SRZD


01/02/2010 19h02

Salgueiro em busca do bicampeonato
Isaac Ismar

Foto: Isaac IsmarO bicampeonato do Salgueiro é um sonho para Renato Lage, carnavalesco da vermelha e branca, que vai para o seu oitavo carnaval na agremiação. Com contrato já renovado para 2011, o artista demonstrou confiança no trabalho que vem sendo finalizado no barracão e na garra demonstrada pelos salgueirenses nos ensaios de quadra.

Avesso a fotos no seu barracão, Renato recebeu a reportagem do SRZD-Carnavalesco na fábrica de carnaval do Salgueiro, na Cidade do Samba, e contou todo o projeto do enredo "Histórias sem fim". O desfile promete muita beleza plástica, cuidado na finalização dos carros alegóricos e fantasias de fácil entendimento para o público que estiver na Sapucaí ou acompanhando pela televisão.

- O enredo destaca o livro como instrumento de extensão da memória e imaginação do homem. O livro é um portal para grandes pensamentos, coloca a mente para viajar... A proposta do enredo é um incentivo para a leitura. Não sou um leitor inveterado, mas acredito que seja um tema nobre. Vamos mostrar esse instrumento através de histórias de determinados gêneros que eu acredito que darão um bom entendimento para o público - explicou Renato.

O bom resultado do Salgueiro no ano passado incentivou o carnavalesco a seguir um caminho parecido sobre a escolha do enredo. Já que tanto o tambor como o livro são instrumentos. Sendo que o primeiro é de percussão e o segundo é uma fonte de conhecimento.

- Estou sempre pesquisando. O livro não deixa de ser um instrumento de pesquisa durante todo o ano. Assim como no ano passado, quando o Salgueiro fez o seu enredo inspirado em um instrumento, porém, de percussão, que o homem também tomou parte disso como manifestação, desta vez o livro também é um instrumento, mas de entretenimento e conhecimento. Achei isso interessante. E estou muito confiante, embora alguns críticos, inclusive do SRZD-Carnavalesco, pensem que o tema não é grande coisa. Cada um imagina uma coisa, mas o que vai ser apresentado é um pensamento só. Então, acredito que o Salgueiro disputará o título - contou.

Ao ser perguntado sobre uma possível pressão para conseguir o tão sonhado bicampeonato para o Salgueiro, Renato respondeu da seguinte forma:

- Não existe pressão pelo título. A pressão maior é da imprensa. Quem não realiza cria essa polêmica. Nem escola nem a comunidade me pressionam e não tenho a obrigação de ter que conquistar o bicampeonato. Ele virá naturalmente. Não sou nenhum novato, tenho 30 anos de carnaval. Me preocupo com o que faço. Tenho um senso de responsabilidade. Sou crítico de mim mesmo, procuro sempre aprender a cada ano.

Uma novidade no desfile deste ano é que haverá seis tripés estreitos distribuídos na mesma quantidade de alas para reforçar a ideia do que está sendo mostrado naquele momento.

- O Salgueiro vai fazer um carnaval de boa leitura. Em algumas alas haverá um tripé, que será 'envolvido' pelos componentes. Na ala do 'Capitão Nemo - 20 Mil Léguas Submarinas' terá um tripé que remete aos náuticos para reforçar a ilustração da obra. Na ala 'O Pequeno Príncipe' haverá um tripé alusivo ao asteróide - adiantou.

Agora confira como será o desfile do Salgueiro, que é divido em sete alegorias. A escola é a quinta a se apresentar no domingo de folia. 

Comissão de frente: O grupo coreografado por Hélio Bejani está inserido na parte medieval do desfile;

Primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira: Ronaldinho e Gleice Simpatia também estão na fase medieval da apresentação. Renato Lage preferiu não revelar maiores detalhes da comissão de frente e do casal de mestre-sala e porta-bandeira;

Abre-alas: Tem a característica de uma gráfica contemporânea, com 55 homens da Intrépida Trupe realizando uma performance em que representam letras que são lançadas em uma folha em branco da "Bíblia". Um letreiro, na frente do carro, terá o nome do Salgueiro, sendo que o tipo de fonte da letra será mudado diversas vezes ao longo do desfile;

Abertura: Manuscritos feitos por monges medievais serão apresentados na abertura do desfile. A prensa, invenção e sonho do alemão Gutemberg, democratizou o livro, criando a produção em massa. A "Bíblia", o primeiro livro impresso por Gutemberg, estará neste setor, além da ala "Aquiles - Ilíada/Odisséia";

Segundo carro: É a grande biblioteca, inspirada em uma cena do filme "A Liga Extraordinária", de Sean Connery, em que durante um tiroteio as escadas rodam e os papéis voam. O carro também terá uma performance circense, com a presença de personagens como Escrava Isaura, Gato de Botas, entre outros. Os bibliotecários e arquivistas presentes na alegoria fazem malabarismo nas escadas da biblioteca;

Segundo setor: Fantasias com referências a obras como "Os Três Mosqueteiros", "Os Miseráveis" e "Memórias Póstumas de Brás Cubas" ilustram esta fase do desfile;

Terceiro carro: Inspirado no filme "Eu, Robô", de Isaac Asimov, o robô prateado gigantesco presente nesta alegoria impressiona pelo tamanho e movimentação. O carro anuncia a chegada dos livros de ficção;

Terceiro setor: As alas deste setor seguem a ideia do terceiro carro, trazendo fantasias inspiradas nas obras de ficção mais conhecidas do grande público - "Eu, Robô" e "Marcianos - A Guerra dos Mundos";

Quarto carro: Para representar os livros de aventura, Renato preparou parte deste carro como um tabuleiro de xadrez, em uma alusão ao filme "Harry Potter". Haverá a performance de três rapazes representando os principais personagens da obra;

Quarto setor: Presença da ala "Harry Potter" e de outras referentes à parte de aventura do enredo, como "Capitão Nemo - 20 Mil Léguas Submarinas";

Bateria: "Ali Babá e os 40 Ladrões" - Homenagem ao famoso conto infantil vivido no reino da Pérsia;

Baianas: As baianas do Salgueiro representarão as mães-de-santo. No meio deste segmento haverá um tripé com a oferenda aos orixás;

Quinto carro: Peri e Ceci estarão representadas na parte dianteira desta alegoria, que traz ainda o rosto de um índio para homenagear a obra "O Guarani", de José de Alencar, publicada em 1857;

Quinto setor: Além da ala "O Guarani", o Salgueiro apresenta fantasias alusivas a grandes livros de escritores nacionais, como Jorge Amado;

Sexto carro: Os livros infantis ganham espaço no quinto carro, com uma grande escultura da Emília, do "Sítio do Pica-pau Amarelo", de Monteiro Lobato. A escultura da Emília, em forma de marionete, será movimentada na frente do carro por alguns duendes. A alegoria, trabalhada por profissionais de Parintins, no Amazonas, remete a livros infantis que as crianças são estimuladas a montá-los;

Sexto setor: O último setor tem fantasias como "Anjo de Luz - O Livro dos Espíritos" e "Diário de Um Mago", do escritor Paulo Coelho;

Sétimo carro: E para encerrar o desfile, uma alegoria rica em detalhes, com o tom dourado prevalecendo, em que deuses hindus, como Ganesha, e elefantes indianos ganham destaque. O carro remete aos livros de auto-ajuda e é uma homenagem à visão de vida hindu.


Comentários
  • Avatar
    04/02/2010 15:42:43tiagoMembro SRZD desde 05/08/2009

    Uma história de Amor, sem ponto final, Academia do Samba é Salgueiro, no livro do meu Carnaval,realmente aqui concerteza não fala tudo que o Salgueiro vai trazer para a avenida este ano,se não acabaria a surpresa,mas já da pra sintir e ver um pouquinho de nada pelas fotos que será um desfile maravilhoso!sou Salgueiro com muito orgulho abraços aos Salgueirenses SALGUEIRO

  • Avatar
    03/02/2010 21:30:23Carlos AndréMembro SRZD desde 10/11/2009

    A matéria é extensa, mas, pelo seu conteúdo e pelo enredo proposto, creio que poderia render bem mais. Algumas obras memoráveis não são citadas (ao menos na matéria), enquanto algumas que seriam perfeitamente dispensáveis ganharam destaque. Torcer pra que a matéria não tenha retratado quase nada e que a estrela do Renato Lage brilhe...

  • Avatar
    03/02/2010 20:44:02CarnavaleiroMembro SRZD desde 02/02/2010

    Ã? uma pena que o samba seja tão ruim, mas tudo pode acontecer, o Salgueirão venceu em 2009 com um samba considerado fraco e pobre.

  • Avatar
    03/02/2010 20:20:33Sandra Maria da SilvaMembro SRZD desde 31/01/2010

    LI OS COMENTÁRIOS ABAIXO. ALGUNS DENTRO DESTE TÃ?PICO, OUTROS DIZENDO QUE A ESCOLA "A" ESTÁ BEM E VAI DISPUTAR COM AS ESCOLAS "B" E "C", OUTROS DIZENDO QUE A ESCOLA "D" JÁ NÃ?O VIRÁ TÃ?O BEM QUANTO NO ANO PASSADO. QUANTA BABAQUICE!!!!!!!! OLHA, QUEREM SABER? A COISA ESTÁ TÃ?O FÃ?TIL, TÃ?O IDIOTA, TÃ?O SEM ALMA CARNAVALESCA, TÃ?O DISSE-ME-DISSE, TÃ?O SEM SAMBA NO PÃ?, QUE EU VOU DIZER-LHES UMA COISA: PRA MIM, A ESCOLA DE SAMBA QUE PASSAR EMOÃ?Ã?O (ISSO MESMO, EMOÃ?Ã?O!), ESTEJA ELA LUXUOSA OU NÃ?O, SERÁ A CAMPEÃ?. A COISA ESTÁ TÃ?O INSUPORTÁVEL NO MUNDO DO SAMBA CARIOCA, QUE O PÃ?BLICO DEVERÁ OPTAR PELA EMOÃ?Ã?O. TOMARA. PRONTO, FALEI!

  • Avatar
    03/02/2010 17:10:27WILLIAMMembro SRZD desde 03/02/2010

    Apesar desse enredo fraco com samba muito inferior ao do ano passado, mesmo assim mesmo não torcendo por essa escola afirmo ela tem muitas qualidades. vencer a Beija-Flor não é nada facil ; mas o Salgueiro conseguiun no ano passado , torço pela Beija-Flor mas tenho que reconhecer os méritos do Salgueiro.

  • Avatar
    03/02/2010 13:05:10Everton AndradeMembro SRZD desde 26/10/2009

    o salgueiro pode ter nota 10 sim mas em divrsidadde o carnavalesco esta tao sem cria tividade em mente que escolheu esse enrredo''historia sem fim'' vao falar sobre livrs antigos que vai ter um museu na avenida e podem esquecer de bicampenato porq ja tem dono.

  • Avatar
    03/02/2010 12:12:42eliomar gomes da silvaMembro SRZD desde 17/04/2009

    Olá Alex Nogueira! Tudo bem? Infelizmente não tenho a matéria nem guardei a fonte, mas estou seguro que li em jornais e revistas que o mercado editorial do Brasil aumentou muitíssimo, inclusive suplantando países da Europa, como a Itália, por exemplo. E, sinceramente, a julgar pela miséria quase que generalizada de quase todo o povo daquele continente ( e digo isso sem nenhum preconceito ), realmente não acredito que estejamos atrás daqueles países. Mas, mesmo se assim o fosse, acho que o enredo, ainda que não faça "a tal crítica" que você menciona, é um estímulo para que as pessoas leiam mais e se instruam, não acha? Serviria assim como um arauto, despertando a curiosidade pelo conhecimento através dos livros, fonte genuína do saber. Vamos torcer pelas escolas e por um Brasil melhor. Grande abraço.

  • Avatar
    03/02/2010 08:29:39Alex NogueiraMembro SRZD desde 29/06/2009

    Eliomar, é FATO! Nós estamos atrás de países africanos e sulamericamos em livros por habitante, e eu conheço vários países da Africa. Ã? uma estatística muito seria. São números da UNESCO, eu citei a fonte:...www.nationmaster.com/graph/e du_lib_boo_percap-education-library-book s-per-capita... Se o Salgueiro não for abordar essa questão sociológica eu entendo, da mesma forma que a minha Beija Flor vai falar da história de Brasilia e não fará critica política. São decisões que cabem às Escolas, não há porque criticar uma e isentar a outra.

  • Avatar
    02/02/2010 22:06:42Rodrigo DarlanMembro SRZD desde 24/06/2009

    Renato Lage tinha um problema sério em fazer o Salgueiro: parecia não se acertar com o vermelho da escola. Este vermelho forte e vivo, que torna o Salgueiro LINDO DE MORRER, era transformado em algo alaranjado, mesclado a uma cor de terra, salmão e acompanhado de verde. Ficava até um Salgueiro meio amangueirizado. Agora, o carnavalesco, parece que se entendeu com a cor de vez. E realmente está dando um banho. Repare na sua antiga Mocidade e o Vermelho era quase carta fora do baralho , quando a cor aparecia era mesclada com as tonalidades já citadas. Outra cor que AINDA este carnavalesco parece não ter a mínima afinidade é o AZUL totalmente azul mesmo. O seu Azul é sempre esverdeado, mesclado ao lilás, ao roxo...O Azul sem mescla parece ser incompatível com ele. Renato Lage apresentaria uma dificuldade muito maior em trabalhar em uma escola tradicionalmente azul do que teve com o vermelho do Salgueiro, mas com o tempo venceria a barreira. AS CORES DE MANGUEIRA NÃ?O TRARIA NENHUMA DIFICULDADE A ELE, Só LHE FACILITARIA A VIDA!!! Parabéns, RENATO LAGE!!!

  • Avatar
    02/02/2010 20:04:25Thiago Chagas de SouzaMembro SRZD desde 02/02/2010

    Fiz uma visita na Cidade do Samba o barracão do salgueiro era o único que estava fechado, as pessoas estavam trabalhando e montando os carros no segredo, vamos esperar na avenida pra saber se todo esse segredo vai valer a pena.

  • Avatar
    02/02/2010 19:35:35eduardo rodrigoMembro SRZD desde 28/01/2010

    SALVE RENATO E SUA EQUIPE, VENHO ACOMPANHANDO SEU TRABALHO, GOSTO MUITO DE SUAS ALEGORIAS E FANTASIAS. NÃ?O PODIA ESTAR EM MELHOR LUGAR . O SALGUEIRO Ã? ESCOLA QUENTE PARA LHE PROJETAR AINA MAIS. A ROSA TAMBÃ?M FEZ Ã?TIMOS TRABALHOS , SÃ?O AS MELHORES FASES DO SALGUEIRO, FORA O ARLINDO ,Ã? CLARO!ESPETÁCULO GARANTIDO!!!!!

  • Avatar
    02/02/2010 19:01:40Luiz RangelMembro SRZD desde 13/04/2009

    Salgueiro estah muito bem na fita pra fazer bom desfile, mas acho a briga esse ano mais acirrada do q ano passado. Outras escolas estão vindo muito bem plasticamente e possuem sambas melhores q o Salgueiro. Beija-Flor , Imperatriz e Vila Isabel disputam com Salgueiro e Tijuca corre por fora, na minha opinião.

  • Avatar
    02/02/2010 18:34:54Deise LuciaMembro SRZD desde 07/04/2009

    Renato é simplesmente fantástico, cenográfo de primeira, inteligente, culto, bom gosto, realmente é o Mago do Carnaval. Existem pessoas que, precisam ler mais. Parabéns Renato, concordo com o Amaury e o Eliomar, vamos disputar o Bi é mais gostoso assim, do que ter a certeza que já ganhou.

  • Avatar
    02/02/2010 17:47:16WILLIAMMembro SRZD desde 02/02/2010

    O enredo é fraco, mas não é só o do salgueiro, esse ano ta sombrando enredo chato, mas o renato lage é um genio ele vai conseguir fazer um bom desfile. Se ele vai ganhar ai vai depender de como a beija-flor e vila isabel irão desfilar

  • Avatar
    02/02/2010 14:39:57SIMONE SOUZAMembro SRZD desde 10/11/2009

    SONHAR NÃ?O CUSTA NADA!!!!!

Comentar