SRZD


25/01/2016 00h00

'Somos Milton': Tom Maior evolui em segundo ensaio e sonha com vaga no Especial
Redação SP

A maratona de ensaios técnicos gerais no Sambódromo do Anhembi seguiu na noite deste domingo, dia 24, com a passagem da Tom Maior, com transmissão ao vivo de imagens e áudio do SRZD.

- Veja galeria de fotos do ensaio

- Clique aqui para assistir a largada do ensaio

Assista ao vídeo com algumas imagens do ensaio da Tom Maior:

Após uma década integrando a divisão de elite do Carnaval de São Paulo, 2015 foi um ano de revés para a entidade, que amargou o rebaixamento para o Acesso.

Nesse contexto, a exibição, entre diferentes aspectos, destacou uma comunidade unida em torno do principal objetivo para a disputa que se aproxima: dar a volta por cima e conquistar novamente seu espaço no Grupo Especial.

Ouça o áudio do ensaio:

Antes do início do ensaio, a presidente Luciana Silva discursou para sua comunidade:

"Este é o momento de levantarmos as mãos e dizer com orgulho que somos Tom Maior e estamos preparados para vencer. Chegou a hora de mostrar nossa força", convocou.

Ainda na área de concentração, quem conversou com a equipe SRZD foi o sempre descontraído carnavalesco Claudio Cavalcante, o Cebola. Além de falar sobre a origem de seu apelido, o artista deu detalhes sobre a participação do homenageado do enredo no desfile oficial.

Clique no player abaixo para ouvir a entrevista

Dada largada ao teste, destaque no primeiro setor para a comissão de frente, liderada por Alex Moreno. A trupe apresentou coreografia bastante musical e cheia de elementos de dança em sua evolução, sem apoio de nenhum elemento alegórico. 

Ainda neste segmento o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Jairo e Simone. Absolutamente entrosados, fizeram segura condução do pavilhão vermelho e amarelo. Fechando a formação da cabeceira da escola, a bateria de mestre Carlão e uma grande ala de passistas.

A interpretação do hino 2016, feita por Renê Sobral, voz oficial da escola, acompanhado pela batucada e sua exuberante rainha, Pâmela Gomes, foi correta ao longo de toda a passagem, consolidando-se como uma das grandes da cidade.

O samba assinado pelos compositores Maradona, Turko, Paulinho Miranda, Ricardo Neto, Celsinho Mody e Léo Reis foi cantado com mais intensidade pelos componentes em relação ao treino anterior.

Obra que foi conduzida mais cadenciadamente, proporcionando uma evolução segura e solta ao longo da Avenida, formando um mar vermelho e amarelo integrado por componentes alegres e descontraídos, sem perder a responsabilidade de quem busca uma vaga na elite do samba paulistano.

A melhora na performance na comparação com o primeiro ensaio foi notável. O grande contingente contou com a motivação da presidente Luciana, que foi incansável ao estimular sua comunidade durante todo o percurso. Percurso completado com muita tranquilidade, revelando alas compactas e andamento constante, com pequenas variações, que não comprometeram o conjunto. 

Drone SRZD-Carnaval/SP

O ano de 2016 traz mais uma grande surpresa para aqueles que acompanham o SRZD.

Investindo em tecnologia para levar todos os detalhes dos ensaios técnicos gerais, com ênfase nos protagonistas da festa, o leitor confere os treinos de cada agremiação vistos do alto, com imagens captadas pelo Drone SRZD.

- Assista ao ensaio visto do alto (breve)

Carnaval 2016

A Tom Maior será a segunda agremiação a se apresentar no domingo, dia 7 de fevereiro, com o enredo "Travessias de Milton Nascimento. Todo artista tem de ir aonde o povo está".

Já curtiu a página do SRZD-Carnaval no Facebook?



Comentários
  • Avatar
    26/01/2016 08:58:15João MarquesAnônimo

    De quem foi a idéia de colocar a ala das baianas quase que no fim da escola? Em casos de a escola ter que correr, numa eventual quebra de carro, seria bem complicado fazer senhoras com aquele peso de fantasia andar rápido, não? Neste vídeo não dá pra notar, mas vi num outro que as alas parecem soldadinhos... não há uma miníma descontração dos componentes. Outro ponto importante é o espaçamento dos casais entre as alas... muito grande, não? Não seria melhor deixar a escola bem compacta???

  • Avatar
    25/01/2016 00:30:27HenriqueAnônimo

    Não vi o primeiro ensaio, mas nesse à comunidade estava bem animada, cantando, evolução tranquila e o samba com o refrão bom que colocou a escola para sambar

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.