SRZD


26/05/2009 19h09

Justiça concede liberdade a Álvaro Lins
Redação SRZD

A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça concedeu pedido de habeas corpus ao ex-diretor da Polícia Civil e ex-deputado estadual Álvaro Lins por maioria de votos. Ele deverá ser solto, salvo se houver outro decreto de prisão. Ficaram vencidos os ministros Paulo Gallotti e Og Fernandes.

O julgamento foi concluído esta terça-feira com o voto de desempate do desembargador convocado Celso Limongi, que acompanhou o relator, ministro Nilson Naves, e a ministra Maria Thereza de Assis Moura.

Álvaro Lins é acusado de formação de quadrilha, facilitação de contrabando, lavagem de dinheiro e corrupção ativa. Ele e outros sete réus teriam ligações com as milícias armadas do estado.


Veja mais sobre:Alvaro Lins

Comentários
  • Avatar
    26/05/2009 20:50:57Leonardo GuedesMembro SRZD desde 09/04/2009

    Imaginem o excelentíssimo senhor Gilmar Mendes comentando o caso: "Ã?, Barbosa, nem vem com tuas lições hoje, que dessa vez não fui eu!"

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.