SRZD


14/12/2015 17h16

Mocidade faz ensaio de rua nesta segunda-feira
Redação SRZD

A Mocidade Independente de Padre realiza na noite desta segunda-feira, dia 14 de dezembro, a partir das 21h, seu quarto ensaio de rua da temporada 2016. Os treinos ocorrem toda semana na Praça Guilherme da Silveira, em Bangu, e contam com a participação de todos os segmentos da escola.

O objetivo é treinar o ritmo de evolução da escola na Avenida, aprimorar o canto dos componentes e o entrosamento entre o carro de som e a bateria. A verde e branca de Padre Miguel será a quinta agremiação a desfilar no domingo de folia. O enredo abordará as manchas sociais da história do Brasil e apontará a educação como grande arma transformadora do país.

No desfile a escola presta homenagem aos 400 anos de falecimento do escritor Miguel de Cervantes e convoca seu principal personagem, Dom Quixote de La Mancha, para lutar contra os ??moinhos de vento?? do Brasil.

Ao longo do desfile, Quixote conhece a história do país através das grandes obras da nossa literatura e percebe que lanças e escudos estão bem longe de resolver a questão social do Brasil.

Bruno Ribas, cantor da Mocidade. Foto: Eduardo Hollanda

- Clique aqui e leia tudo sobre o Carnaval carioca

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?


Veja mais sobre:MocidadeCarnaval 2016

Comentários
  • Avatar
    16/12/2015 12:21:52Almir Da Silva LimaMembro SRZD desde 21/11/2014

    Reproduzo aqui o que comentei em outro site sobre texto-reportagem do mesmo sobre este ensaio da Mocidade Independente. O texto-reportagem acertou quando publicou existir fanatismo entre adeptos da Mocidade. Um leitor augurou que a agremiação retorne ao desfile das campeãs em 2016. Já outro leitor disse: ´A Mocidade vem forte para lutar pelo título (sic)´. Sem conquistar título desde 1996 e sem voltar no desfile das campeãs desde a 5ª colocação em 2003, estima-se que a Mocidade Independente seja uma das agremiações que disputarão as três honrosas e restantes vagas no desfile das campeãs, ou seja, entre a 4ª e a 6ª colocações. Tudo, porque histórica e estatisticamente falando três agremiações são quem ´brigam´ pelo título. Assim, em 2016 estima-se que essas três sejam a atual campeã e mais vitoriosa da era sambódromo a Deusa da Passarela, apesar de seus dois últimos títulos terem sido conquistados através de desfiles militarizados apelidados de técnicos supostamente sem erros, frios, monótonos e incapazes de emocionar o público presente ao sambódromo e o de casa que assiste pela televisão. Público esse que se sentiu ´enojado´ com isso, sendo que a própria parcela consciente de adeptos de tal agremiação se sentiu ´envergonhada´. As outras duas agremiações que ´estão com a faca entre os dentes e brigarão pelo título´ são a atual bi vice-campeã a Academia do Samba e a mais vitoriosa a Majestade do Samba. As outras agremiações que deverão disputar com a Mocidade Independente a 4ª, 5ª e 6ª colocações, isto é, voltar honrosamente no desfile das campeãs são a Unidos da Tijuca, a Grande Rio, a Imperatriz Leopoldinense e a gloriosa Estação Primeira de Mangueira. Saudações carnavalescas do portelense, Almir de Macaé.

Comentar