SRZD



Hélio Rodrigues

Hélio Rodrigues

LUTAS. Jornalista, foi repórter de MMA do portal SRZD. Já cobriu diversos UFCs, além de importantes eventos do cenário nacional, como o Shooto e o Bitetti Combat.

* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



18/05/2016 10h17

Derrota de Werdum foi um soco no estômago
Hélio Rodrigues

Confesso que, baixada a poeira, me entristeci com a derrota de Fabricio Werdum contra Stipe Miocic. Não que o croata-americano não fosse capaz de fazer o que fez, mas pela esperança que sempre depositei no brasileiro, mais completo que o rival.

A derrota, com menos de três minutos, foi mais que um nocaute em Werdum; foi um soco no estômago de aproximadamente 45 mil espectadores que acompanharam na Arena da Baixada, em Curitiba, e outros milhões, pelo mundo inteiro, via TV e internet.

O resultado final se derivou de displicência. Werdum é sabidamente um atleta de jiu jítsu, especialidade dele. Mas ousou trocar contra um exímio boxeador, Miocic. Um tiro no escuro!

Além disso, Werdum talvez contava com uma vitória relativamente tranquila por fatores que vão da confiança por lutar em casa, participar de um evento histórico e as últimas atuações - nove vitórias em 10 lutas. Só não esperava que um contragolpe fosse limitar, momentaneamente, os próprios objetivos.

Agora, o brasileiro terá que correr atrás do prejuízo - além da derrota, Vai Cavalo despencou 11 posições no ranking peso por peso do UFC. 

Pela maneira que foi e pelo tradicional rodízio de desafiantes nos pesados, Werdum não deverá voltar imediatamente a disputar cinturão.

 


Veja mais sobre:Fabricio Werdum

Comentários
Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.