SRZD


03/03/2009 10h03

Fim da ortopedia nas UPAs
Redação SRZD

Principal projeto de saúde do Governo do Estado do Rio, as Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) vão terminar com o funcionamento do setor de ortopedia em todas as 20 unidades no Rio de Janeiro. A Secretaria estadual de Saúde interrompeu o serviço nesta semana. Quem precisar do serviço terá que procurar hospitais.

As UPAs atendiam mil pacientes por dia no setor de ortopedia. A Secretaria estadual de Saúde diz que o término dos serviços aconteceu pela falta de profissionais.

Em 2008, as 20 unidades das UPAs custaram R$ 63,9 milhões ao estado e a previsão para 2009 é de R$ 140 a 180 milhões.


Comentários
  • Avatar
    03/03/2009 11:30:42Paulo HenriqueMembro SRZD desde 07/04/2009

    Começou bem o ano do Governo Sergio Cabral. Se o serviço de ortopedia representa o maior número de atendimentos nos hospitais. Trouxa é qem acreditou em Sérgio Cabral e seu boneco manipulado do Eduardo Paes que também prometeu em sua campanha a criação das UPAS... Sofre povo, sofre....

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.