SRZD



Laíla

Laíla

CARNAVAL. Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, o Laíla, nasceu em 1943, no Morro do Salgueiro, situado na Tijuca, no Rio. Foi lá que o hoje renomado Diretor de Carnaval e Harmonia teve seu primeiro contato com o samba e o Carnaval, e onde criou, nos anos 50, uma Escola de Samba Mirim, chamada Independentes da Ladeira, que foi um grande sucesso na época, funcionando como espécie de trampolim para o convite feito pelo Acadêmicos do Salgueiro. Líder nato e apaixonado por seu trabalho, Laíla acumulou profundos conhecimentos harmônicos e melódicos ao longo dos seus 54 anos de atividade; tendo trabalhado, ainda, como cantor, músico e compositor. A primeira junção de sambas-enredo foi feita por Laíla, em 1975, em "As Minas do Rei Salomão"; e de lá para cá, todas as junções de sambas-enredo feitas por ele, nas diversas escolas por onde passou, foram sucesso. Há 45 anos trabalha como produtor do CD de sambas-enredo das Escolas de Samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro, e há 26 é o Diretor Geral de Carnaval e Harmonia da Beija-Flor de Nilópolis, onde criou, em 1997, a vitoriosa Comissão de Carnaval da Agremiação.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



19/09/2015 08h55

Videoblog: Laíla relembra a história do Carnaval do Rio
Redação SRZD

Neste videoblog, Laíla volta no tempo e relembra a história do Carnaval do Rio: ele fala do Salgueiro, de Fernando Pamplona, Arlindo Rodrigues, Joãosinho Trinta, Maria Augusta, Rosa Magalhães, entre outros artistas que fizeram da folia carioca um espetáculo conhecido mundo afora. Confira o vídeo: 

- Clique e confira outros vídeos gravados com o blogueiro Laíla

- Clique aqui e leia tudo sobre o Carnaval carioca

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?



Comentários
  • Avatar
    22/09/2015 11:56:10Almir da Silva LimaMembro SRZD desde 11/10/2011

    Posto outra vez meu comentário acerca da notícia em questão, excluído pela editoria: ?Será ´coincidência´ o fato de o vídeo-blog deste prestigioso site com mestre Laíla ter sempre esta pífia qualidade técnica sonora? Ou, será discriminação devido à origem proletária, preta/negra/afrodescendente e de baixa escolaridade do vídeo-blogueiro, tudo mal disfarçado pela informalidade da gravação? Informalidade esta agravada pelo fato do vídeo-blogueiro ter literalmente por trás a imagem do nefasto capo presidente de ´honra´ não-sambista verdadeiro da Beija Flor. Haja vista, por exemplo, as gravações dos vídeos-blogs com o maestro dos maestros regentes de baterias-orquestras mestre Odilon também são informais, realizadas ultimamente em um calçadão da orla marítima carioca. Porém, nem por isso, a qualidade técnica sonora é ruim. Ou, será porque diferentemente de mestre Laíla, mestre Odilon embora também seja proletário, é professor e branco? Quanto ao vídeo blog em questão, mestre Laíla faz uma valiosíssima volta no tempo relembrando personalidades & figuras históricas que fizeram e fazem do Carnaval Carioca ser o que é. No entanto, é preciso explicar que mestre Laíla mostra não ter consciência filosófico-política suficiente para compreender que o carnavalesco dos carnavalescos o inesquecível Mestre Fernando Pamplona era, de fato, líder nato. Só que a liderança nata do saudosíssimo Mestre se devia à sua assumida convicção de militante marxista-leninista, além de professor e genial carnavalesco?. Saudações carnavalescas, Almir de Macaé.

  • Avatar
    20/09/2015 13:44:13RogérioMembro SRZD desde 26/05/2009

    Sempre é muito bom escutar essas histórias que o Grande Laíla tem pra nos contar, O site deveria abrir um coluna para escutar o que esse Grio do carnaval tem pra contar, aposto que seria super comentado aqui!

Comentar