SRZD


27/09/2014 12h36

Estácio de Sá cantará samba de Dominguinhos em 2015
Redação SRZD*

A noite desta sexta-feira (26) foi de festa, alegria e decisão na quadra da primeira escola de samba do Brasil: a Estácio de Sá escolheu, com a quadra lotada e com apoio da comunidade, o hino que cantará na Avenida no próximo Carnaval. A maratona começou com a apresentação de um grupo musical de samba e pagode. Em seguida, todos prestigiaram o show dos segmentos da escola, que cantaram hinos antigos na voz do intérprete oficial, Leandro Santos, e ao som da bateria Medalha de Ouro comandada pelo mestre Chuvisco.

- Clique aqui e saiba tudo sobre o Carnaval 2015

Torcidas final Estácio de Sá. Fotos: SRZD - Bruno Dutra

Era madrugada deste sábado quando a primeira parceria foi chamada para defender sua obra: Dudu Nobre e seus colegas subiram ao palco e cantaram no embalo da torcida e da comunidade. Em seguida, Ricardo Cabeça, China do Estácio, Dominguinhos do Estácio e seus companheiros entoaram suas músicas e animaram o público, acirrando ainda mais a disputa de sambas. O resultado da concorrência foi dado por volta das 4h da manhã: na opinião do júri e da Direção de Carnaval, a obra que melhor representará a Estácio em 2015 é a de Dominguinhos do Estácio, Tinga, Merica, Adriano Ganso e Dani Maroneze.

Dominguinhos do Estácio. Foto: SRZD - Bruno Dutra

Parcerias comentam a emoção de concorrer na Estácio de Sá

Dudu Nobre não ganhou, mas festejou com seus companheiros e falou ao SRZD-Carnaval sobre a emoção de disputar. "Estou super feliz. Foi um trabalho que deu muito certo.

Fizemos um samba pensando justamente no horário em que a Estácio vai desfilar. É um samba de pegada e emoção. Quero ressaltar que uma coisa que apaixona a gente é ouvir a comunidade abraçar o nosso samba e ouvir ela cantar", disse. O cantor também fez questão de elogiar a obra de Dominguinhos, seu amigo pessoal, e a de China, colega de disputa. "Os sambas do Dominguinhos e do China são emocionantes e fortes concorrentes. A decisão ficou por conta da escola, mas mesmo assim fico feliz por ter sido finalista", completou Dudu.

Parceria de Dudu Nobre. Foto: SRZD - Bruno Dutra

Apesar de não ganhar, a parceria de Ricardo Cabeça também conversou com o SRZD-Carnaval e mostrou-se muito tranquila com a apresentação e a defesa do samba. "É emoção demais tentar representar essa escola maravilhosa. Já cantei em apresentações aqui e é a primeira vez que faço a composição. Levamos muita fé em nossa obra. O mais

importante para nós foi cantar aqui, nesse berço do samba mesmo não tendo ganhado", disse Ricardo.

Parceria de Ricardo Cabeça. Foto: SRZD - Bruno Dutra

China do Estácio, outro finalista e campeão em 2014, afirmou apesar de não ganhar, valeu muito à pena concorrer mais uma vez pela escola. "Não fomos campeões, mas não iremos desistir. Vamos vir com tudo no próximo ano", falou ao SRZD-Carnaval.

Parceria de China do Estácio. Foto: SRZD - Bruno Dutra

Por sua vez, Dominguinhos do Estácio, grande campeão, comemorou emocionado. "Chegamos até aqui porque a parceria deu certo. Fizemos um samba emocionante pensando nos 450 anos do Rio de Janeiro. O público abraçou nosso samba com muito carinho e foi isso que nos deixou muito confiante. A decisão, porém, ficou por conta da escola.

Eles sabem bem o que fazem. Confiamos muito neles e está aí. Fomos escolhidos", destacou o cantor ao SRZD-Carnaval.

Dominguinhos, intérprete mais experiente do mundo do samba, descreveu a Estácio em algumas palavras. "Estácio é o meu amor! Estácio é minha paixão!". Quando o assunto foi o amigo Dudu Nobre, ele apenas resumiu: "O Dudu é maravilhoso!", exclamou em bate-papo com o SRZD-Carnaval.

Leão vem feroz e, com sede de título, quer voltar ao Grupo Especial

Na disputa acirrada do último Carnaval, a vermelha e branca conseguiu o 2º lugar da Série A, perdendo para a grande campeã Viradouro, mas a qualidade do desfile da

Estácio foi bastante elogiada pela mídia e pela crítica especializada, que consideraram que a escola veio com uma nova roupagem e novas propostas. Na ocasião, o experiente Jack Vasconcelos era o carnavalesco. Para 2015, a agremiação decidiu renovar o time e contratou uma dupla de artistas para desenvolver o Carnaval: Amauri

Santos, veio da Caprichosos e assinará, junto com o jovem Tarcício Zanon, uma homenagem ao Rio de Janeiro sob o tema "De braços abertos, de janeiro a janeiro, Sorrio, sou o Rio, sou Estácio de Sá".

Em conversa com o SRZD-Carnaval, Leziário Nascimento, presidente da Estácio, comentou a decisão pelo samba campeão e exaltou todos os compositores que participaram da disputa. "Todos os compositores estão de parabéns, pois todas as quatro obras representariam muito bem a nossa escola na Sapucaí. Mas tivemos que escolher apenas uma música e o melhor foi decidido". Quando à possibilidade de mudança na letra da música campeã, o presidente foi bem claro: "Não há a mínima possibilidade de mudarmos a letra do samba campeão. Obras como essa a gente não mexe, pois são muito valiosas e além disso, temos que respeitar os compositores", destacou.

Leziário Nascimento. Foto: SRZD - Bruno Dutra

Perguntado sobre o resultado do último desfile, Leziário cumprimentou a campeã (Viradouro) e reconheceu o merecido título, mas ressaltou que a Estácio vem há bastante tempo fazendo grandes Carnavais e que em 2015 a escola virá para surpreender novamente. "A Estácio não vai apenas desfilar nem mesmo passear. Ela vai vir para brigar pelo título. Com todo respeito às coirmas, mas quem quiser ganhar, vai ter que ganhar da Estácio. Estamos investindo muito para vir com toda força", prometeu o dirigente ao falar com o SRZD-Carnaval.

Nelson Souza, diretor de Carnaval, também deu entrevista ao SRZD-Carnaval e confirmou as expectativas do presidente. "O enredo da escola é grandioso. Falar da história da cidade, que se confunde com a história do samba e da própria Estácio de Sá, é um presente. O objetivo da escola é emocionar a Sapucaí", afirmou. Sobre o andamento dos trabalhos no barracão, Nelsinho revelou que o cronograma está sendo cumprido. "Já fizemos os protótipos e a maioria das fantasias já estão em fase de reprodução.

Nosso barracão também trabalha a todo vapor, mas os serviços ficarão ainda mais acelerados nos últimos meses para o desfile. Vamos contar com cerca de 70 pessoas trabalhando para colocar da Estácio na Avenida", explicou o diretor.

Amauri Santos e Tarcísio Zanon: as duas apostas da Estácio de Sá

Os dois artistas contratados pela escola falaram ao SRZD-Carnaval. Amauri Santos comentou o samba campeão e falou das propostas para o próximo desfile. "O samba é irreverente, tem uma boa descrição e vai representar muito bem o nosso enredo. Procurávamos uma letra inteligente". Sobre a preparação para o ano que vem, o artista guardou as surpresas, mas revelou alguns detalhes do desfile. "Em relação às alegorias, o abre-alas vai mostrar a chegada de Estácio de Sá ao Rio de Janeiro. No segundo vamos mostrar o Paço Imperial, onde foi assinada a Lei Auréa. No quarto setor, vamos mostrar o Rio de Janeiro de hoje, com toda a sua pluralidade. A escola está bem estruturada. Estamos com uma enorme expectativa para retornar à elite do carnaval", destacou Amauri em entrevista ao SRZD-Carnaval.

Amauri Santos e Tarcísio Zanon. Foto: SRZD - Bruno Dutra

Tarcísio Zanon concordou com as palavras do veterano e destacou a parceria que fez com Amauri. "Estar com o Amauri é muito bom porque ele traz tranquilidade e segurança. Eu sou um carnavalesco muito criativo, mas ele sempre está do meu lado dizendo o que pode e o que não pode e isso me ajuda muito a trabalhar. Assim fazemos nosso trabalho. É uma responsabilidade muito grande esse trabalho, pois trata-se do berço do samba. Queremos levá-la de volta ao Grupo Especial". Quanto aos materiais usados nos figurinos e nas alegorias, Zanon também deixou clara a preocupação com a qualidade. "Não usaremos material alternativo nesse momento. Os figurinos estão luxuosos e assim também serão as alegorias. Vamos reaproveitar muita coisa do útlimo desfile, pois são materiais caros. Mas teremos novidades também", disse o rapaz ao SRZD-Carnaval.

Bateria se já se prepara para gravar o CD

A data de gravação do cd da Série A está próxima: na terça-feira (30) as escolas começarão a gravar as músicas. Em entrevista ao SRZD-Carnaval, mestre Chuvisco mostrou-se empenhado em alinhar a bateria ao samba campeão e deixar tudo pronto para o dia de gravação. "Escolhido o samba, agora é correr para ensaiar. Vamos reunir todo mundo segunda-feira para fazer aquela sintonia especial para a gravação. Após gravação do cd, os ensaios serão mais pesados. Vamos introduzir novas bossas para arrasar na Avenida", disse o mestre.

Mestre Chuvisco. Foto: SRZD - Bruno Dutra

*Bruno Dutra e Rodrigo Trindade - Colaboradores do SRZD

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?

 



Comentários
  • Avatar
    28/09/2014 22:21:58gilmar venturaMembro SRZD desde 28/09/2014

    Parabéns Estácio, torço muito por vcs!Hoje abri sem querer um libro e vi a foto do Ismael Silva, me emocionei... Veradeiro berço do nosso samba.Curti participar dos carnavais do período do falecido Acyr, espero vê-la de novo no especial.

Comentar