SRZD


01/12/2015 20h09

Festa do CD do Grupo Especial: Beija-Flor faz passagem de som para início do evento
* Redação SRZD

Ensaio de som na Cidade do Samba. Foto: SRZD-Adriana Vieira

Está praticamente tudo pronto para o lançamento do CD dos sambas-enredo das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro, na Cidade do Samba. É grande a movimentação de pessoal em torno do local. O SRZD-Carnaval registrou o momento em que os organizadores ensaiavam a passagem do som da escola de samba campeã do Carnaval 2015, a Beija-Flor de Nilópolis.

* Adriana Vieira - Colaboradora do SRZD-Carnaval

Veja mais:

- 'Samba da Mangueira caiu no gosto popular', diz Ciganerey

- Mestre Marcão levará 270 ritmistas para o desfile oficial

- 'Família do Borel nos recebeu de braços abertos', diz Dudu Nobre

- Marquinhos Art'Samba se diz feliz com hino da Imperatriz

- 'O enredo da Beija-Flor é fascinante', diz compositor Marcelo Guimarães

- Festa do CD do Grupo Especial: Beija-Flor faz passagem de som para início do evento

- Escolas do Grupo Especial brilham em noite de festa de lançamento de CD

- Clique aqui e leia tudo sobre o Carnaval carioca

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?

 

 



Comentários
  • Avatar
    08/12/2015 15:16:37Almir Da Silva LimaMembro SRZD desde 21/11/2014

    Para reafirmar e zoar os detratores que me impingem como ´anti-Beija Flor´, o samba é muito bom, quase ótimo. Isto em melodia & ritmo, graças aos compositores. À magistral bateria-orquestra nota 10 ainda sem auto denominação-marketing por incompetência da direção da agremiação. Haja vista, a bateria-orquestra é injustiçada, nunca foi premiada pelo Estandarte de Ouro. No CD da LIESA ouçamos o show de bossas, paradinhas e transição da marcação rítmica modulada pelos instrumentos de percussão surdão, surdo e repique ou repinique. Nota 10 com louvor. O samba é abrilhantado pelo ótimo intérprete Neguinho da Beija Flor, apesar dele rebaixar a obra musical com idolatria a ´papai´. Isto é, ao capo-presidente de ´honra´ da Beija Flor o qual, além de não ser sambista-verdadeiro é torcedor da verde-rosa. Quanto ao subquesito letra & poesia ocorre o seguinte no samba-enredo 2016 da Beija Flor. Premidas pela obsessão de buscar conquistar títulos a qualquer preço com enredos patrocinados e através de desfile militarizado apelidado de técnico supostamente sem erros, frio, monótono e incapaz de emocionar. Obsessão essa imposta pelos capos-presidentes de ´honra´ e executivo não-sambistas verdadeiros da Beija Flor, a partir de 2011 a sinopse da vitoriosa Comissão de Carnaval e os compositores apostam em samba-enredo com a chamada ´licença poética´. Em 2013 a letra do samba-enredo (Amigo fiel, do Cavalo do Amanhecer ao Manga-larga Marchador) foi toda na 1ª pessoa do singular, o cavalo tinha memória de elefante e gritava é campeão. Já em 2016, apesar da sinopse não se referir ao homenageado enquanto tal o título do enredo é:´Mineirinho genial (sic)! Nova Lima, cidade natal. Marquês de Sapucaí, o poeta (sic) imortal (sic)´. Saudações carnavalescas do portelense, Almir de Macaé.

Comentar