SRZD


08/04/2015 21h42

Câmara dos Deputados aprova texto principal da lei sobre terceirização do trabalho
Redação SRZD

O projeto de lei (PL) que normatiza a terceirização do trabalho foi aprovado na noite desta quarta-feira, 8, na Câmara dos Deputados. Foram 324 votos a favor, apenas 137 contra e duas abstenções. O conteúdo ainda pode ser alterado antes de ser encaminhado ao Senado para votação.

Câmara dos Deputados. Foto: Divulgação

A proposta prevê a regulamentação do trabalho terceirizado em todos os setores de uma empresa. Atualmente, a função terceirizada é exercida apenas nos cargos voltados para as atividades-meio e não para atividades-fim da companhia.

O PL é válido para empresas privadas, públicas, produtores rurais e profissionais autônomos. O texto gera polêmica entre os representantes sindicais e patronais. Os que são a favor dizem que a lei vai desonerar os empregadores que pagam altos juros para manter trabalhadores formais. As lideranças contrárias à norma argumentam que a implementação do projeto pode causar o sucateamento do mercado de trabalho.

Curta a página do SRZD no Facebook:

 


Veja mais sobre:Câmara dos Deputados

Comentários
  • Avatar
    11/04/2015 12:41:07J. FerreiraAnônimo

    O governo do PT fala em "Garantias Trabalhistas" e contraditoriamente, usa o termo "Desoneração da Folha de Pagamento" que traduzindo, é tirar ganhos dos trabalhadores. Parem de ficar em cima do muro, vocês não vão conseguir consertar o que fizeram! Deixem outros tentarem!

  • Avatar
    08/04/2015 22:08:45PCAnônimo

    As conquistas dos trabalhadores foi pro ralo. O justo fosse reduzir a carga tributária da empresa e não o salário do trabalhador.

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.