SRZD


14/12/2009 02h31

Com um bom número de componentes, Império Serrano faz seu dever de casa
Rafaella Javoski e Ramiro Costa

Foto: Diego Mendes Com uma chuva que insistia em cair, o Império Serrano fez seu primeiro e único ensaio técnico na Marquês de Sapucaí para o carnaval de 2010. Rebaixada ano passado para o Grupo A, a escola da Serrinha, que apresentará o enredo "João das ruas do Rio", levou um bom número de componentes neste domingo. A presença maciça de imperianos surpreendeu o próprio diretor de harmonia, Marcão, que admitiu que a escola chegou a ultrapassar o tempo de ensaio, em cerca de 2 minutos, por conta da grande quantidade de pessoas no desfile. Segundo a direção da escola, 2 mil componentes participaram do treino. Destaque também para a bateria com a estreia de Gilmar no comando da Sinfônica. * Veja fotos

- Nós não esperávamos tanta gente no ensaio. Passamos até entre um minuto e dois do nosso tempo estipulado para esta noite. O canto está bom e a escola mostrou organização, alegria e superou minhas expectativas - contou o diretor de harmonia, Marcão.

Vídeo do ensaio:

O santo protetor dos imperianos, São Jorge, veio no início da escola, em um tripé. Antes a comissão de frente, comandada por João Wlamir, não realizou a coreografia oficial. Na apresentação no terceiro módulo de jurados, o grupo abria uma roda para um dos integrantes sambar. Dois objetos chamaram a atenção durante a encenação. O primeiro foi uma vassoura, que servia para 'varrer' a Avenida. E o segundo, um cassetete que foi usado para simular uma agressão a um dos integrantes da comissão de frente.

- Começamos a ensaiar na última quarta e hoje vamos apresentar só o esqueleto. Teremos uma surpresa na Avenida que tem a ver com o figurino. A comissão de frente terá 15 pessoas, sendo 8 mulheres e 7 homens. Vamos representar os tipos de rua do Rio. Por isso, nós temos gordos, baixos, altos, negros e brancos - revelou o coreógrafo João Wlamir.

Problemas em evolução e harmonia

Em seguida, o casal de mestre-sala e porta-bandeira, Danielle Nascimento e Alex Marcelino, fez uma apresentação de altos e baixos. No primeiro módulo, o mestre-sala realizou alguns movimentos bruscos e se complicou quando precisou pegar a bandeira. A porta-bandeira Danielle Nascimento fez uma exibição boa, sem comprometer a dança, tudo isso sob o olhar da mãe, Wilma Nascimento, e do mestre-sala da Unidos da Tijuca, Marquinhos, que acompanhavam o casal o tempo inteiro. No segundo módulo, a apresentação foi bem melhor. No entanto, na altura do setor 9, a comissão de frente acabou avançando demais deixando uma distância grande até o casal de mestre-sala e porta-bandeira. Ao mesmo tempo, outro tropeço em evolução: um buraco foi criado entre uma ala e a bateria da escola, que fazia sua apresentação no segundo módulo.

Em relação ao canto, as primeiras alas tiveram dificuldades e alguns componentes precisaram ler a letra, enquanto desfilavam na Avenida. A animação só melhorou do meio para o final, sendo que algumas pessoas cantavam apenas os dois refrãos do samba-enredo. No carro de som, os cinco intépretes do Império Serrano tiveram um desfalque: Cremilson Silva, que se recupera após sofrer um acidente de carro. No entanto, a ausência não atrapalhou o quarteto formado por Jovaci, André Moreno, Bira e Arthur.

Quem também fez bonito, foi a bateria da Serrinha. Sob o comando do estreante mestre Gilmar, após a saída de Átila para a Vila Isabel, os ritmistas imperianos mantiveram o bom desempenho dos últimos anos. No metrônomo da equipe do SRZD-Carnavalesco, a bateria oscilou entre 148 e 149 batidas por minuto. Três coreografias foram apresentadas ao longo da Avenida, com direito a batida funk no refrão do meio. Na ocasião, a bateria abre para dar passagem à rainha Quitéria Chagas.

- Temos a primeira na cabeça do samba e valorizamos todos os naipes. Depois no refrão do meio com as caixas rufando e os desenhos dos surdos, com o toque de caixa que parece uma batida funk. Na última, usamos mais quando o andamento do samba está caindo - conta mestre Gilmar.


Comentários
  • Avatar
    16/12/2009 16:53:01Vulva PavunaMembro SRZD desde 24/11/2009

    Quitéria vc é um show! Ficou linda com esse cabelão. Nota 10 prá vc e pro meu querido Império. Palavras de Vulva!

  • Avatar
    16/12/2009 09:25:10Olinto RibeiroMembro SRZD desde 16/12/2009

    Alexandra, que comentário a respeito do Império vc esperava de um site de portelenses?? Império é e sempre foi vibração pura, garra, canto! "Vem que o Império te leva"...

  • Avatar
    15/12/2009 23:05:06josé luiz (ritmista baluarte)Membro SRZD desde 07/04/2009

    nascemos e crescemos em uma escola de samba onde realmente o samba e dado com materia prima, coisa que hoje em dia podemos ver em muito poucas agremiações,certos comentaristas de carnaval, antes de falarem qualquer coisa deveriam dar uma passadinha la em madureira,para aprender o que é uma escola de samba,com todas as suas dificuldades.respeitamos todos do grupo da lesga mais sabemos que estamos por ali por vontade e graças de certas pessoas da liesa. coisa que todos viram neste carnaval e não esquecemos isso, coisa que esta atravesada em nossa garganta. força império força serrinha não dependemos de ninguem

  • Avatar
    15/12/2009 17:06:09A SINFONICA DO SAMBAMembro SRZD desde 28/07/2009

    OLÁ GALERA! CONCORDO CONTIGO ALEXANDRA CADA UM FALA O QUE ACHA. ACREDITO QUE ESPECIALISTA Ã? QUE VAI DESFILAR E NÃ?O FICAR SENTADO FALANDO BESTEIRA, O VERDADEIRO NOME Ã? FOFOQUEIROS DE PLANTÃ?O. EU ESTAVA LA E TODOS NÃ?S IMPERIANOS CANTANDO NUMA SÃ? VOZ NÃ?O TINHA NINGUEM APÁTICO, O QUE TINHA ERA MUITA VIBRAÃ?Ã?O, GARRA,VONTADE E SAMBA NO PÃ? COISA QUE SE BEM POUCO NAS ESCOLAS EM DIAS DE HOJE.

  • Avatar
    15/12/2009 11:40:56Alexandra ClaudinoMembro SRZD desde 19/04/2009

    A gente fala da falta de coerência dos jurados...esta se manifesta tb nos sites especializados em samba/carnaval. Li no Tudo de Samba que os componentes estavam apáticos, que não defenderam o samba no começo e que muitos não sabiam a letra (coisa que acho difícil, na escolha de samba cantavam como se fosse o desfile oficial)... Aí venho aqui pra ver se é isso mesmo e vejo opinião totalmente discrepante... Enfim, não dá mesmo pra entender os "especialistas" ou comentaristas...Ainda acho que não há imparcialidade/profissionalismo por parte da maioria, pq sempre se manifesta essa dualidade...Não que todos tenham q aplaudir de pé...mas cada um vendo uma coisa completamente diferente do outro é demais...

  • Avatar
    14/12/2009 23:51:48DeniseMembro SRZD desde 08/04/2009

    O Império no Acesso é sempre arrasador. Só acho que o ensaio na Sapucaí foi muito cedo. A escola poderia ter ficado para janeiro de 2010.

  • Avatar
    14/12/2009 20:51:15Weverson Marcus Alves Nogueira VeríssimoMembro SRZD desde 11/04/2009

    Alô meu império serrano!!! è bom demais estar nesta escola!!!! Salve Serrinha!! Tamu junto!

  • Avatar
    14/12/2009 19:33:40Alsan MatosMembro SRZD desde 08/04/2009

    Lindo testemunho, salgueirense Ana Maria. Tô contigo e não abro!!!

  • Avatar
    14/12/2009 19:31:28Alsan MatosMembro SRZD desde 08/04/2009

    Repito meu discurso de março: Especial é o grupo onde o Império estiver!!! Resistência do samba e da cultura popular!!! Império só não sobe se os funcionários da LIESA (leia-se LESGA) não deixarem. E isso muito provavelmente vai acontecer. Torço para que os verdadeiros sambistas num futuro próximo se rebelem e, unidos aos imperianos, criem um desfile dissidente pra salvar o Samba, como fizeram há 50 anos atrás os geniais dissidentes da antiga Prazer da Serrinha. Só formando um outro desfile, com outro padrão de julgamento, com outros valores, prezando a cultura popular e ignorando as finanças; só assim o Samba vai poder imperar. Vai Império do Samba, segue tua luta, que ela não será em vão!!!

  • Avatar
    14/12/2009 18:16:49DANIELMembro SRZD desde 21/07/2009

    Ã?, o Império é uma escola carismática, mas não podemos ver os fatos e deixar passar sem ao menos dar um alô de alerta. Ã? preciso acompanhar a linha do tempo e estar vivo a tudo, ou melhor, nos mínimos detalhes. Sem mais delongas! De fato é preciso recordar, porém, nos dias de hoje, não dá para reviver exatamente o estilo que em outrora dera certo. Pode-se reviver, relembrar, refazer; se e somente se, a reescrita acompanhar o rítmo e a modernidade. No tempo atual, até o agora já é velho, se comparado às possibilidades tecnológicas. Muda Império, muda!

  • Avatar
    14/12/2009 14:49:36Marcelo MoutinhoMembro SRZD desde 31/10/2009

    Ana Maria: que bonito seu depoimento. Nós, imperianos, temos todo o respeito pelo mestre Átila - e vice-versa. Hoje na Vila (e que faça sucesso por lá_, o coração dele é irremediavelmente imperiano. Sobre ontem: muito bom. Excelente foram o canto, bastante forte para um primeiro ensaio, e a presença, mostrando que o Império é especial no grupo em que esteja.

  • Avatar
    14/12/2009 13:39:51Leonardo RezendeMembro SRZD desde 09/04/2009

    Boa Humberto! Também acho que chega a ser ridículo trocarmos o ouvido pelo metrônomo! Daí temos absurdos como os 9.7 para as baterias de Império Serrano e Unidos da Tijuca dados em 2009.

  • Avatar
    14/12/2009 13:07:08huberto martins rosaMembro SRZD desde 14/12/2009

    Olá amigos. Meu nome é Huberto.Sou trombonista,ritmista,estudante de regência,professor de música.Gostaria de fazer uma observação sobre o uso do metrônomo.Uma dudança de 149bpm para 148bpm é quase inperceptivel.Fica até engraçado fazer uma obeservação dessa.Como não estamos lidando com máquinas e sim com pessoas.A variação será inevitável.Nos shows que realizo com a minha banda,utilizamos o metrônomo que é mandado para o fone de cada um.Controlar o andamento de 200 pessoas e dizer que oscilou de 149bpm para 148 parece desconfiar do conhecimento musical de algumas pessoas.Peço aos amigos para reverem esse conceito. Um grande abraço. Huberto

  • Avatar
    14/12/2009 12:56:03Leonardo RezendeMembro SRZD desde 09/04/2009

    Show da comissão de frente até a velha guarda! Vem que o império te leva!!!!!!!

  • Avatar
    14/12/2009 12:55:06Leonardo RezendeMembro SRZD desde 09/04/2009

    Melhor ensaio de ontem e melhor ensaio até agora! Me acabei! Parábens Império Serrano!!!! Numa explosão de emoção! Ã? verde-branca essa paixão! Um caso sério!

Comentar