SRZD


17/02/2009 15h49

Clima esquenta na Mangueira
Isaac Ismar

As declarações do deputado estadual Chiquinho da Mangueira sobre os atrasos no andamento do carnaval da verde-e-rosa não foram bem recebidas por Roberto Szaniecki, carnavalesco da agremiação. Nervoso com a expressão "choque de ordem", usada por Chiquinho para explicar a chegada de pessoas para ajudar no barracão, Szaniecki disse que algumas pessoas estão tentando perturbar o ambiente.
 
- Não existe choque de ordem na Mangueira. A escola não precisa disso. Choque de ordem é a ajuda que as irmãs da presidente Chininha estão fazendo, ajudando aqui no barracão há várias semanas. O pessoal do morro, da comunidade, desceram e também estão colaborando. Muitas costureiras do Morro da Mangueira e compositores se voluntariaram, inclusive aderecistas. Ninguém vai ficar massacrando a minha escola. Muita gente, que prefiro não falar nomes, está falando besteira. A Mangueira tem carnavalesco e ordem - desabafou o carnavalesco.
 
Nesta reta final, o artista tem trabalhado até 16 horas por dia no barracão, passando madrugadas por lá.
 
- Essas pessoas que falam do choque de ordem têm que olhar para os seus umbigos e esquecerem a Mangueira. É gente que eu não tenho nem como qualificar. Não vou admitir que alguém fale qualquer coisa da minha escola. Estou virando noites, dormindo no máximo quatro horas por noite. Vamos tentar disputar o carnaval. Temos um ótimo enredo e samba. Chega dessa hipocrisia de choque de ordem - encerrou Szaniecki.


Comentários
  • Avatar
    21/02/2009 18:26:42LuisMembro SRZD desde 11/04/2009

    Reitero tudo o que escrevi no outro comentário, e dizendo que têm pessoas tão ignorantes e covardes que se utilizam do anonimato para desprespeitar e agredir pessoas e instituições. A essas, não vale nem a pena ler o q está escrito quando ver de quem é o comentário, basta ignorar. E parabéns Junior, apesar de discordar de algumas coisas que vc diz da BF, que considero uma escola admirável, com um excelente chão, apesar da arrogância do Laíla, vc traçou um belo retrato da manga(antes do Perci) e, principalmente, do coronelismo imperante em regiões como a baixada, onde falsos salvadores se aproveitam da lamentável ausência do poder público para subjugar as pessoas com um falso assistencialismo.

  • Avatar
    21/02/2009 16:16:06Nilopolitano DecenteAnônimo

    Junior, parabéns. Falou tudo. Aquela quadrilha daqui de Nilopolis não representa nada no carnaval. Ã? bandidagem pura. Agora, de tudo que li aqui nada é mais horroroso do que esse viadinho desse Juan escreve. Já vi esse cara tomando porrada em tudo quanto é forum, ele sempre aparece querendo desmerecer as outras escolas, no final pede pra lermos desde o início porque ele só responde,coitadinho, as agressões. Ã? um BABACA com B maiusculo.

  • Avatar
    20/02/2009 12:12:04GRAUBERAnônimo

    Alô Junior!!! Deixa de ser otário e vai lavar essa bunda também!!!

  • Avatar
    20/02/2009 11:21:27juniorAnônimo

    completando: sou nilopolitano, criado em Mesquita e sei bem do que falo: o jogo político da Baixada só sobrevive por causa da ignorância das pessoas, que recriaram lá a Idade Média em pleno século XX, pois Nilópolis é um feudo, com um senhor feudal, e uma imensa vassalagem, que sobrevive lambendo o saco dele, até chegar na base, que é o povão-gado e reproduz o mesmo esquema.

  • Avatar
    20/02/2009 11:16:58juniorAnônimo

    Oi, pessoal, muito interessante essa discussão..as picuinhas com a Mangueira e a Beija Flor mostram duas concepções do que é uma "Escola de Samba" (termo criado na década de 1930 pela Deixa Falar, do Estácio, que se localizava próxima à Escola Normal do Largo do Estácio, e que serviu para diferenciar os blocos de samba). A Mangueira não vive do passado de glórias- ela se mantém gloriosa hoje, porque em tantos anos de existência, sempre foi uma escola do povo, fundada por sambistas, organizada por sambistas, estruturada sem dinheiro, sem patrão, sem financiador. A história da Beija Flor, todo mundo sabe: uma escolinha de nada que foi tomada pela quadrilha organizada de Nilópolis, e graças a essa quadrilha e seus capachos conquistou tudo o que conquistou..Tirem o Anisio e vejam o que sobra: gente sem capacidade de organização, porque sempre foram comandados como crianças numa fila pra entrar na escola primária.. O último ensaio da Beija que assisti na quadra, há uns 3 anos atrás, me tirou todas as dúvidas: o Laíla se sentia um marechal comandando uma tropa de soldados rasos, mandando o povo calar a boca enquanto ele falava, dizendo que não queria ouvir o zumbido de uma mosca. Tamanha humilhação coletiva nunca tinha visto..parecia uma viagem ao tempo dos feitores e escravos. Quem tentar fazer isso na Mangueira, no Império ou na Portela será escurraçado! Porque, repito, a escola de samba de verdade é do povo, não tem chefão; por isso mesmo não tem tanto dinheiro, mas se importa em preservar o samba, a dignidade do sambista. Prefiro ser pobre, duro, ferrado, do que ostentar uma riqueza que não é minha, e que por causa dela ter que me humilhar e me infantilizar... Obs: sou nilopolitano, criado em Mesquita e sei bem do que falo: o jogo político da Baixada só sobrevive por causa da ignorância das pessoas, que recriaram lá a Idade Média em pleno século XX, pois Nilópolis é um feudo, com um senhor feudal, e uma imensa vas

  • Avatar
    20/02/2009 10:33:40liliAnônimo

    AVANTE NAÃ?Ã?O MANGUEIRENSE A HORA Ã? ESSA!!!!!!!!!! VAMOS MOSTRAR A ESSE POVO A NOSSA FORÃ?A A NOSSA GARRA

  • Avatar
    20/02/2009 08:11:43GRAUBERAnônimo

    Alô Luis!!! Deixa de ser otário e vai lavar essa bunda!!!

  • Avatar
    20/02/2009 02:16:00LuisMembro SRZD desde 11/04/2009

    último final de semana. Que isso não aconteça no carnaval, pelo amor de Deus...

  • Avatar
    20/02/2009 02:12:50LuisMembro SRZD desde 11/04/2009

    Quanta besteira, quanto ódio, acho tudo isso tão desnecessário... Não entendo algumas pessoas atacarem a Manga de graça, sem motivo algum, sem nem ao menos serem provocadas... Dos que não se identificam isso não é surpresa, pois não têm coragem nem de colocar um nome, mas dos outros... Vi alguns torcedores de outras escolas, principalmente a BF, desrespeitando a mangueira, falando absurdos, denegrindo não só a instituição, mas também seus componentes, vivos e mortos, e torcedores. Se algum simpatizante se sentiu ofendido por algum comentário irresponsável de um mangueirense, responda com fatos que provem o contrário, que embasem sua opinião, e não com xingamentos e ofensas que não levam a lugar algum. Tenho um profundo respeito por todas as escolas, claro que com algumas preferências, e opiniões que certamente seriam rechaçadas pelos torcedores destas, mas jamais as emitiria com o intuito de desrespeitar sua história. Quem gosta de carnaval não pode jamais torcer pelo fracasso de uma escola, pois creio que o desfile das escolas de samba só é o maior espetáculo da terra pelo bom trabalho das 12 escolas, e a vitória é apenas um reconhecimento daquela que aparentemente desempenhou melhor seu papel. Espero que todas as ofensas que li aqui não aconteçam nas ruas e no sambódromo, pois se continuar assim, ficará igual ao futebol, talvez os responsáveis por esses xingamentos formem torcidas organizadas que se espanquem mutuamente... Torcida Jovem da Beija-Flor vs Força Jovem da Mangueira, Irados da Grande Rio vs Independentes da Portela, que tal? O ódio e a intolerância levam a isso. Respeito é bom, carnaval é ótimo, e escola de samba é melhor ainda. Talvez tenha me estendido no desabafo, mas é que sou um amante de futebol e carnaval, e qd vou a um jogo hoje não sei se vou voltar, pois só a paixão pelo meu time me leva a ficar ao lado de pessoas com tanto ódio por quem nem mesmo conhecem, resultando em tragédias como as do ú

  • Avatar
    19/02/2009 22:00:38RealistaMembro SRZD desde 16/04/2009

    Zé Carioca, sabe quando a Mangueira e a Portela irão cair? Nunca! Se algum dia elas forem as últimas, não cairá ninguém. Pode apostar nisso.

  • Avatar
    19/02/2009 21:56:57AlanMembro SRZD desde 19/11/2009

    Estive visitando a cidade do samba na última quarta-feira e não achei a Mangueira tão atrasada como anunciado pela imprensa. Ã? verdade que seu barracão não está pronto e faltam bem mais que alguns detalhes, porém, vi escolas muito mais atrasadas, estas sim necessitando urgentemente de muitos voluntários. Cito o Império Serrano, em que pude observar a construção da base de uma alegoria, ainda no ferro. Considerando que iniciará o desfile de domingo e que um dia tem apenas 24 horas... Ã? bom que as sereias venham de lancha pois se vierem nadando não vão chegar à tempo do desfile.

  • Avatar
    19/02/2009 21:54:27FernandoAnônimo

    Agora que eu vi: "erra" não, "essa".

  • Avatar
    19/02/2009 20:08:21zé cariocaAnônimo

    Esse ano uma grande irá cair... a disputa está acirrada: a favorita: Mangueira, mas não se preocupem, mocidade e viradouro também disputam a ponta final!!!!

  • Avatar
    19/02/2009 18:49:00FernandoAnônimo

    Erra correria para terminar as alegorias da Manga nos remete a carnavais remotos, onde as dificuldades eram compensadas na avenida com muito samba no pé. A Mangueira, como uma verdadeira Escola de samba que é, sempre tirou esses percalços de letra. Sabem por quê? Tem tradição, tem história. Ã? aquela máxima: CAMISA PESA! Não se iludam, quem sempre soube sambar e dar a volta por cima, não vai fazer diferente desta vez. Nos brinde, Mangueira, mais uma vez com o seu belíssimo verde e rosa, como sempre.

  • Avatar
    19/02/2009 15:19:20JuanAnônimo

    O retrato de um Mangueirense: " se der mole a gente volta nas campeãs ". Lamentável...

Comentar