Portela. JAMAIS iremos esquecer o desfile de 2014, que serviu como a nossa virada de jogo. Agora em 2015, sai debaixo!!! Aguardem, a Sapucaí nunca mais será a mesma. Não é verdade, Aghata?

  • Avatar
    09/09/2014 19:43:01João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    SAPUCASTOR: UMA OBRA PIONEIRA NUMA ESCOLA INOVADORA. Mocidade constrói uma 'Sapucaí' onde vai realizar ensaios técnicos para o carnaval 2015 Terreno ao lado da quadra da Mocidade de Padre Miguel vai virar pista de ensaio técnico. Uma Sapucaí para chamar de sua. O antigo sonho do diretor de harmonia da Mocidade Independente de Padre Miguel, Rômulo Ramos, de 67 anos, começa a se tornar realidade. A escola de samba vai inaugurar, até o fim do ano, sua própria pista de ensaios técnicos, inspirada no Sambódromo. As obras no terreno da Avenida Brasil, onde fica a sede da escola, já começaram, com o aterramento do solo. O protótipo tem extensão total de 215 metros e 13 de largura. O comprimento equivale a 30% da Avenida do Samba, que é de 700 metros. Além disso, o projeto tem dois recuos para a bateria. A diretoria da Verde e branco prevê que o canto de seus componentes vai melhorar significativamente e ficará mais fácil preservar as surpresas do desfile.

  • Avatar
    09/09/2014 19:41:23João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    Tenho essa ideia desde o carnaval de 2009. Com a nova administração da escola e meu retorno para a Mocidade, resolvi apresentar o projeto, e aprovaram. Vamos pisar na Sapucaí com muito mais gabarito. Os ensaios que a comissão de frente faz de madrugada na Sapucaí poderão ser feitos aqui - anima-se Rômulo. Outro ponto que contou a favor é que, a partir de agora, o controle de público nos ensaios será feito pela escola. Nos treinos na rua, geralmente, na Praça Guilherme da Silveira, era comum pessoas invadirem a pista e atrapalharem a performance. Agora, a Mocidade pretende instalar arquibancadas provisórias na sua passarela. Caixas de som serão instaladas nos postes de iluminação da pista, num sistema semelhante ao da Sapucaí. De acordo com o porta-voz da presidência da escola, Rodrigo Pacheco, a iniciativa não terá custo para a agremiação. A obra seria resultado de parceria com uma construtora, que garantirá os recursos. - Podemos ampliar a pista e fazer chegar a 400 metros. E a Mocidade não vai gastar nada com isso - garantiu. Os treinos na nova pista serão realizados às quartas. Os ensaios técnicos às segundas também serão no local. A escola pretende fazer os tradicionais ensaios na Praça Guilherme da Silveira somente uma vez por mês. Democrática. A escola Verde e branco não descarta a possibilidade de ceder o seu novo espaço de ensaios para outras escolas de samba, seja da Zona Oeste ou até mesmo do Grupo Especial. As bibas anti já podem cortar os pulsos!

  • Avatar
    09/09/2014 19:25:57João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    PRAS BIBAS RECALCALCADAS CORTAREM OS PULSOS: "Sério... Ã? um marketing muito inteligente dessa vez! Esta nova gestão está viabilizando umas paradas que o carnaval ainda não se dava conta... Eles têm visão sistêmica, de empesa e show business, garantindo no entanto um enredo autoral. O que a gente viu na última década foi que uma série de escolas acabava atraindo mídia, seja pelos patrocínios viabilizados ou convidados, mas todos eles amarrados. Agora, não... Ã? um lance diferente! A escola viabiliza shows e levanta os recursos para bancar a maior grife carnavalesca do momento, ou seja, Paulo Barros... E realiza um desejo que ele tinha há mais de três carnavais: levar um AUTORAL AUTÃ?NTICO pra avenida! - Cerca-se de inúmeras direções, ateliês e técnicos especializados em cada área, reforma barracão... Garante todas as contratações e pagamentos segundo regime da CLT, coisa raríssima ainda no mundo do samba!!! Ainda têm o cuidado de dar preferência empregatícia a pessoas da comunidade... - A gestão resgatou diversos independentes que fizeram fama por aqui e estavam desgarrados... Abriu ala de compositores e, para tentar gabarito, concede até tempo adicional para que lapidem suas obras... Ã? gestão que tramou o resgate de forma holística e antevê todo o projeto, já se prepara para os ensaios inclusive.

  • Avatar
    09/09/2014 19:24:22João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    Concebe um cronograma e organograma que segue à risca... Projeta e vai viabilizar uma 'Sapucaí Própria', pois com certeza, isso garantirá ensaios adicionais e manutenção das surpresas que garantiriam a genuinidade e identidade do projeto... Todos os segmentos andam numa beca, numa estica! Com direito a cursos e treinos para os shows que rolam na quadra, oferecendo aos visitantes um ambiente sempre renovado e com diversos atrativos... Fazem uma administração impecável nessa quadra nova, com shows da MPB e eventos do samba sempre lotados... bilheterias estratosféricas e serviços excelentes, com preços acessíveis...Planejam destinar projetos sociais à quadra antiga e ainda viabilizam transporte das pessoas da antiga comunidade a todos estes eventos da quadra nova... Moral da história: será que é realmente necessário colocar a essência dos carnavais a serviço de patrocínios, quando se pode viabilizar projetos autorais, levantando outros tipos de captações?! Levantando até mesmo patrocínios, porém que não interferem em nada na autenticidade dos projetos?! - Aproveito este momento de visibilidade alcançado pelo último evento para destacar que, apesar de todo marketing e exposição evidentes, trata-se de algo natural... Cada decisão, de comum acordo, em reuniões, visa manutenção da marca da escola em voga... Mas tudo isso tem cunho de reforçar imagem empresarial a escola e de resguardar e valorizar o projeto sem interferências quaisquer! Foram muitos anos sendo mal administrados até que chegou essa galera nova, competente, que vem oxigenar a todo o carnaval...

  • Avatar
    09/09/2014 19:23:48João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    Ã? evidente que num primeiro momento há de se fazer publicidade de tudo! - Vejam que não foi o patrocínio da Nestlé, ou do Camarote tal, do Astro tal, que viabilizou enredo, contratações e até influiu em escolha de rainha... Ninguém aqui está com o enredo atrelado ao marketing... Percebem?! Cada coisa cria a visibilidade necessária, para afastar o ranço de quem se acostumou a nos ver, com aquela "mancha" a nos perseguir por mais de uma década... Muito além do marketing e visibilidade, o projeto permanece independente, intacto, autoral, como deve ser!!! - Ã? impressionante como a gestão consegue mídia, mantendo todos esses preceitos. A visão deles é sistêmica... Ã? empresarial, de fato! Mais impressionante ainda é o espanto do mundo do samba, a medida que se dão conta da escala e das novidades de gestão que poderiam ser perfeitamente utilizadas pelas demais escolas... A Mocidade com sua nova gestão já vai cumprindo uma missão antiga que tinha... Lançar novas ideias, pra viabilizar qualidade, muito além da quantidade... A função de Oxigenar a festa. Estava tudo muito cristalizado já, muito acomodado... A gente se acostumou a ouvir: "Mas uma escola do Especial hoje não faz desfile competitivo se não tiver patrocínio tal..." - Ora... Vejam bem... As dezenas de shows com artistas renomados de nossa MPB, com mais de 10.000 espectadores cada, desde que esta nova gestão chegou...

  • Avatar
    09/09/2014 19:23:13João SilvaMembro SRZD desde 18/08/2010

    Semana que vem se não me engano haverá 'O Rappa' pela segunda vez ali... Depois Ana Carolina... Já passaram por ali: Zeca Pagodinho, Lulu Santos, Natiruts, Jorge Aragão, SPC, Mumuzinho, Naldo, dezenas e dezenas de artistas... O ano tem 54 fins de semana... Inúmeras escolas ficam com as quadras de férias, ociosas, um tempão, até que rolem os eventos de samba... Não obstante a esses shows de sábado, houve vários eventos de samba aos domingos, que dirão nossas últimas feijoadas... Da aquisição de novos chassis e reforma do barracão à viabilização da 'Sapucaí Própria' não rola altruísmo, pura e simplesmente, em inúmeras entrevistas eles citam os nomes das empresas que fazem parcerias e viabilizam tantos empreendimentos... Pergunta se alguém interfere nos projetos de carnaval da escola?! Pois então... Eis vários exemplos de como se pode oxigenar e viabilizar os autorais e o aporte de tantos profissionais e grife. Nós somos testemunhas... Desde que essa gestão chegou à escola e teve de fechar o último carnaval em 23 dias, de lá pra cá, é só trabalho... Os caras não descansam um só instante, reúnem-se todos os dias, reuniões gerais semanais... Enfim, quando muitos críticos e colunistas especializados descreviam modelos, padrões, falavam que carnaval hoje é empresarial e etc... Incomodava-me ainda a questão do engessamento da festa, sobretudo, na questão da criação... Pois bem... Acho que agora eles têm, de fato, um estudo de caso melhor! - E aí... "Se o Mundo fosse acabar me diz o que você faria, se só lhe restasse um dia?"... Pois é!!! Ã? muita diferença!!! Mas, há anos-luz!!!"

  • Avatar
    09/09/2014 19:12:13GeanMembro SRZD desde 22/02/2016

    Esse João Silva é tão idiota!!!! Desfiles de excelente qualidade??? Como "desfiles de excelente qualidade" se a Mocidade ainda nem desfilou. E cuidado Independentes, parem com essa prosa excessiva. Tudo bem que hoje, a Mocidade tem mais estrutura que à 7 meses atrás. Mas, você se lembra né Aghata??? Você se lembra né Cláudia??? Ambas diziam: A Mocidade vem pra brigar pelo título. E no final das contas, nós realmente "vimos" um desfile pra "brigar" pelo título. Essa é boa!!!!

Comentar