SRZD



Soares Júnior

Soares Júnior



* Os textos desta seção não representam necessariamente a opinião deste veículo e são de responsabilidade exclusiva de seu autor.



24/07/2010 19h30

Caso Joanna Marins: a segurança da infância no CTI
Soares Júnior

No dia 26 de maio, Joanna sentou no colo de Cristiane e mexeu num cordão que a mãe tinha no pescoço. Nele, havia as fotos dos três filhos. A criança pegou a sua, colocou para trás e disse à mãe: "agora você só tem dois filhos". Cristiane e Joanna se abraçaram, a mãe negou com veemência a ideia da criança e ela partiu.

Logo depois, acompanhada pelo padrasto, Joanna Cardoso Marcenal Marins foi entregue ao pai, André Rodrigues Marins, na 5ª Vara de Família da Comarca de Nova Iguaçu. No laudo assinado por Cristina Segheto Rodrigues, responsável pelo expediente naquela data, Joanna aparentava estar bem cuidada e trouxera seus pertences pessoais.

Cerca de dois meses depois, a menina de 5 anos trava uma luta pela vida no CTI de uma clínica infantil, em Botafogo, Zona Sul do Rio. Joanna está em coma, respirando com auxílio de aparelhos. Os médicos chegaram a divulgar que ela tivera morte cerebral. No entanto, o diagnóstico não se confirmou. A tia materna disse: "A bichinha é forte, a situação é muito grave. São uns 400 degraus para subir, ela subiu dois, mas subiu".

A menina tem um edema extenso na cabeça, o que é o grande obstáculo que enfrenta para sair do coma. Ela tem marcas de queimadura nas nádegas e perto das axilas, além de um corte no pé. A polícia acredita que Joanna foi vítima de maus tratos.

Os pais da menina se conheceram no começo dos anos 2000 na Igreja Batista do Recreio, que frequentavam. Namoravam há cerca de um ano, quando Cristiane descobriu que estava grávida. Logo depois, o relacionamento acabou.

Joanna nasceu em 20 de outubro de 2004. Logo depois a mãe entrou com um pedido de pensão e visitação na 1ª Vara de Família de Nova Iguaçu. De acordo com a decisão, André poderia visitar Joanna aos sábados de 9 às 11h. No primeiro ano, ele cumpriu o acordo. Mas depois ele ficou um ano sem dar notícias. Parentes de Cristiane contam que a família sempre ficava na expectativa se ele entraria em contato em alguma data como Dia dos Pais ou Natal. 

André Marins reapareceu em 2006 e fez visitas regulares à filha. No entanto, em outubro de 2007, um problema aconteceu. Após uma saída com o pai, Joanna apresentou hematomas e um arranhão nas costas. Cristiane levou a menina ao Instituto Médico Legal de Nova Iguaçu e a delegacia da cidade abriu uma investigação, mas nada aconteceu.

Depois se seguiu mais um período de ausência do pai até dezembro de 2009, isto é, pouco mais de dois anos. Quando reapareceu, André estava com a polícia e foi ao prédio de Cristiane. Os porteiros avisaram que ela estava viajando.

Em janeiro de 2010, Cristiane foi chamada ao Fórum de Nova Iguaçu. Ela foi ouvida por uma psicóloga. Durante a sessão, Cristiane diz ter sido mal tratada pela psicóloga. Como forma de se resguardar, ela prestou queixa na Corregedoria do Fórum de Nova Iguaçu. Pelo lado materno apenas Cristiane foi ouvida, enquanto pelo lado de André foram ouvidos ele próprio, a atual mulher, o pai e a mãe dele.
Nesse laudo, é sugerida a reversão da guarda.

Enquanto se travava esta disputa, Cristiane se mudou para Campos do Jordão. Mandou um telegrama para avisar ao pai, no entanto a mensagem voltou e ela fez constar do processo que tentara comunicar a mudança. Entre março e abril, André esteve duas vezes na cidade paulista e viu a filha.

Em maio, a Justiça do Rio reverteu a guarda de Joanna, sem a visitação da mãe por causa da síndrome de alienação parental, quando um dos progenitores induz a criança a perder contato e não reconhecer o outro. A reversão da guarda foi concedida em meio ao ano escolar, quando a menina estava em processo de alfabetização.

Chegamos então a julho de 2010. Uma pessoa que se identificou como amiga de André ligou para um dos hospitais de Campos do Jordão, onde Cristiane Marcenal Ferraz atua como cardiologista. A pessoa disse que Joanna estava mal e que a médica deveria ver a filha.

Cristiane falou com o pai da menina que disse: "sua filha está morrendo, venha". Ao chegar na clínica, no Rio, André não estava. Presentes no local o pai dele, a tia, a promotora Maria Helena Rodrigues Biscaia, que, de acordo com os parentes maternos de Joanna, é mulher do deputado federal Antonio Carlos Biscaia.

Desde então há um plantão de amigos na frente do hospital. André esteve no primeiro dia e quando tentou voltar foi rechaçado pelos parentes maternos da menina. Não mais voltou. A juíza da 5ª Vara de Família de Nova Iguaçu, Cláudia Nascimento Vieira, devolveu a guarda de Joana à mãe.

Cristiane não sai do hospital. A todos que vão visitar a filha ela pede orações. Se mostra forte, mas quando chega alguém mais próximo, desaba. Depois recobra o espírito e segue na sua vigília.

Há muitas perguntas a serem respondidas nesta história. Por exemplo, o motivo para os longos períodos de ausência de André Rodrigues Marins. Mesmo assim o serventuário da Justiça do Rio conseguiu a reversão da guarda da criança. Que motivos tão contundentes teriam sido apresentados para a decisão da Justiça pela concessão da guarda ao pai? Que fim levou a investigação sobre as possíveis agressões que Joana sofrera em 2007?

Vale ressaltar que as suspeitas começaram quase três anos antes de Joanna travar esta guerra incerta pela vida. A sociedade, a família e a Justiça precisam se conscientizar da importância de assegurar o direito à vida do menor e interpretar corretamente sinais que podem anteceder uma tragédia.

 


Comentários
  • Avatar
    28/11/2012 01:54:35Processo No 0027270-66.2011.8.19.0209Anônimo

    Onde foi para o resultado do Processo No 0027270-66.2011.8.19.0209? O TJ/RJ simplesmente arquivou o PROCESSO COM BAIXA? Quem foi a promotora da Comarca da Capital que atuou na 27ª Vara Criminal E manifestou-se pelo arquivamento? Seria bom que alguém buscasse informação no Cartório da 27ª Vara Criminal no Endereço: Av. Erasmo Braga 115 L II sala 712 , Bairro: Centro, Cidade: Rio de Janeiro. Afim de publicar informações sobre o fato!

  • Avatar
    25/04/2012 15:29:28KELLY ARAUJOAnônimo

    QUE DEUS ESTEJA PRESENTE EM CADA DIA DE SUA VIDA,MINHA ANGUSTIA Ã? IMENSA,SUA DOR INCONPARÁVEL,DA JUISA QUE CONSEDEU A GUARDA A BABÁ QUE PRESENCIOU A CRIANÃ?A SENDO MAUTRATADA,CADA UM TERÁ SUA SENTENÃ?A,DEUS Ã? UM DES VIVO!

  • Avatar
    03/04/2012 14:49:44SOLANGEAnônimo

    Pra mim, por ele ser serventuário da justiça e parente da Juíza, foi a única coisa que facilitou ele conseguir a guarda da Joanna. Qualquer outro Juiz do país negaria essa guarda. Alguém devia ter tentado alegar parcialidade, impedimento neste caso, mas infelizmente nada vai trazer ela de volta. Só a saudade......

  • Avatar
    28/03/2012 05:37:35Cadeia ja´ para Andre´ Marins e Vanessa MaiaAnônimo

    Como pode ser, um torturador confesso ainda estar solto. Agora todos podem ver, por toda a cidade do Rio de Janeiro, estão sendo colocadas faixas: Justiça para Joanna Marcenal. Isso mesmo, JUSTIÃ?A PARA A JOANNA. Torturada pelo próprio pai e pela madrasta. Esse caso faz lembrar o Caso Isabella Nardoni. Mas mesmo assim, a justiça ainda não foi feita. O pai da Joanna ainda trabalha, imaginem só no TJ do Rio de Janeiro e vive a vida com a madrasta da Joanna como se fossem pessoas de bem. Os dois tem duas filhas, que um dia saberão o que eles fizeram com a meio-irmã delas. Assassinos covardes!!!

  • Avatar
    12/03/2012 13:54:14SILVIA BENASSIAnônimo

    Bom...nenhum comentário serve pra apaziguar a dor dessa mãe, e também a dor intensa que Deus sente, por ver seus filhos, matando seus filhos..Ã? triste, muito triste ver como o ser humano é...podre. Perder a filha, para um demente como esse, é a pior provação que alguém pode passar. Deus perdooe nossos erros e cuide bem da jovem Joana, que sofreu e sofre tanto de saber que o cara que deveria cuidar dela, a eliminou e a afastou da convivência de quem a amava de verdade..sua mãe. Deus nos perdooe pela dor que o senhor sente!!! Meus verdadeiros sentimentos.

  • Avatar
    17/10/2011 09:51:43ANDRÃ? EM OUTRA BRIGAAnônimo

    Lívia e Andréa CORRAM NA CASA DO ANDRÃ? QUE ELE ESTÁ BATENDO NA VANESSA MAIS UMA VEZ!!!! Processo No 0027270-66.2011.8.19.0209 Primeira instância Distribuído em 14/10/2011 Regional da Barra da Tijuca 9º Juizado Especial Criminal Cartório do 9º Juizado Especial Criminal Endereço: Av. Luiz Carlos Prestes s/nº 1º andar Bairro: Barra da Tijuca Cidade: Rio de Janeiro Ofício de Registro: 1º Ofício de Registro de Distribuição Ação: Lesão Corporal Leve (Art. 129 - Cp), § 9º Assunto: Lesão Corporal Leve (Art. 129 - Cp), § 9º Classe: Termo Circunstanciado Vítima VANESSA MAIA FURTADO Autor do Fato NDRE RODRIGUES MARINS Tipo do Movimento: Remessa Destinatário: M inistério Público Data da remessa: 14/10/2011 Prazo: 15 dia(s) Processo(s) no Conselho Recursal: Não há. Localização na serventia: .

  • Avatar
    29/03/2011 13:29:41MárciaAnônimo

    Lívia e Andréa, você deveriam no mínimo ter vergonha de defender um monstro, um crápula desse em público, provavelmente vocês são familiares. Tanto ele quanto a família foram condescendentes com essa desgraça ocorrida. A criança estava com marcas por todo o corpo, e vocês ainda falam que ele a amava? Deveríamos ter em nosso país Pena de Morte, porque isso é o mínimo que deveriam acontecer com as pessoas envolvidas nesse caso.

  • Avatar
    27/01/2011 07:13:38jussara de fatima silveira almeidaAnônimo

    Estou passando por um problema semelhante ao da Joanna, minha neta de 6 anos, é filah da minah filha que faleceua 4 meses, vitma d ehiv, contminada pelo primeiro namorado, pai da filah delea, ficou infectada por 12 anos,a té morrer e nunc a contou a ninguem so familia a familia dele sabia, veio a falecer sem que a sua familia soubesse do que estava morrendo e agora o apid aminah neta quer tira rela de mim, fui quem a criei, esta com 6 anos, não quer saber do pai e madrasta, vou fugir par ao sul do brasil, agora estpou em criciuma sc.por favor algum reporte me ajude, quero contar minah historia par ao Brasil todo.

  • Avatar
    12/01/2011 13:35:33ClaudeteAnônimo

    Moro no estado do Paraná, sou mãe de uma menina de 7 anos, e tenho um processo na justiça semelhante ao caso Joana (em minhas orações tenho pedido a Deus que conforte o coração desta mãe). Neste momento eu e minha filha estamos escondidas por conta de estar descumprindo liminar que da direito ao pai de passar ferias com ela sem que ele tenha informado sequer o endereço onde mora. Hoje a minha advogada informou que foi contatado pelo advogado do pai, o mesmo informou que ele não quer acordo e vai tirar a guarda dela de mim de qualquer forma. Por questão de honra, se pelo menos fosse amor pela filha.... Eu tenho informado a justiça que ele precisa ser avaliado por profissionais da saúde. Até o momento não tive êxito. Peço orações e se tiver alguém que possa me orientar por favor contate-me.

  • Avatar
    04/01/2011 18:06:55Juliana VitolAnônimo

    Lamentável esse caso. O importante é saber que a justiça foi feita e quem precisa pagar pelo fim trágico dessa menina, já está prestando contas. Uma reflexão da justiça desse país precisa ser feita, ao conceder a guarda de uma criança indefesa a pessoas que aparentemente não possuem condições de criarem a menina de uma forma digna.

  • Avatar
    13/12/2010 10:10:37madalenaAnônimo

    minha querida cristiane foça e corangem,a carol oliveira conseguiu ter foça e vc precisa tambem,adoro muito vc o que o pai dela e da isa fizeram nao tem volta,mais lembre-se ela e a isabela estao la no ceu ao lado de deus pra abençoa tanto vc como a carol força linda ,hoje podemos dizer que amamos todas duas eu amo muito a isapois ela é minha prima e amo a joana por que ela é mais uma estrelinha que brilha no ceu.bjs madalena sobral-ce

  • Avatar
    13/12/2010 10:05:42madalenaAnônimo

    minha querida cristiane foça e corangem,a carol oliveira conseguiu ter foça e vc precisa tambem,adoro muito vc o que o pai dela e da isa fizeram nao tem volta,mais lembre-se ela e a isabela estao la no ceu ao lado de deus pra abençoa tanto vc como a carol força linda ,hoje podemos dizer que amamos todas duas eu amo muito a isapois ela é minha prima e amo a joana por que ela é mais uma estrelinha que brilha no ceu.bjs madalena sobral-ce

  • Avatar
    13/12/2010 10:05:12madalenaAnônimo

    minha querida cristiane foça e corangem,a carol oliveira conseguiu ter foça e vc precisa tambem,adoro muito vc o que o pai dela e da isa fizeram nao tem volta,mais lembre-se ela e a isabela estao la no ceu ao lado de deus pra abençoa tanto vc como a carol força linda ,hoje podemos dizer que amamos todas duas eu amo muito a isapois ela é minha prima e amo a joana por que ela é mais uma estrelinha que brilha no ceu.bjs madalena sobral-ce

  • Avatar
    25/11/2010 12:33:37Maria Dalva AlvarezAnônimo

    Mãe de Joanna(Cristiane Marcenal).Todos os dias e noites lembro de voce e de sua Joaninha.Já me pronunciei por duas vezes, como mulher comum que sou e encorajamento para voce em fase tão difícil e trajetória tão desgastante.Porque lembro-me de voce todos dias?Porque tenho aos meus cuidados minha mãe,tetraplégica, com mal de parkinson e outras enfermidades.Alimenta-se e higieniza-se por minhas mãos.Há 3 anos e alguns meses.Ao servir minha mãe, mesmo sem querer lembro-me de Joaninha,que não precisava de tratamento tão especial como minha mãe que não se movimenta.Ela,(Joanna),que todos os dias vejo seu rostinho no site e que se tornou familiar para mim,inspira semblente de um anjo.Anjo que foi desprezado,destratado,por quem fez questão de tira-la do seu ninho de aconchego.Chego a pensar, que Jesus em seu amor acima de todos amores, suavisou as dores de Joaninha, deixando ali inerte o corpo que denunciaria seus algozes.Que mostraria a mãe tão dedicada que sempre foi, os gritos silenciosos de sua filhinha, porque Deus é Justiça.Parabenizo-a,encorajo-a e sou sua intercessora diariamente para que Jesus a cubra de todas as bênçãos e meios de fazer da história de Joaninha, histórias que não se repitam mais.Joanna de pequena idade,marcará através de esforços sobre naturais de sua MÃ?E com todas letras maísculas(CRISTIANE MARCENAL),uma época diferente, onde os inocentes, os incapazes e os anjos que Deus nos permite conviver, uma nova história de Respeito, Humanidade e Temor a Deus.A Palavra do Senhor diz:Ai daquele que cair nas mãos do Deus Vivo!Deus é Misericórdia, mas também, fogo consumidor!CORAGEM,MÃ?E, DEUS Ã? CONTIGO E O POVO TAMBÃ?M! CONTINUE,DEUS A FORTALECERÁ.JUSTIÃ?A PARA JOANINHA.

  • Avatar
    20/11/2010 22:53:26ORRORIZADAAnônimo

    HÁ VAGABUNDA DA MADRASTA,JA PASSOU DE TEMPO DE SER PRENSA,ELA FOI PIOR QUE O PROPIO PAI DA GAROTA,POR SER MULHER E MÃ?E,TER ACEITADO E AJUDADO NA TORTURA DA GAROTA!!!!!POR FAVOR TRAGAM E COLOQUE-A EM MEIO-AOS PRESIDIARIOS AQUI NO CADEIÃ?O DE MONTES CLAROS,ELA VERAR O QUE E BOM ,VADIA CADEIA NELA

Comentar

Isso evita spams e mensagens automáticas.