SRZD


14/02/2010 05h00

Talento do carnavalesco credencia Rocinha ao título do Carnaval 2010
Equipe SRZD-Carnavalesco

Mesmo com um desfile menos luxuoso que nos últimos anos, a Rocinha mostrou que tem um carnavalesco de ponta e pode ganhar o título do grupo A. Fábio Ricardo mostrou extremo bom gosto, tanto no trabalho das alegorias quanto nas fantasias, com um acabamento impecável. Achar erros nos carros da Rocinha foi impossível.

No entanto, uma correria no fim pode atrapalhar as pretensões da escola de São Conrado. Com medo de estourar o tempo de 58 minutos, a harmonia da escola resolveu acelerar o passo provocando a abertura de alguns buracos na frente dos dois últimos carros da escola.

Comissão de frente faz boa apresentação, apesar de fantasia pesada

A comissão de frente da azul, verde e branco da Zona Sul, coreografada por Marcio Moura e Celeste Lima, fez uma apresentação correta em frente ao terceiro módulo.

Formada por doze mulheres e três homens, a comissão representou a lenda do surgimento de Ykamiabas... O início de Tudo.

O coreógrafo Márcio Moura disse ao SRZD-Carnavalesco que gostou do desempenho da escola, ainda que uma integrante tenha saído amparada, já que a fantasia era muito pesada. A apresentadora Adriane Galisteu veio à frente fazendo a apresentação da agremiação.

Casal de mestre-sala e porta-bandeira com fantasias muito bem acabadas

A apresentação do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Daniel Elegância e Alessandra Chagas, em frente ao módulo 2, foi um pouco longa, mas muito bem executada.

Com fantasias muito bem acabadas e leves, o casal representou as civilizações da era glacial que migraram com destino a cinco partes do mundo, se espalhando e modificando a língua, a cor da pele e os costumes. Com 27 minutos de desfile, o casal se apresentou à cabine 3 de jurados, fazendo mais uma ótima apresentação.

Na última cabine, mestre-sala e porta-bandeira se apresentaram de maneira correta e os jurados aparentavam estar satisfeitos.

Bateria abre buraco no terceiro módulo

Os 240 ritmistas do Mestre Maurão representaram a primeira expedição europeia ao grande rio que cortou a região amazônica. Na hora em que os componentes da bateria pararam no terceiro módulo, um buraco foi formado em frente ao setor 11.

Na primeira parcial da bateria, o metrônomo do SRZD-Carnavalesco marcou 144 batidas por minuto. A bateria manteve o ritmo até o setor cinco.

Carros alegóricos impressionam na avenida

Muito bem acabado e com excelente uso da iluminação, o abre-alas da agremiação, "El Dourado Ykamiabas", chamou a atenção do público, mas teve lâmpadas apagadas. Papéis picados deram um efeito muito bom ao desfile.

Na última cabine de jurados, a ala que ficava atrás do segundo carro alegórico, "O reino das pedras verdes", deixou um pequeno buraco.

Já o terceiro carro alegórico, "Sagrada Lua Nova", demorou para avançar, em frente ao setor cinco, e abriu um buraco. O quarto carro alegórico "Náufragos", que representou os gritos das Ykamiábas de diversas tribos no momento do naufrágio da embarcação de Francisco Orellana, soltava bolhas na Avenida.

O quinto e último carro-alegórico soltava serpentina e papel picado na Avenida, mais um primor do carnavalesco Fábio Ricardo. Para completar o desfile no tempo certo, os integrantes da escola precisaram correr um pouco e acabaram abrindo dois buracos, um na frente do quarto carro e o outro na frente do último carro.

Presidente da escola elogia a comissão de frente

O presidente da Acadêmicos da Rocinha afirmou que o desfile foi maravilhoso e que o desenvolvimento da comissão de frente foi muito bom.

Opinião do especialista Luís Carlos Magalhães

Num clima belíssimo quando enunciado, mas impenetrável a olho nú. Só mesmo com uma cartilha ao lado. Do ponto de vista visual, a escola foi superior.

Variedade, beleza e requinte em fantasias e alegorias. O desfile perde em vibração em função da complexidade do enredo. E nos critérios vigentes é uma das favoritas.


Veja mais sobre:Grupo de Acesso A

Comentários
  • Avatar
    14/02/2010 22:19:03Rogerio RodriguesAnônimo

    Eu, Rogério Villar, intérprete de samba enredo, vos digo:sem tecer maiores comentários, o melhor intérprete da Marquês de Sapucaí no sábado de carnaval chama-se LELÃ?U. Se eu estiver errado, me critiquem. COM TODO RESPEITO, SENTE SÃ?...

  • Avatar
    14/02/2010 17:17:59rayaneAnônimo

    A Rocinha Vai Ganhar Tudo Vai Dar Certooo !

  • Avatar
    14/02/2010 14:27:43Brazilian CarnivalMembro SRZD desde 20/04/2009

    Jairo do Recreio concordo contigo, mais o desfile da Rocinha foi apenas pra quesito.

  • Avatar
    14/02/2010 12:25:03Jairo do RecreioAnônimo

    Acredito que os amigos não viram direito o desfile da Rocinha ou foram ao BOB"S lanchar, a idéia que a Rocinha não tem chão e não canta já não serve mais como justificativa. A Escola teve pequenos problemas mas nada sério, assim como a Renascer que deixou vários buracos, a São Clemente que escolheu um ótimo enredo mas não soube aproveitar, a Estácio com visíveis problemas de conjunto e por aí vai. A Rocinha vai disputar sim o título pelo terceiro ano consecutivo.

  • Avatar
    14/02/2010 12:11:31DeniseMembro SRZD desde 08/04/2009

    Rocinha tava linda, apesar de não estar como de costume rica. Esse ano a plástica da escola não foi o destaque, pois outras escolas estavam no mesmo patamar, por isso acho que a falta de chão e os pecados que cometeu na harmonia (poucas alas cantavam o fraco samba) podem ser fatais para as pretensões da escola.

  • Avatar
    14/02/2010 09:13:52Fábio ImperatrizAnônimo

    Lindo desfile, mas faltou garra.

  • Avatar
    14/02/2010 07:32:46LuisAnônimo

    Escola sem chão. Nem as alegorias se destacaram esse ano. Enredo complicado. Fora da briga pelo título.

  • Avatar
    14/02/2010 05:57:18CamilaMembro SRZD desde 14/02/2010

    NÃ?O ACHEI TUDO ISSO NÃ?O!!! A ROCINHA JÁ APRESENTOU ENREDOS E DESFILES MUIIITTTOOO SUPERIORES!!!

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.