SRZD


21/10/2016 11h19

Patrícia Nery: A despedida da rainha
Redação SRZD

Durante os últimos quatro anos o posto de rainha de bateria da Portela foi ocupado por Patrícia Nery. Neste Carnaval, Patrícia representou uma guerreira africana no enredo "No voo da águia, uma viagem sem fim...". Simpática, uma das suas marcas é a interação com o público na arquibancada do Setor 1, como costuma fazer em todos os desfiles.

Fotos: Diego Mendes e Divulgação

Foto: Diego Mendes

Patrícia pratica MMA, pilates, e segue uma dieta rígida para manter a forma e fazer bonito à frente da bateria. Com a substituição, Nery ainda vai decidir o que fazer.

 "Ser rainha da Portela é uma realização pessoal e a concretização do amor que sinto pela minha escola", revelou ao SRZD Carnaval, no início do ano. Na época ela explicou como encara seu papel na sociedade: "Não tenho vontade nem planos de posar para revistas masculinas, quero apenas ser uma grande rainha e uma grande sambista", completou.

A morena é nascida e criada em Madureira e já havia desfilado como musa durante seis anos.

Patrícia disse que seu momento mais marcante na Avenida foi no Carnaval 2013, quando fazia uma apresentação para o Setor 1, ao lado do mestre Nilo Sérgio. Os ritmistas estavam vestidos de Zé Pelintra e ela, de Maria Padilha, no enredo sobre o bairro de Madureira.


Comentários
Comentar