SRZD


30/04/2009 16h05

Pesquisadores confirmam aparecimento da dengue tipo 4 no Brasil
Redação SRZD

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) confirmam ter comprovado o aparecimento da dengue tipo 4 no Brasil. Segundo os cientistas da USP, o vírus poderia ter vindo diretamente da Ásia, no lugar de passar primeiro pela América Central e Caribe, como costuma acontecer. OEles analisaram dois pacientes de Manaus, no Amazonas. O resultado da pesquisa foi publicado em artigo no periódico 'PLoS Neglected Tropical Diseases'. Com um vírus novo em circulação, aumentam as possibilidades de um paciente que já teve outro tipo de reinfectar e contrair dengue hemorrágica.

Apesar disso, o Ministério da Saúde nega que haja circulação do tipo 4 no país. O órgão diz que exames de diagnóstico rápido de dengue são realizados em 50 'unidades sentinelas' em 16 estados e 25 municípios estratégicos e a identificação do tipo de vírus circulante é realizada rotineiramente nas unidades de referência.

De acordo com o pesquisador do Instituto de Ciências Biomédicas da USP, Paulo Zanotto, existem problemas quando o governo diz que a dengue tipo 4 não existe no país. Um deles é o fato de não adicionar esse tipo de vírus nos sistemas de detecção em uso pela vigilância sanitária.

Os pesquisadores afirmam que a presença da dengue tipo 4 deve ser recebida com grande atenção e ser assegurada uma intensificação das atividades de vigilância.

Em 2008, um estudo publicado por pesquisadores do Estado do Amazonas já havia dito que a dengue tipo 4 havia sido encontrada em três pacientes de Manaus. O Ministério da Saúde também negou.


Comentários
  • Avatar
    15/11/2010 16:57:21BEATRIZ ANTONIETA LOPESAnônimo

    RESPONDENDO A CECILIA NICOLAI: Cara Cecília: Eu gostaria que certos conceitos e teorias fossem revistos e urgentemente! Ocorre, Cecília, que o vírus é único. DEN1, DEN2, DEN3 e DEN4 (eventuais casos pois muitos infectados morrem ao sofrer a 1ª DENGUE, outros não resistem a 2ª, ou a 3ª infecção pelo vírus da DENGUE. Acho lamentável pessoas ocuparem cargos nos setores de Saúde Pública e não conseguirem â??visualizarâ? os velhos equívocos direi, para não dizer erros cometidos seqüencialmente que permitem a presença do mosquito, que circula livremente em nosso país, â??distribuindo o vírusâ? para uma população assustada e indefesa! E, o mais grave: Quem está na coordenação, além de não fazer o que DEVERIA ser feito e corretamente, ainda busca a mídia para acusar a população de relaxada! E as verbas repassadas pelo governo federal, para eliminar este e outros vetores, continuam elegendo de vereador a presidente da republica...

  • Avatar
    15/11/2010 16:36:22BEATRIZ ANTONIETA LOPESAnônimo

    MAZELAS DE UM PAÍS DE TERCEIRO MUNDO: O mais grave é ver 'cabeças pensantes' ficar discutindo o 'sexo dos anjos': Se o mosquito ou o vírus veio da Ásia ou de onde quer que tenha vindo, dizer que o vírus 'X' entrou no país e mais um monte de baboseiras sem tamanho! O mosquito se estabeleceu (novamente) no Brasil há mais de 20 anos e, ao longo deste tempo altas verbas são destinadas ao controle do vetor, que continua a proliferar descontroladamente! Destinam muito dinheiro para a mídia, para panfletos e propagandas, não substituem o inseticida, ou melhor, NÃ?O USAM INSETICIDAS, e sim um produto altamente tóxico, com efeito repelente, que não mata o inseto, mas pode intoxicar e matar pessoas! Estes são os técnicos que estão à frente do controle da Saúde Pública de nosso País! Lamentável, profundamente lamentável, pelas vidas perdidas para um mosquito...

  • Avatar
    01/05/2009 15:48:52Cecilia NicolaiAnônimo

    Se é verdade que o Aedes aegypti não pode ser infectado por mais de um tipo de vírus, e temos a circulação comprovada dos tipos 1,2 e 3, porque seria impossível o 4 não circular? De tempos em tempos temos o predomínio de um tipo, já tivemos epidemias pelos tipos 1, 2 e 3. Se o tipo 4 circula em países da América Central por que razão não circularia em Manaus? Na verdade não conhecemos a dinâmica que leva um tipo a ser tornar predominante, mas dá a impressão que todos os 4 estão circulando esperando uma oportunidade de predomínio.

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.