SRZD


27/10/2016 08h10

Patrícia Chélida não é mais madrinha de bateria do Império Serrano
Redação SRZD

Tempo de mudanças. Desta vez, no Império Serrano.Patrícia Chélida não é mais madrinha de bateria da Escola. Patricia Chélida é professora, produtora, dançarina, comerciante, tem 34 anos, e fez do samba e do Carnaval sua essência.

Foto: Divulgação

A beldade entrou para o mundo do samba aos 6 anos, quando era levada por seu pai a quadras. Ela era frequentadora assídua da Imperatriz Leopoldinense. Sobrinha de Carlos Alberto Dória, que foi presidente da Mangueira de 1986 a 1988, Patricia também foi Princesa do Carnaval em 2001 e Rainha do Carnaval em 2002. Na época, seus admiradores diziam que seu reinado "foi marcado pela humildade, beleza, simpatia, desenvoltura, profissionalismo e samba no pé".

A carta que o SRZD Carnaval transcreve abaixo, assinada pela própria Patrícia, explica as razões que a fizeram deixar o posto que tinha no Império Serrano.

 Foto: Divulgação

Leia a carta de Patrícia Chélida:

É com grande tristeza que venho comunicar o meu desligamento do Glorioso Império por motivos alheios à minha vontade, fui retirada do posto de madrinha de bateria e da escola. Gostaria de frisar que durante o período que fiz parte da família imperiana, tive muitas alegrias e fiz grandes amigos que levo pra toda vida. Infelizmente não tenho mais condições de permanecer.

Ao longo da minha história de vida dedicada ao carnaval posso dizer que a família Imperiana e todos os segmentos da escola a querida Serrinha o bairro e o povo de Madureira o berço do samba onde nasci e cresci tornaram-se um grande amor em minha vida, minha segunda família onde dividimos alegrias e tristezas e compartilhamos de muitos momentos felizes. Queria poder citar aqui, cada uma das pessoas importantes pra mim nestes dois anos e meio que fiz parte desta querida agremiação, mas a lista é longa e não seria possível, mas quero que todos sem exceção sintam-se abraçados e amados como fizeram comigo. Obrigado!!!!

Então agora quero me dirigir diretamente ao segmento que representei em especial. Não poderia sair sem dizer algo aos meus amigos e amigas, aos meus queridos e amados da ?Sinfônica do Samba?. Obrigado a cada um dos diretores de bateria, meus lindos do agogô, tamborim, chocalho, cuíca, surdo, repique, repenique, prato enfim todo esse grupo maravilhoso. OBRIGADO! OBRIGADO! OBRIGADO! Pelo carinho que me receberam pela amizade que criamos, pela parceria e entrosamento que tivemos pelo amor sincero de cada um de vocês. Eu os amo! Vocês são incríveis. 

Foto: Divulgação

Quero me dirigir também a toda escola velha guarda, cabelos brancos, baianas, harmonias, passistas, casais de mestre sala e porta bandeira, segurança a galera do bar da limpeza, da quadra, barracão, minhas crianças, cada diretor de Ala, todos os imperianos de fé, todos vocês são minha família, minha gratidão por tudo sentirei saudades.

Quero que saibam que desempenhei o meu papel dando o melhor de mim como profissional e como pessoa como ser humano e amiga. Agradeço por me permitirem fazer parte deste incrível pavilhão. Desejo de coração toda sorte a essa gloriosa escola de samba que sejam imensamente felizes e conquiste tudo o que desejam que possam vencer as barreiras, dificuldades e injustiças. 

Saio, mas meu coração está com cada um de vocês.

 



Comentários
  • Avatar
    27/10/2016 11:42:34Oswaldo Fernandes FilhoMembro SRZD desde 09/04/2009

    O Site está levemente atrasado. A esposa do Diogo Nogueira já assumiu o Posto há pelo menos 4 meses.

Comentar