SRZD


06/02/2015 18h27

Contagem Regressiva: Renascer de Jacarepaguá quer emocionar Sapucaí com Candeia
Redação*

A Renascer de Jacarepaguá também recebeu a equipe do SRZD-Carnaval esta semana. Fomos conferir o que a escola da Zona Oeste está preparando para o seu desfile oficial, sábado, dia 14 de fevereiro. Apoiada no tema "Candeia, um manifesto ao povo em forma de arte", as atividades estão sendo desenvolvidas pelo carnavalesco Jorge Caribé, que resumiu a proposta de seu enredo e explicou o que pretende mostrar:

Jorge Caribé, carnavalesco da Renascer de Jacarepaguá. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

"Vamos falar da vida desse mestre, sambista, cantor, compositor, que deixou obras lindas para nós. Vamos retratar a religiosidade dele logo no início do desfile. Falaremos, também, do amor pela Portela, de sua vida como sambista e da carta que ele deixou, uma espécie de manifesto em que ele reclama dos caminhos que as escolas de samba naquela época já estavam tomando. Nesse manifesto, ele comentou tudo que acontece hoje", resumiu o artista.

Detalhe do abre-alas da Renascer. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

Jorge Caribé, que ano passado fez o desfile da União de Jacarepaguá, atualmente na Série B, afirmou que as atividades daquela escola já estão prontas. Na Renascer, ele foi contratado para desenvolver a homenagem a Candeia por sua afinidade com temas relacionados à africanidade. "Já havia a ideia de desenvolver esse tema por parte da escola. Cláudio Russo foi quem trouxe o enredo e eu estou desenvolvendo", completou.

Escola prestará homenagem a Candeia e sua religiosidade no primeiro carro. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

Ao visitar o barracão da Renascer, o SRZD-Carnaval acompanhou as dificuldades de Caribé em finalizar os serviços nas alegorias. Um dos motivos é a crise financeira que a escola está enfrentando, não sendo nenhuma novidade para algumas agremiações da Série A. O carnavalesco, porém, falou como dribla esses problemas:

"Estamos tentando tirar material de vários lugares para terminar nosso Carnaval. Não temos dinheiro para fazer um desfile luxuoso. Estou usando muita criatividade. Mas estamos com simplicidade e muito amor. Apenas seis pessoas trabalham no barracão. São seis pessoas que estão dando o sangue para colocar esse espetáculo na Avenida. Vamos passar com dignidade e com muito samba na garganta", relatou em conversa com o SRZD-Carnaval.

Negritude será exaltada no desfile da Renascer. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

Segundo o artista, quase todos os carros estão em fase de acabamento, mas ele revelou que ainda há uma alegoria no ferro. "Nossa única pendência é um outro pedaço do abre-alas, que ainda está no ferro, mas que, por ajuda de vários amigos, conseguiremos finalizar. Essa fase é a pior, pois a gente usa tudo que tem e tudo que ganha e os amigos acabam tenando ver a forma que eles podem colaborar também. Queremos finalizar os carros ainda neste fim de semana".

Detalhe de um dos carros da Renascer. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

O SRZD-Carnaval conversou com Jorge Caribé por cerca de meia-hora. No meio da entrevista, o carnavalesco fez agradecimentos. "Várias escolas do Grupo Especial abriram as portas e me ajudaram: a Vila Isabel, a Imperatriz, além da Portela que eu comentei. O Salgueiro, a Grande Rio, também. A Império Serrano fechou comigo uma parceria. Severo Luzardo e eu trocamos materiais. O que não serve para ele serve para mim e vice-versa. Assim a gente reconhece os amigos que temos ao nosso redor. Não posso nunca deixar de agradecer ao Falcon (vice-presidente da Portela). Este homem foi incansável com a gente. Nos ajudou de toda forma que pôde", disse emocionado.

Caribé precisou driblar falta de dinheiro usando criatividade. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

Jorge Caribé faz apelo a Eduardo Paes por melhoras nos barracões da Série A

Em seguida, também lamentou sobre a estrutura precária de alguns barracões da Série A. "A estrutura do Carnaval da Série A tem que melhorar muito. O prefeito Eduardo Paes está fazendo uma obra linda no Rio de Janeiro. Não é possível que no meio disso tudo não tenha um terreninho. Não precisa ser coisa grande não. Apenas um terreno para fazer uns galpões. Aí dividia por partes, para acomodar nossas escolas da Série A. A gente passa na televisão. Temos muita visibilidade e às vezes, as pessoas não entendem quando vêem alguma escola mal acabada. O problema não é o artista, mas as dificuldades enfrentadas pelas escolas ao longo dos
preparativos. Sugiro um galpão único, dividido por boxes, pelo menos, emergencialmente", sugeriu.

Perguntado sobre os problemas enfrentados naquele local, Caribé listou: "Sofremos muito com chuva, insetos, roedores, falta de estrutura. Por favor, prefeito! Não é Caribé que está pedindo. São todas as escolas de samba. Somos povo, somos arte. Muita gente que trabalha nesses barracões têm família e vive do Carnaval. Trabalham para sustentar suas famílias. Em nosso grupo tem escolas tão importantes quanto as do Grupo Especial. Está na hora de olhar com carinho por nós. Essa é a mensagem do Jorge Caribé. Não é um choro. É apenas um apelo carinhoso. Tenho certeza que ele atenderá a gente", apostou em bate-papo com o SRZD-Carnaval.

Alegorias mostram materiais rústicos. Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

A Renascer levará para a Avenida 2.200 compomentes e quatro carros alegóricos. Mesmo com todos os problemas, Jorge Caribé acredita que a Renascer de Jacarepaguá fará um desfile bastante emocionante. Ele fez questão de explicar ao leitor do Portal do Sidney Rezende o que pretende mostrar em suas alegorias. Confira:

1ª alegoria/abre-alas acoplado: "Representará um terreiro de candomblé. Vamos abrir fazendo uma grande homenagem à africanidade. É a religiosidade de Candeia. Ele é filho de santo. Foi numa dessas casas de candomblé que ele teve contato com a nata da Portela. E a partir daí, se apaixonou pela escola e se envolveu com a azul e branca".

2ª alegoria: "Vamos falar da Portela, uma eterna paixão em azul e branca. Aqui desfilará a velha-guarda da Portela, além de várias pessoas famosas ligadas à escola. Um momento emocionante será uma senhora que virá com a fantasia original de Tia Dodô. Traremos, também, uma águia de oito metros de altura, presente dado pela própria Portela".

3ª alegoria: "Vai ser uma homenagem ao Mestre Candeia. Será um carro todo de flores. Virão bateria, compositores, músicos, inclusive parceiros dele de samba estarão nesse carro prestando homenagem. O neto de Candeia também desfilará nesse carro".

4ª alegoria: "Aqui virá a escola de samba Quilombo. Vamos trazer a filha carnal do Candeia, a Selma Candeia. Vamos trazer a história dessa escola, toda cultura, toda parte folclórica. Vai ser um carro bem rústico. Para quem não sabe, teve uma época de sua vida que Candeia fundou a Escola de Samba de Arte Negra Quilombo. Ela não desfilava para concorrer. Desfilava simplesmente para ir contra tudo que estava acontecendo na época. A escola lavantava a bandeira das pessoas que estavam insatisfeitas com suas agremiações. Era tudo aquilo que o povo queria ver, uma escola a moda antiga".

A comissão de frente, segundo Caribé, virá luxuosa. "Vamos fazer um lindo tributo aos orixás. Aguardem", disse o artista. O responsável pela coreografia é Rafael Felix.

Foto: SRZD-Rodrigo Trindade

*Por Rodrigo Trindade, colaborador do SRZD.

Da série Contagem Regressiva:

Grupo Especial:

-Atual campeã: Tijuca quer conquistar o público de novo

-Gigantismo, efeitos de Parintins e emoção são promessas da Viradouro

-Ilha quer surpreender o público com luxo e alegorias imponentes

-São Clemente prepara 'enredo da vida' de Rosa Magalhães

-Abre-alas gigante da Mangueira ofertará flores às mulheres

-'A Vila Isabel é muito aguardada', diz diretor de Carnaval

-Portela promete 'fechar barracão' até 31 de janeiro

-Imperatriz segue com barracão a todo vapor, mas encontra dificuldade com fornecedores

-'Não estamos atrasados nem adiantados', diz Laíla da Beija-Flor

Série A:

-Recém-chegada à Série A, Unidos de Bangu quer ficar

-Unidos de Padre Miguel quer repetir sucesso das alegorias de 2014

-Índio canibal comerá componente no desfile da Paraíso do Tuiuti

-Em Cima da Hora dribla falta de dinheiro com simplicidade, bom gosto e capricho no acabamento

-Mesmo com problemas financeiros, Curicica aposta em um grande desfile

-'O público pode esperar uma Estácio de Sá forte', diz Tarcisio Zanon

-Na Inocentes, mesmo sem patrocínio, atividades estão adiantadas

-Mesmo sem patrocínio, Santa Cruz segue com barracão adiantado

-Caprichosos de Pilares corre contra o tempo para finalizar abre-alas

-Alegria da Zona Sul dribla falta de dinheiro com material alternativo

-'Cubango quer voltar a disputar título', disse Jaime Cezário

-Uma Império Serrano de fé e emoção

Veja mais:

-Saiba tudo sobre os ensaios na Marquês de Sapucaí

-Leia as últimas notícias do Carnaval 2015

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?

 



Comentários
  • Avatar
    07/02/2015 00:23:59Luís EduardoMembro SRZD desde 29/10/2009

    Eu acredito na minha RENASCER DE JACAREPAGUÁ ! Mesmo com todas as dificuldades, vamos fazer um desfile memorável, a altura do homenageado CANDEIA ! AXÃ? renascer

Comentar