SRZD


23/02/2009 02h01

Vila encanta e entra na briga pelo título
Equipe SRZD-Carnavalesco

A Vila Isabel, terceira escola deste domingo, fez um grande desfile, aparentemente sem falhas. As fantasias eram luxosas e bem acabadas e os carros alegóricos eram belíssimos. A comissão de frente, que montava e desmontava um palco em plena Avenida e encenavam uma esquete teatral, foi um show à parte. Sem dúvidas um dos pontos altos do desfile. Logo em seguida, o casal de mestre-sala e porta-bandeira também fez apresentações muito bonitas e seguras. A fantasia deles era bem leve, o que com certeza contribui para bela evolução da dupla. Outro ponto alto foi o abre-alas, bastante detalhado. Componentes encenavam uma demolição, com direito a fumaça para representar a poeira. Os componentes estavam felizes e cantavam o samba com vontade.

Assim que cruzaram a linha de chegada, o presidente da escola, Wilson Alves, e os diretores se abraçaram e mostraram-se bastante emocionados. Parte do público gritou "É Campeã" para a escola.

Algumas alegorias tinham bem o estilo do Paulo Barros, especialmente a primeira, quinta e sexta. Ala as baianas tinham fantasia extremamente luxuosa. Bateria manteve ritmo cadenciado e marcação firme, mas não fez paradinha na terceira cabine de jurados. Um dos poucos problemas que a Vila apresentou no desfile foi no quarto carro, que trazia instrumentos musicais gigantes, com cordas de neon. Dois violinos ficaram apagados, resultando numa  falha bem visível para os jurados. Mas o desfile foi mesmo irretocável.

 

* Imagens do desfile da Vila Isabel

 

Martinho e Mercedes na Avenida

Um dos maiores símbolos da Vila Isabel, o cantor Martinho da Vila desfilou na frente da escola, logo antes da primeira ala coreografada. Ele representou o chargista João do Rio, narrador-personagem do enredo. Também desfilou na Vila a cantora Mercedes Batista, numa cadeira de rodas. Ela vinha logo após o quarto carro. Ao ver a cantora, o dançarino Carlinhos de Jesus se ajoelhou em sua frente e caiu em prantos.

Abre-alas e casal impressionam

O abre-alas, "O Rio Civiliza-se", dividido em três módulos, chamou atenção por sua beleza. O carro, prateado, era bastante rico e causou impacto na apresentação ao jurados e no público.
Sem apresentar erros em nenhum dos módulos, a comissão de frente executou uma coreografia na qual um tablado se dividia em 14 camas, e cada componente seguia sozinho até a próxima cabine de jurados, onde voltavam a se unir. No meio da coreografia, eles formavam a palavra "Vila", sempre na hora do refrão do samba-enredo. O primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Julinho e Ruth também passou pelos quatro módulos de jurados sem problemas e finalizou suas participações no sambódromo de forma impecável.

Terceira alegoria agrada

A terceira alegoria da Vila, "Espetáculos de Épera (Aída)",  foi coreografada e agradou bastante na Sapucaí. Com uma execução perfeita e a leitura do enredo também de fácil compreensão, compunham a cenografia da alegoria colunas decoradas com hieroglíficos, duas esculturas do deus Anúbis; duas esculturas da deusa Hórus; e na parte traseira, duas esculturas de Faraós do antigo Egito.

Vila conta a história

A Vila Isabel foi a terceira escola a desfilar, com o enredo é "Neste palco da folia é minha Vila que anuncia: Theatro Municipal, a Centenária Maravilhosa", desenvolvido pelos carnavalescos Alex de Souza e Paulo Barros.

A Vila Isabel levou à avenida o centenário do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Para narrar essa história, o carnavalesco escolheu o lendário João do Rio. Ele foi um dos intelectuais que gritavam ao redor do Prefeito do Distrito Federal, o Sr. Pereira Passos, responsável pela modernização da capital, sendo convidado pelo mesmo para redigir um livro sobre aquele que seria considerado por muitos a nossa jóia maior, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Comissão de frente e abre-alas

O responsável pela comissão de frente da Vila Isabel foi o coreógrafo Marcelo Misailidis. A comissão veio com 15 componentes, sendo cinco homens e dez mulheres, usando a fantasia chamada "O Palco dos Sonhos". A comissão representou a importância do palco como símbolo mais importante dentro da homenagem ao centenário do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.
O casal de mestre-sala e porta-bandeira foi formado por Julinho, de 34 anos, e Rute, de 30, no segundo carnaval em que os dois defenderam a Vila, dessa vez com a fantasia "Belle Époque". O traje feminino representou um abajur Art Nouveau. Já a de Julinho retratou o traje masculino típico da época.

"O Rio civiliza-se, a Belle Époque tropical" era o nome do abre-alas, que tinha como tema a modernização da cidade do Rio de Janeiro, e apresentou três módulos: o primeiro foi o Nota-Baixo, que era um quarteirão de cortiços e sobrados; o segundo representou a passagem da "velha" cidade do Rio de Janeiro, ainda cheia de destroços dos quarteirões totalmente arrasados; e o terceiro retratou um café da época, local onde a "Boa Sorte" carioca se encontrava para conversar em francês e provar as iguarias da cozinha da França.
Comandada por mestre Mug, a bateria veio com a fantasia "Índio de Casaca", uma homenagem a Villa-Lobos. Os integrantes fizeram o recuo com perfeição, impressionando a platéia, que aplaudiu de pé. Na saída do recuo, porém, a manobra não foi perfeita e abriu um pequeno buraco na Avenida.

Na ala das baianas, a fantasia foi uma representação da decoração do Salão Assírius, com máscara de na parte de trás do esplendor, simbolizando os bailes de carnaval, local onde foram realizados não oficialmente na década de 1910.


OPINIÉO

Anderson Baltar:

Surgiu a primeira candidata ao título. A vila fez um desfile com muita criatividade e o enredo passou muito bem. Dava para perceber nitidamente onde estava o trabalho de Paulo Barros e onde estava o de Alex. Barros insistiu na teatralização dos carros, mas de um modo diferente do que ele vinha fazendo. Ao mesmo tempo, os carros tinham acabamento e requinte que são marca do Alex. Os dois estilos casaram muito bem na Avenida. A  comissão de frente deu um show, até agora  foi melhor que passou pela Sapucaí, apesar da coreografia muito extensa ter segurada a evolução da escola no começo. A vila fez um desfile que a credencia para título, sem dúvidas.

Conheça o Shopping do Carnavalesco


Comentários
  • Avatar
    27/02/2009 00:33:53PauloMembro SRZD desde 11/10/2009

    Segura a Vilaaaaaaaaaa!!!! Ela se esborrachou! Que nem o carro do Teatro.

  • Avatar
    25/02/2009 03:34:33JoãoAnônimo

    Favor retificar a informação de que a cantora Mercedes Batista participou do desfile da Villa e sim a primeira bailarina do Municipal negra, Mercedes Batista, foi homenageada pela Ala BAllet Negro, q estava perfeita!!!!

  • Avatar
    24/02/2009 23:03:26RdiyaneAnônimo

    Pois é, enfim podemos dizer que a Vila não precisa comprar jurados pra ganhar o Carnaval 2009. Trabalhamos duro, suamos a camisa e demos o sangue durante meses para fazer o carnaval que todo o Rio de Janeiro pôde apreciar. Gostaria de parabenizar a criatividade de nossos carnavalescos Paulo Barros e Alex, a confiança passada pelos nossos diretores de ateliê, ao empenho de todos adecistas que trabalharam no barracão e a tosa comunidade de Vila isabel por acreditar sempre na capacidade de nossa escola.

  • Avatar
    24/02/2009 21:07:17dIEGOAnônimo

    SEGURA A VILA QUE EU QUERO VER!!!!! SERÁ ESSA A FRASE QUE O POVO DE NOEL COMEMORAR O TÍTULO NA QUARTA-FEIRA DE CINZAS!!

  • Avatar
    24/02/2009 17:52:07TatianeAnônimo

    Notei algo e achei muito engraçado... A comissão de frente... Ela veio com carrinhos, ou seja, suspensos por rodas... Agora, lembram em 2001 quando a comissão de frente da Mocidade teve de vir descalça porque viriam em patins e isso poderia contar como alegoria e perder ponto pra escola?!?! O que é isso, dois pesos e duas medidas??????? Sem contar nas outras alegorias em forma de castiçais que também vinham sobre rodas... E umas outras, as quais não me recordo, logo em seguida... Ou seja, uma sequência de alegorias que se fosse a Mocidade trazendo, certamente, seria prejudicada.

  • Avatar
    24/02/2009 10:16:23Bruno VillaçaAnônimo

    Finalmente o Paulo Barros foi podado e aproveitaram apenas o melhor de seu gênio criativo. Agora sim ele ganha um carnaval... Que bom que entenderam que carnavalesco não é dono de Escola de samba ! è isso ai Vila ! Parabéns. "e o samba, sambou... mas o show tem que continuar"

  • Avatar
    24/02/2009 04:17:08luigiAnônimo

    A escola até que veio bonita, cheia de luxo, fantasias bonitas. Mas que samba é esse. Chegou um momento na apoteose que eu não aguentava mais ouvir o samba dela. Esse ano não teve um show de carnaval nas escolas de samba que se teve nos carnavais passados. Pra mim, somente grande rio, beija flor, portela, grande rio e salgueiro estão na luta pra chegar ao campeonato.

  • Avatar
    24/02/2009 02:26:22FabioMembro SRZD desde 11/08/2009

    Cadê aqueles engraçadinhos que vinham comentando que barracão e ensaio na sapucaí não é sinônimo de grande desfile ??? Cadê a Maria Fanta que não comenta sobre este BLOQUINHO ???? Será que ela ainda vai comentar sobre a ESCOLA DE SAMBA VILA ISABEL ??? Taí a prova da competência e planejamento de uma escola que se preparou um ano inteiro para fazer bonito na avenida. E não sou eu ou esse site que está dizendo... toda a imprensa está dizendo!!! Pode até não ganhar o título, porque cabeça de jurado nunca dá para entender. Mas se ganhar não vão poder dizer que a Vila Isabel comprou 5 jurados (e outros 35 ?) porque será merecido e todos viram isso no belo desfile que foi apresentado com muita garra, samba na ponta da lingua, luxo, criatividade etc. A Vila realmente calou a boca dos seus críticos que já queriam desmerece-la sem que a escola ao menos desfilasse na avenida. Parabens Vila Isabel!!!

  • Avatar
    23/02/2009 17:28:22AlexAnônimo

    Pessoal.... que grande espetáculo a Vila Isabel nos proporcionou na avenida. Sem dúvida nenhuma, a Vila é forte concorrente ao título. Na minha opinião, foi sim a MELHOR escola de domingo. Os carros estavam belíssimos, o abre-alas foi de uma criatividade ímpar e a empolgação dos componentes era de dar inveja, com todos com o samba na ponta da língua. As alas tinha fantasias lindíssimas, com destaque para a ala dos LUSTRES, com os componentes todos pintados de dourado, numa coreografia empolgante (só achei estranho os lustres não terem vindo acesos...). PARABÃ?NS ALEX E PAULO BARROS !!! Acho que a Vila vai levar o título de 2009 !!!

  • Avatar
    23/02/2009 14:40:31EdAnônimo

    Oi genteeeee.... Lendo os comentários.... chego a conclusão que a aquela frase que diz q toda unanimidade é burra se faz certa... então é melhor que todos tenham suas predileções msm!!! A Vila Realmente estava um LUXO, em todos os sentidos. Creio q muitos não entenderam que o enredo pede algo mto mais trabalhado e mto mais técnico que somente samba.... o que passa pela cabeça d vcs qdo ouvem falar de Theatro Municipal?!?!?! Luxo?! Requinte?! Balé?! Charme?! E é exatamente isso td..... creio q VILA conseguiu casar isso muitíssimo bem!!! AGORA SEGURA A VILAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!

  • Avatar
    23/02/2009 13:55:20ricardoMembro SRZD desde 07/08/2009

    sou do espirito santo vi todas escolas de domingo pela tv sem duvida a vila deu um chou mestre mug está de parabens segura a´vila que eu quero ver, tinga na minha opiniaõ voce é um dos melhores interpreti da atulidade,shou de interpetraçaõ nota 10

  • Avatar
    23/02/2009 13:09:17luis carlosMembro SRZD desde 17/09/2009

    JOCIMAR.....COITADO DE VC, FOI O MELHOR DESFILE SIM E PONTO, SE SUA ESCOLA NÃ?O PASSOU BEM PROBLEMA SEU, SE QUISEREM GANHAR TERÁ QUE SER DA VILA, FOI O ENREDO MELHOR APRESENTADO NESTE DOMINGO, CLARO, LUXUOSO E CRIOATIVO. PAULO BARROS E ALEX DERAM MUITO CERTO.PARABÃ?NS VILA PARABÃ?NS COMUNIDADE, VIVA A VILA

  • Avatar
    23/02/2009 12:59:32Carnaval contemporâneoAnônimo

    A Vila é uma tremenda escola de samba, mas como ultimamente só ganha quem impressiona pelo visual, ela resolveu usar a mesma tática. Se um dia os desfiles voltarem a ser de escolas de samba, ela tira a fantasia e volta a mostrar o que tem de melhor, que é o samba no pé, coisa que outras badaladas por aí não têm.

  • Avatar
    23/02/2009 11:49:52Paulo GeroldoMembro SRZD desde 07/04/2009

    Desde quando o que a Vila apresentou ontem foi um desfile de escola de samba? Aquilo foi uma peça teatral. Onde ficou o samba? O que eu vi foram apenas coreografias, na escola inteirinha. Isso pra mim não é carnaval. Paulo Barros conseguiu estragar o belíssimo trabalho do Alex de Souza. Se a Vila Isabel ganhar este carnaval, eu penso seriamente em desistir. E o samba agoniza cada vez mais...

  • Avatar
    23/02/2009 11:16:45DelíAnônimo

    Tava bonitinha,mas dizer que é favorita é muita preciptação e falta de respeito com as outras co-irmãs...ainda faltam 5 escolas. Estava apenas bonita,mas não vi nada demais!!!!

Comentar