SRZD


03/12/2008 14h54

A safra da Lesga por completo
Eugênio Leal

O desfile do sábado de carnaval promete ser bem interessante. Pelo menos no que depender dos sambas. A safra de 2009 está acima dos carnavais anteriores. A grande vantagem é a diversidade de estilos causada pela quase absoluta ausência das "firmas". Há espaço para abordagens poéticas diferentes; vocabulário não repetitivo e melodias - senão inovadoras - que fogem dos clichês daqueles que produzem em série.

A maioria dos sambas é leve e simples, o que se encaixa no perfil de um grupo mais "barato" e popular. Há a sensação de que este desfile tem tudo para ser mais "brincado" pelos componentes.

São Clemente

O refrão forte é ponto alto do belo samba clementiano. Além dele, vale destacar a letra (muito inteligente) e a melodia das partes internas, que é sensível e agradável. Os autores encontraram o tom romântico que o enredo pedia.

A entrada do refrão central parece um pouco "trepada", quebrando a fluência melódica. O excesso de aspas me incomoda um pouco. Faz parte de um estilo que já excessivamente explorado.

Estácio de Sá

Embora o coral não tenha ajudado muito nesta gravação, percebe-se a qualidade musical da obra. A melodia é muito bem construída e cresceu com os pequenos ajustes que foram feitos após a final. Embora não seja um samba essencialmente alegre, pode servir muito bem a um desfile técnico. A letra não chega a ser brilhante, mas descreve o enredo sem tropeços.

Inocentes de Belford Roxo

Parece um outro samba após a diminuição no andamento. A melodia foi muito valorizada dando uma cara mais emotiva à obra. Perde, entretanto, um pouco de força no refrão. A letra não chega a ser brilhante, mas traduz a sinopse.

Paraíso do Tuiuti

Cresceu demais na gravação oficial, na voz firme do intérprete oficial Ciganerey. Tem melodia leve, animada e fluente, com momentos de inspiração. Passa o enredo com nostalgia e algumas boas sacadas de letra. Aquela introdução é totalmente desnecessária, mas vale a pena curtir o que vem depois. 

Império da Tijuca

Não sou do time dos que acham um samba maravilhoso só porque é reeditado, mas este do Império da Tijuca é excelente. Transmite o tema, através de uma melodia alegre, valente e sinuosa, com objetividade e talento fazendo o ouvinte ver o enredo. Facilita, inclusive, o trabalho do carnavalesco. Show de Pixulé!

União da Ilha

Talvez a melhor gravação. Andamento, bateria, intérprete e coral perfeitos. Tem clima de Ilha. As mudanças na letra deram sentido a trechos que estavam truncados. Se não é uma obra prima, o samba tem melodia valente e fluente e letra leve e de fácil compreensão. Pode embalar a escola na avenida. 

Acadêmicos da Rocinha     

A idéia é fazer um baile de carnaval e o samba tem tudo pra isso: é alegre, brincalhão, leve mesmo. A melodia tem variações harmoniosas e agradáveis e a letra retrata corretamente a sinopse, trazendo um pouco do clima das antigas marchinhas, que inspiraram o enredo. Pode proporcionar um bom desfile. Outra escola que optou por um andamento mais lento que não tira a animação e valoriza a música. 

Renascer de Jacarepaguá

É um belo samba. Poético e melodioso. Um dos melhores do grupo. Foi gravado com andamento cadenciado que vai precisar de uma comunidade aguerrida e bem ensaiada para funcionar no desfile.

Santa Cruz

A mexida na segunda parte "quebrou" um dos momentos mais bonitos do samba, embora sua motivação seja compreensível. A obra perdeu força na gravação oficial. Talvez o coral da escola não tenha conseguido acertar o ponto certo da melodia. No geral é um bom samba, que pode crescer na avenida.

Caprichosos de Pilares

O mais legal do samba de Pilares para 2009 é a retomada do jeito moleque de escrever, resgatado dos anos oitenta quando a Caprichosos fez muito sucesso exatamente por se aproximar do povão. Quem não lembra de refrãos como "Tem bumbum de fora pra chuchu" e "Ajoelhou tem que rezar"? É um linguajar popular, direto, objetivo e bem humorado que já estava presente na sinopse. A melodia segue este caminho, leve, simples e com cara de Caprichosos.

Trechos em destaque:

São Clemente: o verso "viu a liberdade de uma raça ser prisão", traduzindo as dificuldades que o povo negro teve após a abolição. 

Estácio: Toda a melodia da segunda parte, uma aula de composição. 

Inocentes: "Canta cidade do amor, do coração inocente", diz tudo.

Tuiuti: "Um paraíso no Tuiuti...Eterno destino de glória...Desenhando nova trajetória". Belo paralelo entre o prédio do Cassino da Urca e a escola de samba.

Império: a simplicidade da letra na descrição do enredo, como um todo, é o ponto alto. Mas vale ressaltar a beleza inocente do verso "poeta no sentido figurado".  

União da Ilha: "Sou essa máquina engrenada na folia... Vou levando alegria pro mundo inteiro". A cara da Ilha.

Rocinha: "uh lá lá très bien... Rocinha, melindrosa carioquinha", reproduz o espírito das marchinhas com alegria e leveza.  

Renascer: "Sou peregrino, que não se cansa. Ao meu destino vou chegar" - uma bela junção do enredo com o momento da escola. 

Santa Cruz: "E que a voz da razão ao ressoar fale de amor, de dar valor e preservar". Precisa dizer mais?

Caprichosos: "Se está engarrafado, olha eu aí. Tem festa, tem pagode e tititi". É Pilares com cara de Pilares: gíria, alegria, descontração.Lembra os bons tempos da escola.


Comentários
  • Avatar
    08/12/2008 13:27:50julinho di ojuaraMembro SRZD desde 13/04/2009

    Amigo Eugênio, o uso da palavra LIxo foi empregada,pois não conhecia outro adjetivo mais ameno para este CD da Lesga (acho incluisve que tanto o Ivo quanto a própria Lesga devem estar repensando o projeto), quanto a palavra "suspeita" em minhas colocações vem de encontro ao que você mesmo publicou nos últimos anos quanto a qualidade do trabalho da Gravasamba, tendo inclusive reportando o toque de um aparelho celular durante as gravações que foi ignorado pelos produtores e chegou as lojas. Se você notar seus cometários acima são pautados na gravação do atual CD do grupo de Acesso, e reforço o que disse, por este CD, nem Vila Lobos poderia opinar sobre a qualidade ou não dos sambas, pois o material é pésssimo. Afirmo isso baseado numa obra que conheço (assim como você) e muito bem, que é o samba de nossa São Clemente que ficou desfigurado no CD e nós sabemos que é um belo samba. Minha suspeição se baseia em achar que o meu nobre amigo tem alguma coisa contra a Gravasamba ou seja lá contra quem for. Pode ter certeza que o meu respeito por você é muito maior que essa discussão. Porém volto a afirmar que embora respeite a sua opinião, tenho o direito que me posicionar contrário a ela, tendo em vista que são abertos os comentários (graças a Deus) aos participantes deste site. Espero que o amigo me compreenda e que possamos nos encontrar em breve para discutirmos um pouco mais o assunto.

  • Avatar
    08/12/2008 02:20:22Marcos RozaAnônimo

    Parabéns Eugênio. Admiro muito seu trabalho, escreve sempre com muita coerência e com absoluta propriedade dos assuntos abordados. Carnavais, Sambas, sinopses...

  • Avatar
    06/12/2008 16:07:01Eugênio LealMembro SRZD desde 08/04/2009

    Julinho, meu amigo. Eu não me destemperei. Não fui eu que usei palavras como lixo para qualificar o trabalho alheio. Apenas fiquei chateado por uma pessoa que eu conheço e respeito (e achava que me respeitava também) dizer que minha opinião é suspeita. Estou aqui exposto a críticas, não a insinuações. Quando elas vêm de um anônimo nada posso fazer, mas quando vêm de um conhecido soam diferente. Queria entender que tipo de suspeita você tem quanto à mim.

  • Avatar
    05/12/2008 18:57:05AdrianaMembro SRZD desde 16/10/2009

    Caro Eugênio, Entendo sua posição, lhe péço desculpas por ter, talvez insitado alguns ao repúdio contra a política interna da Santa Cruz, atraveis de seus comentários. Mas sei que vc não esteve na quadra, nas apresentações, se estivesse não incluiria este samba como um dos favoritos, lá vc ficaria espantado com aprentações muito ruins e atravessadas. Falta profissionalismo, o próprio Presidente diz que Samba não ganha carnaval e sim um bom relacionamento com os jurados. Ao Contrário do que pensa o Julinho di Ojuara, a Santa Cruz tem um Presidente que não escolhe samba visando a boa qualidade e sim suas vantagêns, a exêmplo ouçam o samba do ano passado e me digam, ouçam também os 04 que o próprio Eugênio qualifica. Pior ainda é quanto a mudança! vc sabia que somente foi feita pq os seus comentaristas indicaram que a frase "quero correr nos quintais da Amazõnia" era uma apologia ao desmatamento enquanto que o Enredo fala somente sobre Preservação, isto depois que o samba foi escolhido por falsos jurados onde pelo menos dois deles se diz Professores de Português, sendo um deste criador "copiador"do Enredo. Lamento Eugênio sei que sua posição é dificil, mas como vc mesmo disse, A Santa Cruz faz belos desfiles,mas a duras penas, não há democracia, a escola não é do Povo, tudo que aparece nos desfiles é falso,a escola já não tem mais comunidade, pois ele a chama de podre, não tem mais raiz, pois ele se quer os deixam entrar nos ensaios sem pagar, despresando-os. Vc não tem nada haver com isso, gostaria que nos entendessemos pois somente atravéis de vcs que possamos externar nossas insatisfações!!

  • Avatar
    05/12/2008 18:44:47Monica AraujoMembro SRZD desde 07/04/2009

    Claudio, fico feliz quando o nível do debate se mantêm de forma educada , comentários em caixa alta por motivo óbvios , ignoro. Não sou contra a idéia , sou contra o resultado que não ficou bom na minha opinião e o não reconhecimento deste fato , e ainda por cima não considero culpa do Ivo , talvez da correria na concepção do CD para o lançamento e com isso pecou-se em cuidados básicos na gravação. Ouvi sim os sambas da década de 70/80 , com ouvidos mais inocentes e apaixonados pelo samba . Ã?ramos felizes feliz e não sabíamos , pois nos aborrecíamos menos. Forte abraço.

  • Avatar
    05/12/2008 18:37:47Monica AraujoMembro SRZD desde 07/04/2009

    Claudio, fico feliz quando o nível do debate se mantêm de forma educada , comentários em caixa alta por motivo óbvios , ignoro. Não sou contra a idéia , sou contra o resultado que não ficou bom na minha opinião e o não reconhecimento deste fato , e ainda por cima não considero culpa do Ivo , talvez da correria na concepção do CD para o lançamento e com isso pecou-se em cuidados básicos na gravação. Ouvi sim os sambas da década de 70/80 , com ouvidos mais inocentes e apaixonados pelo samba . Era feliz e não sabíamos , pois nos aborrecíamos menos. Forte abraço.

  • Avatar
    05/12/2008 17:31:52Eliezer ItaboraíMembro SRZD desde 22/07/2009

    Parabens à todos que contribuiram para esse maravilhoso Cd do grupo de acesso...

  • Avatar
    05/12/2008 15:04:21CLAUDIOAnônimo

    Mônica, não sei se voce já participou de gravações de CDs do grupo especial, ou não, o que foi feito pelo IVO, foi uma tentativa, que por sinal foi muito bem sucedida, de retomada das gravações dos antigos sambas. Sabe, no grupo especial, voce tem que fazer o que é pedido por eles, e não o que voce quer fazer, diferentemente do trabalho executado por IVO MEIRELES. Cada bateria foi até a Lapa, e troxe consigo, sua cadência, sua batida tradicional, sua paradinha, isso são coisas ou situações que voce jamais faria no CD do especial. Não sei sua idade Mônica, se voce já ouviu um disco de samba-enredo da antiga, ou não, mas posso te garantir que esse CD do acesso está igualzinho as gravações passadas, tipo decada de 70 e 80. Voce e outros dizerem que o samba da São Clemente foi prejudicado na gravação, só podem estar de brincadeira, tudo que esta sendo dito até aqui, onde coloco minha posição, é pura ladainha, porque será lá na avenida, que veremos quem tem pano pra manga. Só tenho que parabenizar toda a equipe do CD DO GRUPO DE ACESSO PELO BELÍSSIMO TRABALHO, fiquem com DEUS

  • Avatar
    05/12/2008 12:35:50julinho di ojuaraMembro SRZD desde 31/07/2014

    Prezado Carlos ???(até o final do texto vou adivinhar seu sobrenome), dizer que nada conheço de samba é uma tolice sem tamanho escrita por alguém que com certeza nada conhece de carnaval. Quanto a não ter ganho nenhum dos 16 sambas disputados na São Clemente (onde assino Julinho Di Ojuara), embora tenha particpado de 8 finais, talvez tenha como motivo disputar com grandes nomes como: Helinho 107, Ricardo Góes, Ronaldo Soares, Manoelzinho Poeta, Jorge Melodia, Izaias de Paula, Jorge Moreira, Eugenio Leal, Claudio Filé, Alemão do Taxi, Toninho Gerais entre outros e vc onde concorreu ou o que escreveu ?. Em minha trajetória como compositor posso citar parcerias com: Kleber Rodrigues, Cesar Som Livre, Claudio Filé, Waltinho Honorato, Jorge Melodia, Toninho Gentil entre outros e vc ???. Como diretor musical durante 9 anos ajudei a escolher e levei para a avenida sambas que até hoje são cantados nas quadras das escolas e vc ???. Sou Clementiano e todos sabem disso, embora muitas vezes sem papas na língua, desça o cacete em minha prórpria escola é somente nela onde tenho orgulho de concorrer e digo mais, quem me conhece sabe que jamais procuro parceiros, sempre sou convidado. Quanto a vc só posso afirmar que de nada conhece, até porquê sequer expressa sua opinião, prefere ofender a quem verdadeiramente não conhece, desta forma só posso deduzir que seu sobrenome (ou Nick) só pode ser: CARLOS BOBALHÃ?O DO SAMBA !

  • Avatar
    05/12/2008 12:24:24julinho di ojuaraMembro SRZD desde 31/07/2014

    Eugênio, quando citei a palvra suspeito, o fiz em função de vc explanar sua opinião como formador (ao menos é esse o seu papel) neste site de que algumas obras cresceram com a gravação do CD. Quando sei que vc sempre disse que o Cd do Especial é ruim, frio e coisa e tal. Ora se o do Especial é isso tudo o que vc diz, e este (LIXO) produzido pelo Ivo acrescenta algo a algum samba, só posso acreditar que sua opinião fica sendo tendenciosa sim. Como exemplo posso citar ( e citei) que alguns sambas que conheço bem como o da São Clemente (minha escola) foi escrachado, perdendo todo o brilho quer tinha. Quanto a sua liberdade de expressão é fato que quem se expõe sofre contestações, assim não entendi o seu destempero. O conheço o bastante para saber que sua idoneidade está acima de tudo. Quanto ao Sr. Carlos (sem sobrenome) vai minha resposta a seguir.

  • Avatar
    05/12/2008 12:08:43Marcos RozaAnônimo

    Parabéns Eugênio. Admiro muito seu trabalho, escreve sempre com muita coerência e com absoluta propriedade dos assuntos abordados. Carnaval, Samba, sinopse... Eugênio sabe!

  • Avatar
    05/12/2008 11:19:44Eugênio LealMembro SRZD desde 08/04/2009

    Julinho, a opinião desta coluna é sobre os sambas e não sobre a produção do CD. Este tema está numa coluna anterior e, sobre ela, minha opinião não mudou uma vírgula, embora o amigo não concorde. Só não gostei de você dizer que minha opinião é, no mínimo, suspeita. Suspeita de quê? No dia em que eu não tiver liberdade para expor as minhas opiniões não escrevo mais. Enquanto isso tenho o direito de ter a minha, só minha, opinião. Por mais que falem mal dos dirigentes de samba eu nunca fui chantageado, ameaçado nem ao menos questionado sobre o que escrevo por nenhum dirigente. Muito menos me deixaria corromper - é da minha índole. Já ouvi opiniões diferentes por parte deles, mas sempre com respeito, o que falta a algumas pessoas que frequentam este espaço, lamentavelmente.

  • Avatar
    05/12/2008 10:37:31Eliezer ItaboraíMembro SRZD desde 22/07/2009

    Não sei porque essa discussão,todos os sambas estão ótimos,sem excessão,está no estilo diferente tipo ao vivo,acho que deveria só existir elogios à esseCD...

  • Avatar
    05/12/2008 10:36:23Eliezer ItaboraíMembro SRZD desde 22/07/2009

    Não sei porque essa discussão,todos os sambas estão ótimos,sem excessão,está no estilo diferente tipo ao vivo,acho que deveria só existir elogios à esseCD...

  • Avatar
    05/12/2008 08:23:59Monica AraujoMembro SRZD desde 07/04/2009

    Eugênio, Diferentemente do Julinho que o conhece há muito tempo e tem muito apreço a sua pessoa, eu apenas o conheço através das opiniões que o senhor expressa neste site, portanto com muita propriedade e baseada nas mesmas é que afirmo que em minha opinião o senhor é, ou foi neste momento tendencioso sim, quando diz que o Ivo Meirelles fez um bom trabalho neste CD e principalmente quando se compara a gravação do CD do grupo especial. Concordo e endosso na íntegra o comentário do Renatinho seja ele quem for e acho que esta mesma gravação serviu para avacalhar ar a apresentação de bons sambas como o da São Clemente que foi muito prejudicado no disco assim como a Ilha do Governador, dizer que o samba cresceu por conta do CD ???? Foi isso que você disse ??? Isto sim para mim é opinião tendenciosa, já que é inaudível esta gravação de péssima qualidade, independente do Ivo , não apontar o erros do CD é no mínimo ser omisso e volto a repetir tendencioso, ele pode normalmente observar os erros e ano que vem ter o cuidado que se deve ter em estúdio para apresentar boa obra, o carnaval vive de detalhes e frações no carnaval senhor Eugênio, portanto se você acha correto enfiar goela abaixo que este CD é bom, e promovê-lo , tem que agüentar duras críticas em defesa da nossa escola, do nosso samba e seja lá o que for sem apelar para o ? me admiro isto vindo de você ? , pois soa como : ? Os amigos , não podem divergir da sua opinião ?.

Comentar