SRZD


04/09/2009 17h06

Chocolate, cebola, passa: tudo que seu cachorro não deve comer
marina w.

Email

Eu levei o Chico ao veterinário ontem, porque ele estava com uma diarréia há alguns dias, e o veterinário me deu uma lista de comidas que não devem ser dadas a cães em hipótese alguma:
 
Bebidas Alcoólicas

Muitas vezes são adocicadas e podem atrair cães e gatos, mas podem induzir uma intoxicação séria e às vezes fatal.
Sinais e efeitos colaterais: Descordenação, Excitação, Depressão, Urinar excessivamente, Respiração lenta, Ataque cardíaco e morte.


Abacate


Folhas, semente e a fruta do abacate contem uma substância tóxica chamada persina. Pode causar desarranjo gastro-intestinal.
 
Café (todas as formas)
Café contem componentes perigosos que podem causar danos ao sistema nervoso e sistema urinário, além de ser um estimulante cardíaco.
 
Cascas de batatas


Batatas e tomates contem uma substância chamada solanina e outro alcalóides. Se ingeridos em grande quantidade, podem gerar salivação excessiva, desarranjo do trato gastrointestinal, perda de apetite, depressão do sistema nervoso central e outors sintomas. Evite.


Cebola

Cebolas contme tiosulfato. Cachorros sensíveis a cebola podem desenvolver anemia. Felizmente todos os cachorros se recuperam quando não ingerem mais cebola.


Chocolate (todas as formas)


Chocolate contem teobromina, um composto diurético e estimulante do coração. Sinais: Excitação inicial, beber e urinar excessivamente, vômito e diarréia. Chocolate pode causar ritmo cardíaco acelerado, podendo levar a convulsões ou mesmo morte.
 
Comidas estragadas ou mofadas
Muitos tipos de mofo contem uma toxina chamada aflatoxina. Pode causar vômito/diarréia, tremores musculares, descordenação, febre, salivação excessiva e danos ao fígado.
 
Comidas gordurosas
O problema principal destes alimentos é um desarranjo gastrointestinal e, em alguns casos pode culminar em uma pancreatite. Pode ser fatal em alguns animais e é quase sempre causado por comidas muito gordurosas como bacon.
 
Noz macadâmia

A macadâmia contem uma toxina desconhecida que pode afetar os músculos, o sistema digestivo e o sistema nervoso de cachorros. Já foram registrados casos de paralisia.
 
Uvas e uvas passas

Existem casos registrados de apenas 6 (seis) uvas ou passas causando insuficiência renal aguda. A toxina não foi identificada ainda.

No caso de intoxicação sempre leve ao veterinário mais próximo. Não deixe medicamentos ao alcance de animais.
 
Desculpe se a tradução dos nomes de algumas substâncias químicas não estiver correta. Eu não sou veterinário, mas achei importante passar essa lista o quanto antes possível.

Gui